22 de março de 2009, 13:19

Ida de Pinheiro para administração anima políticos

Com estilo de super-secretário que pretende, ao mesmo tempo, não perder tempo e recuperar o tempo perdido, Walter Pinheiro (Planejamento) está deixando animados colegas de administração que não pertencem ao PT.

“É um cara com visão política no âmbito da administração, o que pode ajudar os colegas que enfrentam dificuldades de relacionamento com o governo”, solta um secretário ouvido pelo Política Livre

No PT, que tem a maioria das pastas no governo, apesar das várias correntes petistas e suas divergências, a chegada do novo secretário também é bem vista. A visão é compartilhada por deputados.

“Pinheiro nem começou de fato a trabalhar – a posse foi na última quinta-feira -, mas na prática já começamos a ver que tem disposição para mudar a face da administração”, conta um parlamentar que nunca havia sido contatado pelo governo antes.

O jejum foi quebrado na sexta-feira passada, quando sua secretária ligou de Brasília para dizer que a bancada federal deve ter uma reunião com o novo secretário entre os dias 30 e 31 próximos. “Ele (Pinheiro) terá que preparar o ouvido”, antecipa.

22 de março de 2009, 13:02

Bornhausen defende candidatura “natural” de Serra

Enquanto o PSDB discute prévias para escolher o candidato a presidente, o DEM declara sua preferência pelo governador paulista José Serra e prega o respeito dos tucanos a uma velha regra da política: a candidatura natural. “O governador de Minas Gerais, Aécio Neves, é um bom nome e merece o maior respeito, mas, como ex-presidente do DEM, membro da Executiva e do Conselho Político, sou obrigado a dizer que há uma candidatura natural e sua tradução é José Serra”, diz Jorge Bornhausen em entrevista à repórter Cristiane Samarco, do Estado. Confira principais trechos:

P – O DEM recuou da posição inicialmente contrária às prévias do PSDB?

R – Não. Nós compreendemos a necessidade que tem o PSDB de dar uma boa solução para a escolha de seu candidato. Se eles entenderem que o caminho são as prévias, não há por que contestar. Queremos é que a solução seja boa.
E a preferência do DEM é… Há uma regra em política sobre contrariar candidaturas naturais. Candidatura natural é aquela que tem a maior possibilidade de vitória e isto está constatado em todas as pesquisas. Se o PSDB vai decidir por prévias, ou não, a maioria do Conselho Político do DEM é pela candidatura natural, que tem um nome: José Serra.

P – Mas o que define o candidato natural são as pesquisas de opinião?
R –
O candidato se define por pesquisas, pela densidade eleitoral do seu Estado, pela posição do Brasil em relação às circunstâncias da crise. Tudo isso indica a candidatura de Serra. Sem nenhum demérito ao governador Aécio, que f az boa administração em Minas, Serra é o melhor perfil para administrar na crise.
Tem candidato que larga com 3% nas pesquisas e acaba vencendo a eleição, como Fernando Collor (1989). O sucesso de gestão em Minas não torna Aécio competitivo?
Collor era candidato de um partido inexistente. Foi uma aventura política que deu certo, e em seguida deu errado. A escolha, agora, é de um partido grande, sólido, conceituado, com a responsabilidade de ganhar a eleição.

P – Os aecistas do PSDB dizem que ele é a melhor opção pela capacidade de agregar apoios, sobretudo em uma eleição de dois turnos.
R –
Eu antevejo uma eleição bipolarizada. Tudo caminha na direção da candidata governista (ministra Dilma Rousseff) contra o candidato da oposição. É muito provável que esta eleição se defina no primeiro turno, porque será realmente um plebiscito em torno de quem poderá dirigir melhor o Brasil na crise.

P – A grande preocupação do PSDB é que Minas Gerais está fechada com Aécio. Tem como trazer Aécio para o projeto Serra sem prévias?
R –
Se o caminho escolhido for o das prévias, será exatamente para atender o sentimento da maioria do partido.

P – O sr. acredita que a maioria do PSDB é Serra, assim como o DEM?
R-
Eu acredito que a tese da candidatura natural não é a tese de um partido. É uma regra da política, e o bom senso me diz que esta regra será respeitada.

22 de março de 2009, 12:53

Partidos perdem filiados em todo o País

Praticamente todos os partidos sofreram redução no número de filiados em relação ao ano passado. No período entre janeiro de 2008 e janeiro de 2009, o porcentual de eleitores vinculados a algum partido diminuiu consideravelmente no Brasil. Segundo dados fornecidos pelos partidos políticos ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE), dos 127,7 milhões de eleitores existentes em janeiro do ano passado, 115,3 milhões não eram filiados a nenhum partido. Isso significava que 90,2% dos eleitores brasileiros não pertenciam a nenhuma legenda. Conforme os dados do TSE, em janeiro deste ano, esse índice subiu para 91,6%, com 119,7 milhões dos 130,6 milhões de eleitores desvinculados de qualquer partido político. Enquanto o número de eleitores cresceu cerca de 2,9 milhões desde janeiro do ano passado, o total de não-filiados aumentou em 4,3 milhões no mesmo período. Informações do Estadão.

22 de março de 2009, 12:06

Executiva provisória começa reestruturação do PSB

A comissão executiva provisória do PSB em Salvador se reuniu na noite de sexta-feira, pela primeira vez, na sede do partido para tratar da organização da legenda e do Congresso para a escolha do novo diretório, além de definir uma agenda de trabalho para os próximos 120 dias. O presidente da comissão, Celsinho Cotrim, defendeu como prioridade do colegiado a estruturação interna do diretório municipal e elaboração de um projeto de fortalecimento do partido na cidade.

O presidente apresentou aos membros da executiva a certidão do TRE que oficializa a composição do colegiado, garantindo a legitimidade do grupo. Em tom de unificação, Celsinho declarou o seu intento de fortalecer o PSB na capital. “Nós não estamos aqui para sangrar o partido, porque as nossas discussões são políticas sem ofensas e de forma democrática para revigorar o PSB”, declarou.

22 de março de 2009, 11:30

Economia mundial vai encolher até 2% em 2009, diz Banco Mundial

A economia global vai encolher de 1 a 2 por cento este ano, afirmou no sábado o presidente do Banco Mundial, Robert Zoellick. Ele disse ainda que o ritmo da redução econômica não tem precedentes desde a Grande Depressão de 1930. Falando numa conferência em Bruxelas, Zoellick referiu-se à previsão do Fundo Monetário Internacional de que a economia mundial vai encolher até 1 por cento este ano. Ele afirmou: – Nós no banco vamos divulgar nossas projeções em breve, provavelmente na faixa de 1 a 2 por cento… Ainda não tínhamos visto um número como esse no mundo desde a Segunda Guerra Mundial, o que realmente significa desde a Grande Depressão.

22 de março de 2009, 11:01

Carballal critica desapropriação de sede de praia do Bahia

O vereador Henrique Carballal (PT) criticou a decisão da Prefeitura de Salvador de desapropriar a sede de praia do Bahia, na Boca do Rio, que seria demolida para dar lugar a uma praça. “É um absurdo. Por mais nobre que seja pensar em revitalizar a orla, demolir um dos poucos clubes sociais que restam na capital baiana é quase um sacrilégio”, disse o vereador. Ele reclamou da falta de equipamentos públicos para a promoção do esporte em Salvador. “O Bahia é um dos poucos clubes que mantêm atividades em outras áreas do esporte, como voley e basquete, além do espaço da sede de praia servir para a realização de eventos. Vale lembrar que a cidade é carente de espaços para grandes shows”, argumentou, observando que o prefeito toma uma atitude que pode parecer revanchista, uma vez que é conhecidamente torcedor do maior adversário do Bahia.

22 de março de 2009, 10:09

Prefeitura desapropria para construir praça pública na sede de praia do Bahia

O torcedor tricolor, que já sofreu com a perda da Fonte Nova e com a queda do time para a Série B, deve se preparar para uma nova baixa. A Prefeitura vai demolir a sede de praia do Esporte Clube Bahia.  Ao menos, desta vez, o motivo é nobre: a revitalização da Orla de Salvador. A Prefeitura publicou ontem o decreto que torna de utilidade pública, para fins de desapropriação, todos os 23.149 metros quadrados da sede de praia do Bahia. A decisão é o primeiro passo para outra operação mais audaciosa: a completa demolição da sede e a construção, em seu lugar, de uma praça nos moldes da construída na área do antigo Clube Português. Informações do Correio da Bahia.

22 de março de 2009, 09:34

Contrato do Derba é contestado por TCE

O Tribunal de Contas do Estado (TCE) contestou a utilização de recursos públicos do Departamento de Infra-estrutura de Transportes da Bahia (Derba) para a capacitação de funcionários terceirizados que prestam serviço à autarquia através da empresa de locação de mão-de-obra Climex  Terceirização de Serviços Ltda. O treinamento foi realizado pelo Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial (Senai) e custou aos cofres do Estado cerca de 1,4 milhão de reais.

A suposta irregularidade foi constatada pelos técnicos do TCE em uma auditoria, relatada pelo conselheiro Zilton Rocha, que analisou execução orçamentária do Derba entre janeiro e setembro de 2008. No ano passado, dois contratos foram celebrados entre o Derba e o Senai, ambos através de dispensa de licitação.

O primeiro contrato, datado de 12 de fevereiro de 2008, custou R$ 631.840,00, referente a cursos de treinamento de 240 trabalhadores para operação de equipamentos utilizados na manutenção das estradas. Este contrato teve um aditivo de R$109.350,00, que cobriria os custos de uma “recuperação” para 47 alunos que não tiveram resultado satisfatório na operação das máquinas.

O segundo foi assinado em 16 de outubro de 2008, no valor de R$ 666.558,00, para atender 120 trabalhadores e ainda está em vigência. Na visão dos técnicos do TCE, a situação contraria o princípio da legalidade, uma vez que utiliza dinheiro público para capacitação de funcionários da iniciativa privada. Informações do jornal A Tarde.

22 de março de 2009, 09:26

PSDB expulsa vereadores presos por corrupção

O presidente do PSDB, Sérgio Guerra (PE), informou que os vereadores tucanos de Igarapava (SP), presos por suspeita de corrupção, serão expulsos do partido. Cinco vereadores – inclusive o presidente da Câmara Municipal de Igarapava, Alan Kardec de Mendonça (PSDB) – foram presos esta semana: José Laudemiro (DEM), José Eurípedes (PT), Roberto Silveira (PSDB) e Sérgio Augusto de Freitas (PP). De acordo com o Ministério Público Estadual de São Paulo, esses quatro últimos foram presos na quarta-feira, em flagrante, por promotores do Grupo de Atuação Especial Regional de Combate ao Crime Organizado (Gaerco) quando exigiam propina do prefeito Francisco Molina (PSDB) para não barrar os projetos do Poder Executivo na Câmara. O presidente da Câmara foi preso anteontem, ao ser encontrado escondido numa caixa de papelão, na Prefeitura. Os vereadores são acusados de montar um esquema para exigir do prefeito o pagamento mensal de propina.

22 de março de 2009, 09:11

FPM: Bahia perde 19% a mais que o previsto

A queda no repasse do Fundo de Participação dos Municípios (FPM), na Bahia, foi 19% maior do que o previsto no início do mês pelo Tesouro Nacional. O percentual, divulgado pela Confederação Nacional dos Municípios (CNM), surpreendeu gestores municipais do Estado, que já consideram a possibilidade de não poder cumprir obrigações legais, como o repasse mensal de recursos às Câmaras. Ontem, a União dos Municípios da Bahia (UPB) começou a convocar filiados para uma assembléia geral. Na terça-feira, prefeitos baianos pretendem encontrar-se com o presidente Luís Inácio Lula da Silva, na sua visita a Salvador. Informações do jornal A Tarde.

22 de março de 2009, 09:07

Azul investe em nova rota para Salvador

Há três meses em operação, a Azul contabiliza investimento de mais de R$ 1 bilhão em suas atividades do País e lança, dentro de um mês, uma nova rota partindo de Salvador. As informações foram passadas pelo dono da companhia aérea, o empresário David Neeleman, durante visita à Bahia no início da semana passada. “A Bahia é um mercado importante já que, aqui, o turismo de negócios tem registrado crescimento e há um forte movimento de quem vem a passeio também“, comentou Neeleman. Ele explica que a prioridade da empresa é a oferta de voos diretos e a baixo custo para atender especialmente a quem viaja a negócios e à classe C, que em outras condições viajaria de ônibus. informações do jornal A Tarde.

22 de março de 2009, 08:52

Incêndio destrói Instituto de Química da UFBa

Um incêndio no Instituto de Química da Universidade Federal da Bahia (Ufba) causou um prejuízo de pelo menos R$ 800 milhões em equipamentos de pesquisa e graduação. Uma explosão, por volta das 16 horas de ontem, no laboratório 519 (5º andar) deu início às labaredas que ainda não tinham sido debeladas até o começo da noite, pois os bombeiros não tinham espuma química, substância apropriada para o combate a este tipo de combustão. Só às 18h40 chegaram duas viaturas da Infraero e mais uma da Braskem, às 19h15, com o produto específico ao combate feito no início com água com apoio de carros-pipa da Embasa. Os bombeiros também precisaram de ajuda dos professores que entraram no prédio para ceder máscaras e respiradores, pois a inalação dos produtos causam asfixia e destroem as vias respiratórias. Havia risco também de explosão de cilindros contendo hidrogênio e acetileno, produtos equivalentes a 100 vezes mais que um botijão de gás de cozinha.

22 de março de 2009, 08:36

Grupo de Tarso lança candidatura de Dilma a 2010

Antecipando-se à decisão partidária, a corrente “Mensagem ao Partido”, segundo maior grupo do PT, lançou um manifesto em que declara apoio a Dilma Rousseff. “Consideramos a companheira Dilma Rousseff […] uma solução adequada para a nova vitória em 2010. E para a continuidade e aprofundamento das medidas essenciais que marcam a presidência de Lula”, diz o texto. O grupo “Mensagem ao Partido” foi criado em fevereiro de 2007. Surgiu pregando a reforma ética no PT pós-mensalão e a oxigenação do diálogo interno, informa o jornalista Josias de Souza, da Folha. Na Bahia, a Mensagem ao Partido é representada entre outros pelos secretários estaduais Walter Pinheiro (Planejamento)  e Robinson Almeida (Comunicação), que são, na verdade, da Democracia Socialista (DS), agrupamento que integra a corrente nacional.

22 de março de 2009, 08:09

Manchetes do dia

– A Tarde: Centro de treinamento da PM está abandonado

– Correio da Bahia: Pesquisa aponta municípios mais violentos da Bahia

– Globo: Desemprego faz saque de FGTS subir 35% no mês

– Folha: Colapso do transporte ameaça agronegócio

– Globo: Pacote habitacional não vai aliviar déficit de moradia

– Estadão: ‘Clube de amigos’ promoveu a farra milionária do Senado

– JB: Dia mundial da água – Onde o Rio bebe água pura na fonte

– Correio: Brasília entreposto do tráfico de mulheres

– Veja: Pedofilia – Quando o inimigo é da família

– Época: A fé que faz bem à saúde

– IstoÉ: O poder das emoções

– IstoÉ Dinheiro: Sadia/Perdigão – Está voando pena!

– CartaCapital: Desemprego – A nova fase da crise

– Exame: Remuneração – O que deu errado com os bônus

21 de março de 2009, 11:44

CGE: Dono de voto decisivo na comissão não diz que sim nem que não

O deputado estadual Luciano Simões (PMDB) circulou ontem na festa dos Vieira Lima, no Yacht Clube da Bahia, sem dar pista sobre como pode votar na Comissão de Educação da Assembléia Legislativa, na próxima semana, na sessão em que irá à apreciação o projeto do Executivo que cria a Controladoria Geral do Estado (CGE).

Luciano é considerado o voto decisivo no colegiado, cujos membros confrontam-se em empate. Pode decidir a favor ou contra a matéria, que só então seguirá para votação em plenário rotulada com o carimbo da rejeição ou da aprovação do colegiado. Ele solta, entretanto, um pitaco sobre o tema.

Não concorda, por exemplo, com a idéia de que a CGE fiscalize também municípios. “O máximo que a CGE pode fazer é fiscalizar os convênios do Estado com os municípios”, afirma. E mais nada. A articulação política do governo deve cair em campo no início da semana para tentar assegurar seu voto pela aprovação da CGE.

O ex-deputado Emiliano José, responsável pelos discursos do governador Jaques Wagner e seu preferido para o posto, agradece o empenho.