Frase do dia

Tome cuidado Trump, minha geração vota na próxima eleição

CARTAZ CARREGADO POR MENINAS NAS MANIFESTAÇÕES EM WASHINGTON CONTRA A POSSE DE DONAL TRUMP COMO PRESIDENTE DOS ESTADOS UNIDOS comentar

23 de janeiro de 2017, 17:51

BRASIL Justiça mantém bloqueio de R$ 665 milhões de Luciano Coutinho, Bumlai e mais 21 por operação do BNDES

A Justiça Federal de Dourados (MS) aceitou os pedidos do Ministério Público Federal no Mato Grosso do Sul (MPF) e manteve o bloqueio de bens do ex-presidente do BNDES Luciano Coutinho, do pecuarista José Carlos Bumlai, amigo do ex-presidente Lula, além de outras 21 pessoas e uma empresa por suspeita de irregularidades na concessão de empréstimos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES) para a Usina São Fernando, companhia da família Bumlai, em Dourados. Foi determinado o bloqueio de R$ 665,76 milhões em bens móveis e imóveis destinados a cobrir os prejuízos causados aos cofres públicos pelas fraudes perpetradas pelos réus. A decisão foi tomada em uma ação civil pública movida pela Procuradoria da República no MS é de dezembro do ano passado, mas foi divulgada pelo MPF nesta segunda-feira, 23, após a Justiça Federal levantar o sigilo dos autos. Na decisão, a Justiça Federal em Dourados rejeitou os recursos das defesas dos réus. O Ministério Público Federal acusa o ex-presidente do BNDES, Luciano Coutinho, diretores da instituição, José Carlos Bumlai e seus filhos Maurício e Guilherme, e a Holding Heber Participações – Grupo Bertin – de diversas fraudes que teriam resultado na concessão e renegociação de empréstimos para a Usina São Fernando, entre 2008 e 2012, no valor total de R$ 395,17 milhões por meio de operações diretas com o BNDES e R$ 101,5 milhões via operação indireta. Leia mais no Estadão.

Estadão

23 de janeiro de 2017, 17:42

BAHIA Em aceno à base, Rui cobra “carinho” de secretários a deputados

Foto: Secom_Ba

Rui Costa dá posse a seus sete nove secretários em solenidade na Fundação Luis Eduardo Magalhães

Num aceno à base no sentido de que está mais atento às suas queixas, o governador Rui Costa (PT) cobrou hoje na posse dos seus novos sete secretários que os auxiliares atendam os deputados com a maior brevidade possível. “Recomendei que a gente possa acelerar a marcação de audiências, porque um deputado não vem só pedir. Ele vem apresentar sugestões que ajudam a melhorar a máquina pública e o funcionamento do estado”, declarou o governador em seu discurso, observando que, mesmo quando não há disponibilidade para atender os pleitos, o parlamentar precisa ser bem tratado, “com carinho”. “Quando vem pedir e não tem para dar, eu me lembro da frase que Otto gosta de falar: ‘Pode não ter o pão que alimenta, mas não pode faltar a palavra que conforta’”, acrescentou, afagando o senador Otto Alencar, do PSD.

A equipe do governo do Estado conta com sete novos secretários, empossados pelo governador, em solenidade no auditório da Fundação Luís Eduardo Magalhães (Flem), no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador. José Vivaldo Mendonça assume a Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti); Jaques Wagner, de Desenvolvimento Econômico (SDE); Fernando Torres, de Desenvolvimento Urbano (Sedur); Olívia Santana, do Trabalho, Emprego, Renda e Esporte (Setre); Carlos Martins, de Justiça, Direitos Humanos e Desenvolvimento Social (JDHDS); Geraldo Reis, do Meio Ambiente (Sema); e Julieta Palmeira, de Políticas para as Mulheres (SPM).

Na ocasião, Rui indicou o critério para a escolha dos secretários. “O equilíbrio entre o técnico e alguma sensibilidade política. É isso que nós buscamos. Não interessa ter alguém técnico que não tem sensibilidade do quanto aquilo impacta na melhoria na vida das pessoas. E também não adianta a pessoa apenas com perfil político, que não saberá executar aquilo que tem feito. A escolha partiu de quem tem conhecimento técnico, além de saber manter ou mudar uma equipe que já está em andamento. Os projetos são do Governo do Estado e não dos secretários”, afirmou.

23 de janeiro de 2017, 17:38

SALVADOR Comissão vistoria locais para piscina olímpica em Salvador

Foto: Max Haack

Terreno onde será instalada a Piscina Olimpica

Dentro de seis meses, Salvador vai passar a contar com um equipamento apto a formar atletas de alto rendimento em esportes aquáticos. A informação é da Secretaria Municipal de Trabalho, Esportes e Lazer (Semtel), após comitiva de gestores e técnicos da Prefeitura e pessoas ligadas ao esporte vistoriarem diversos pontos da capital baiana nesta segunda-feira (23). A iniciativa visa buscar um local apropriado para instalação de uma das piscinas do Estádio Aquático dos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, cedidas após o evento esportivo. Além de Salvador, Manaus (AM) também foi contemplada com equipamento similar. Voltada para a formação de jovens atletas, a piscina mede 25×50 com dois metros de profundidade. A cessão do equipamento é fruto de um acordo de cooperação técnica entre o município, por meio da Semtel, e mais três entes. Um deles é a Aeronáutica, responsável pela aquisição do equipamento junto ao fabricante. Outros dois são o Ministério dos Esportes, que definiu as cidades que receberiam os equipamentos, e a Myrtha Pools, empresa italiana líder do mercado de piscinas na Europa, que fabricou a piscina e será responsável pela montagem na capital baiana. “Temos vistoriado áreas de propriedade da Prefeitura e outras de interesse comum para definição do melhor lugar para instalação. A piscina já foi desmontada e todos os pré-requisitos solicitados já foram cumpridos. Também dispomos de uma empresa apta a realizar o traslado do equipamento do Rio de Janeiro para cá. Todo o trabalho prévio foi viabilizado pelo Escritório Salvador Cidade Global (ESCG), sob a tutela do secretário Jorge Khoury, e a transferência dessa piscina é uma das prioridades da pasta”, afirma o titular da Semtel, Geraldo Júnior.

23 de janeiro de 2017, 17:19

BRASIL Justiça decreta sigilo sobre caso do acidente de Teori

Foto: Fabio Motta/Estadão

Balsa chega para retirar destroços da aeronave acidentada proximo a Ilha Rasa em Paraty

O juiz Raffaelle Felice, da 1ª Vara Federal de Angra dos Reis (RJ), decretou nesta segunda-feira, 23, sigilo nas investigações sobre a queda do avião que matou o ministro do Supremo Tribunal Federal (STF) Teori Zavascki e outras quatro pessoas no mar em Paraty (RJ), na última quinta-feira, 19. Funcionários da empresa AGS continuaram a fazer o resgate dos destroços do avião nesta segunda-feira. O trabalho, iniciado na noite de domingo, 22, foi feito com o auxílio de uma balsa, com um guindaste acoplado, a cerca de dois quilômetros de Paraty. Os destroços serão levados para a Base Aérea do Galeão, na capital fluminense, onde ficarão à disposição dos investigadores do Centro de Investigação e Prevenção de Acidentes Aeronáuticos (Cenipa). O Cenipa informou na tarde desta segunda-feira que o gravador de voz do avião foi danificado pelo contato com a água. A Polícia Federal e o Ministério Público Federal (MPF) ouvirão na terça-feira, 24, depoimentos de testemunhas da queda da aeronave.

Estadão

23 de janeiro de 2017, 17:19

MUNDO Trump proíbe financiamento a entidades que defendem aborto

Além do ato que retira os Estados Unidos da Parceria Transpacífico, o Tratado Transpacífico de Comércio Livre (TPP, sigla em inglês), que iria englobar 40% da economia mundial e 800 milhões de pessoas, o presidente Donald Trump assinou dois outros decretos de grande impacto doméstico.O primeiro proíbe financiamento do governo federal para organizações não-governamentais estrangeiras que promovam ou paguem o aborto. O segundo congela a contratação de novos servidores nos órgãos do governo federal. Essa medida, porém, não vale para as Forças Armadas, que podem continuar contratando, se necessário.O decreto sobre o aborto significa, na prática, que o presidente Trump revalidou uma medida da época do ex-presidente Ronald Reagan. A medida veda ajuda dos Estados Unidos a órgãos não-governamentais prestadores de serviços de saúde, que atuam em outros países, que discutam ou incluam o aborto como uma opção de planejamento familiar.

23 de janeiro de 2017, 17:06

BRASIL Gravador de voz do avião que matou Teori foi danificado pela água, diz Cenipa

A aeronave ficou bastante danificada no acidente em Paraty

Após almoço na residência oficial da Câmara dos Deputados, a bancada do PSD decidiu fechar apoio à recondução de Rodrigo Maia (DEM-RJ) ao cargo de presidente da Casa. A formalização se dará na terça-feira, 24, após conversa do novo líder do PSD, Marcos Montes (MG), com seu antecessor Rogério Rosso (DF), candidato ao posto. A água atingiu, segundo os militares encarregados das investigações, a “base” do equipamento, onde estão cabos e circuitos que fazem a ligação para armazenamento das informações. A outra parte do gravador, que armazena os dados gravados, é, segundo o Cenipa, “altamente protegida”. O aparelho registra conversas na cabine da aeronave e pode ajudar os investigadores a entender o que aconteceu momentos antes da queda. O aparelho, que chegou no sábado, 21, a Brasília para ser analisado no Laboratório de Análise e Leitura de Dados de Gravadores de Voo (Labdata), precisará ser submetido a secagem, verificação da integridade das gravações, degravação dos dados e sua transcrição. “O tempo de duração de todo o processo depende das condições do equipamento”, afirmou o Cenipa, em nota.

Estadão

23 de janeiro de 2017, 17:05

INTERIOR DA BAHIA Aliada de Solla em Barreiras é demitida por secretário da Saúde

Foto: Mural do Oeste

Vereadora Graça Mello era médica no Hospital do Oeste

Além de não ter indicado uma viv’alma na reforma administrativa do governador Rui Costa (PT), o deputado federal Jorge Solla, ex-secretário de Saúde na gestão do antecessor Jaques Wagner, foi brindado, no Oeste baiano, com a demissão da vereadora Graça Mello (PTB), de Barreiras, uma médica, do Hospital do Oeste. Para assessores de Solla, seria mais uma das “inúmeras” retaliações que o secretário de Saúde, Fábio Villas Boas, não pára de fazer contra ele dois anos depois de ter assumido o cargo no governo Rui Costa.

23 de janeiro de 2017, 16:53

BAHIA Otto rebate críticas à nomeação de Wagner para secretário de Rui

O senador Otto Alencar (PSD) atacou hoje, durante a posse dos novos secretários, os críticos da ida do ex-governador Jaques Wagner (PT) para o secretariado do governador Rui Costa (PT). “Isso só não cabe na cabeça daqueles que não tem compromisso público”, criticou o senador do PSD, acrescentando que a nomeação de um ex-governador para o primeiro escalão do Estado não era inédita na Bahia. “Eu mesmo já elegi um governador e passei a ser secretário depois”, declarou Otto, que passou a ser secretário quando encerrou um mandato tampão no governo no qual foi sucedido por Paulo Souto (DEM).

23 de janeiro de 2017, 16:51

MUNDO Líbia apreende livros de Paulo Coelho, Dan Brown e Nietzsche

Um grupo de escritores e intelectuais líbios denunciaram hoje (23) que as autoridades do país apreenderam dezenas de livros considerados “eróticos” ou contra o Islã, na cidade de Al Marj, no leste da Líbia. As informações são da Agência Ansa. Entre as obras confiscadas, em árabe e importados do Egito, estão títulos do brasileiro Paulo Coelho, do filósofo alemão Friedrich Nietzsche, do romancista norte-americano Dan Brown e do egípcio Naguib Mahfuz, prêmio Nobel de Literatura. Durante o fim de semana, circularam vídeos com dezenas de livros sendo colocados em um caminhão. Autoridades religiosas e de segurança alegaram que os volumes também promovem a difusão do xiismo, cristianismo e bruxaria, e denunciaram uma “invasão cultural” no país. Após o acontecido, os escritores, entre eles Azza Maghur, Idriss Al Tayeb e Radhuan Bushwisha, denunciaram a apreensão de livros e afirmaram que a atitude é “uma tentativa de amordaçar as vozes e confiscar a liberdade de opinião e de pensamento”. Em sua conta no Twitter, Paulo Coelho afirmou ter entrado em contato com a embaixada do Brasil na Líbia. “Não há muito que eles possam fazer, mas não posso ficar sentado vendo meus livros serem queimados”, escreveu.

Estadão Conteúdo

23 de janeiro de 2017, 16:47

BAHIA Wagner diz que virou secretário por apelo “de vários companheiros”

O ex-governador Jaques Wagner, novo secretário de Desenvolvimento Econômico nomeado pelo governador Rui Costa (PT) neste final de semana, disse há pouco, durante a solenidade de posse, que sua transferência do cargo de chefe do Conselho de Desenvolvimento Econômico e Social, o Conselhão, para a pasta foi resultado do apelo “de vários companheiros”. Embora não queira dizer que vai assumir a coordenação da articulação política do governo, Wagner disse que todo secretário tem a função de conversar com aliados, movimentos sociais e empresariado. Também foi menos enfático contra a reeleição do presidente da Assembleia Legislativa, deputado estadual Marcelo Nilo (PSL), que já criticou. “O governador Rui Costa fala sobre isso. Eu já disse várias vezes que o Marcelo Nilo tem sido um presidente da Assembleia que sempre tem contribuído para a harmonia entre os poderes e tem dado muita tranquilidade ao meu governo e ao governo de Rui”, declarou.

23 de janeiro de 2017, 16:37

ECONOMIA Bradesco, Caixa e Santander lideram ranking de reclamações do BC no 2º semestre

O Bradesco, a Caixa e o Santander foram as instituições com maior índice de reclamações, por parte dos clientes, no segundo semestre do ano passado. O ranking foi publicado nesta segunda-feira, 23, pelo Banco Central e considera instituições financeiras com mais de quatro milhões de clientes. No topo da lista está o Bradesco, com índice de reclamações de 58,59. Neste caso, são consideradas todas as instituições que fazem parte do conglomerado, como o próprio banco Bradesco, o banco Alvorada e o Bradesco Cartões, entre outras. Pela metodologia do BC, o índice é calculado com base no número de reclamações consideradas procedentes, dividido pelo número total de clientes do banco e multiplicado por um fator fixo (1.000.000). No caso do Bradesco, foram 5.443 reclamações consideradas procedentes de julho a dezembro, numa base total de 92.899.327 clientes. Na segunda posição entre as instituições que foram alvo de reclamações aparece a Caixa, com índice de 50,24 no segundo semestre (4.139 reclamações procedentes e 82.371.204 clientes). Na terceira posição do ranking está o Santander, com índice de 45,20, resultado de 1.661 reclamações procedentes numa base de 36.744.003 clientes. Nestes casos, também são consideradas as reclamações feitas contra todos os ramos dos conglomerados. Na sequência do ranking, ainda considerando os bancos e as financeiras com mais de 4 milhões de clientes, aparecem Itaú (índice de 38,39 no semestre), Banco do Brasil (33,65), Banrisul (27,06), Votorantim (18,07), Midway (3,75), Pernambucanas (1,18) e Banco do Nordeste (0,17).

23 de janeiro de 2017, 16:24

BAHIA Estratégia de controle da febre amarela será discutida com prefeitos

Desde a semana passada, 67 municípios do oeste, sudoeste e extremo sul baiano intensificaram a vacinação contra a febre amarela. A recomendação para imunizar 100% da população foi emitida pela Vigilância Epidemiológica do Estado, que levou em conta a situação da doença no país, com a ocorrência recente de óbitos em São Paulo, Goiás e Minas Gerais, incluindo regiões que fazem divisa com a Bahia. Para reforçar e debater estratégias para controle da febre amarela e para imunização de toda a população desses 67 municípios, o secretário da Saúde do Estado, Fábio Vilas-Boas, e técnicos da Superintendência de Vigilância e Proteção à Saúde se reunirão com prefeitos e secretários municipais de saúde. O encontro acontece nesta terça-feira (24), a partir das 14h, no auditório da Secretaria de Infraestrutura (Seinfra), no Centro Administrativo da Bahia (CAB), em Salvador. Dos 67 municípios, 45 estão localizados na área de risco para transmissão da febre amarela silvestre. São eles: Angical, Baianópolis, Barra, Barreiras, Bom Jesus da Lapa, Brejolândia, Buritirama, Campo Alegre de Lourdes, Canápolis, Carinhanha, Casa Nova, Catolândia, Cocos, Coribe, Correntina, Cotegipe, Cristópolis, Feira da Mata, Formosa do Rio Preto, Ibotirama, Itaguaçu da Bahia, Iuiú, Jaborandi, Luís Eduardo Magalhães, Malhada, Mansidão, Morpará, Muquém de São Francisco, Paratinga, Pilão Arcado, Remanso, Riachão das Neves, Santa Maria da Vitória, Santa Rita de Cássia, Santana, São Desidério, São Félix do Coribe, Sento Sé, Serra do Ramalho, Serra Dourada, Sítio do Mato, Sobradinho, Tabocas do Brejo Velho, Wanderley e Xique-Xique. Os demais 22 apresentam grande circulação de pessoas vindas do estado de Minas Gerais. São eles: Alcobaça, Belmonte, Caravelas, Eunápolis, Guaratinga, Ibirapuã, Itabela, Itagimirim, Itamaraju, Itanhém, Itapebi, Jucuruçu, Lajedão, Medeiros Neto, Mucuri, Nova Viçosa, Porto Seguro, Prado, Santa Cruz de Cabrália, Teixeira de Freitas, Vereda e Vitória da Conquista.

23 de janeiro de 2017, 16:11

BRASIL Em campanha, ministro da Justiça vai à posse de advogados da AGU

Foto: Divulgação

O ministro da Justiça, Alexandre de Moraes

O ministro da Justiça, Alexandre de Moraes, participa neste momento da cerimônia de posse de advogados da Advocacia Geral da União, em Brasília. Cotado para assumir a cadeira no Supremo Tribunal Federal, que ficou vazia com a morte de Teori Zavascki em um acidente de avião, Alexandre de Moraes fez questão de encaixar o evento na sua agenda.

Estadão

23 de janeiro de 2017, 15:58

BRASIL PSD fecha apoio a Maia para presidência da Câmara

Foto: Dida Sampaio/Estadão

Rogério Rosso (PSD-DF) e Rodrigo Maia (DEM-RJ)

Após almoço na residência oficial da Câmara dos Deputados, a bancada do PSD decidiu fechar apoio à recondução de Rodrigo Maia (DEM-RJ) ao cargo de presidente da Casa. A formalização se dará na terça-feira, 24, após conversa do novo líder do PSD, Marcos Montes (MG), com seu antecessor Rogério Rosso (DF), candidato ao posto. Durante o encontro com Maia, os deputados ouviram que em sua chapa haverá lugar para o PSD na Mesa Diretora, seja na segunda, na terceira ou na quarta-secretaria. Os parlamentares demonstraram ressentimento por terem sido preteridos da relatoria da PEC da Reforma da Previdência, mas receberam o sinal de que poderão futuramente relatar projetos relevantes. O PSD também participará das negociações em torno da escolha do novo líder do governo na Casa. Além disso, foi prometido aos deputados um espaço físico melhor para a liderança do PSD na Câmara. “Agora queremos compor com ele (Maia)”, afirmou Montes. A bancada divulgará na terça-feira uma nota oficial ressaltando seu compromisso com a governabilidade e destacando seu respeito a Rosso, que formalmente ainda é líder dos 37 deputados. Preocupado em não melindrar Rosso, Montes conversará com o deputado ainda nesta segunda-feira, 23, e informará que a bancada não apoiará sua candidatura. Na conversa, Montes deve enfatizar que a sigla deu tempo para Rosso se viabilizar politicamente e que se ele quiser continuar na disputa, não terá o apoio dos colegas de bancada. O novo líder da bancada disse que as questões jurídicas envolvendo a candidatura de Maia não preocupam o PSD. “Se houver inviabilidade jurídica, outros candidatos reaparecerão e vamos discutir a situação”, declarou Montes. Amanhã, ele deve se encontrar com Maia em Uberaba (MG) para confirmar o apoio. Isolado do PSD, Rosso vem fazendo uma campanha com foco nos votos individuais. Embora venha sendo estimulando por parlamentares do Centrão a não desistir da candidatura para garantir a realização de um segundo turno, Rosso disse a aliados que, se não tiver o apoio do próprio partido, desistirá.

Estadão

23 de janeiro de 2017, 15:45

MUNDO Trump deve conversar com presidente do Egito nesta segunda-feira

O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, planeja conversa ainda nesta segunda-feira com o presidente do Egito, Abel Fatah al-Sisi, segundo informações da Casa Branca. Será a primeira conversa entre os EUA e líderes egípcios desde que Trump assumiu na última sexta-feira. Os dois conversaram um mês atrás, quando Trump tentou intervir em uma ação no Conselho de Segurança das Nações Unidas, que aprovou uma resolução que condenava a construção de assentamentos israelenses. O Egito havia redigido a resolução da ONU, mas pediu um adiamento da votação depois que Sisi conversou com Trump. Mais tarde, o projeto foi aprovado. Fonte: Dow Jones Newswires.