13 de dezembro de 2009, 09:02

Produções da “Durval Filmes” deixam Brasília em polvorosa

A máquina do ex-secretário de Relações Institucionais do governo do Distrito Federal Durval Barbosa de registrar cenas de suborno explícito, já batizada de “Durval Filmes”, devastou o núcleo central do governo José Roberto Arruda (sem partido) e se tornou, desde o início do escândalo, motivo de pavor nos meios políticos em Brasília. Não são poucas as pessoas que temem se ver, de uma hora para outra, incriminadas por um dos mais de cem documentários deixados por Durval em poder de três amigos, antes de detonar o escândalo e pedir proteção à Polícia Federal.

Nos filmes, comédia dos piores costumes, políticos e empresários foram flagrados escondendo dinheiro da propina em bolsa, bolsos, meias e cueca. Um dos mais ativos guardiões da “Durval Filmes”, que por motivos de segurança pediu para que sua identidade não fosse revelada, tem recebido frequentes visitas de políticos, empresários e altos servidores do governo local preocupados com o arsenal doex-secretário. Entre as pessoas que passaram nos últimos dias por um dos “estúdios” da “Durval Filmes” estaria o vice-governador Paulo Octávio (DEM), acusado pelo ex-secretário de também se beneficiar do esquema de Arruda por intermédio do executivo Marcelo Carvalho. Informações do jornal O Globo.

13 de dezembro de 2009, 09:00

Satiagraha: PF mira em cotistas do Opportunity

 A Polícia Federal deu início quinta-feira a uma maratona de indiciamentos em série de cotistas do Oportunity Fund, do banqueiro Daniel Dantas, alvo maior da Operação Satiagraha. Os indiciamentos atingem dezenas de investidores, formalmente acusados de violação ao artigo 22 da Lei 7.492, de 1986, que define os crimes contra o sistema financeiro – Lei do Colarinho Branco. O artigo 22 prevê punição para operação de câmbio não autorizada, “com o fim de promover evasão de divisas do País”. A pena é de reclusão, de dois a seis anos e multa. O parágrafo único impõe que incorre na mesma pena “quem, a qualquer título, promove, sem autorização legal, a saída de moeda ou divisa para o exterior, ou nele mantiver depósitos não declarados à repartição federal competente”. Os cotistas estão sendo intimados para depor diariamente na Delegacia de Repressão a Crimes Financeiros (Delefin), da PF em São Paulo. Informações do G1.

13 de dezembro de 2009, 08:54

16 mil candidatos disputam segunda fase de vestibular da UFBa

Começa a etapa final do vestibular 2009 da Universidade Federal da Bahia (Ufba). Mais de 16 mil candidatos farão as provas, hoje a amanhã, em 14 instituições de ensino em Salvador e 11 no interior. Eles disputam 6.436 vagas. Em Salvador, ao contrário da primeira fase, não há risco eminente de encontrar pela frente manifestação dos rodoviários ou trânsito bloqueado por causa de eventos, como ocorreu, respectivamente, no primeiro e no segundo dia do processo seletivo, em novembro.

13 de dezembro de 2009, 08:41

Secretaria faz censo pioneiro sobre população em “situação de rua”

Secretário Toni Brito vai apresentar os dados na terça-feira

Dados vão servir para trabalho desenvolvido pelo secretário Toni Brito

Deu em A Tarde: “O principal motivo que leva uma pessoa a sair de casa e morar na rua, em Salvador, são os problemas familiares (50,6%). O segundo, o uso de drogas (34,2%). É o que revela o primeiro censo da população em “situação de rua”, realizado pela secretaria municipal do Trabalho, Assistência Social e Direitos do Cidadão de Salvador e Fundação José Silveira. Apesquisa será divulgada com detalhes na terça, às 8h30, na sede do Ministério Público Estadual, pelo procurador Lidivaldo Brito, chefe do MP-BA. O levantamento traça um perfil da população de rua observando gênero, raça, escolaridade, ocupação, faixa etária e distribuição no espaço urbano. Servirá de parâmetro para o trabalho desenvolvido pelo programa Salvador Cidadania, capitaneado pelo secretário municipal do Trabalho, Antônio Brito.”

13 de dezembro de 2009, 08:38

Tudo para poupar Dilma de embaraços

Planalto já fechou, por exemplo, acordos salariais com 1,4 milhão de servidores, livrando Dilma de pendências (crédito: Terra)

Planalto já fechou, por exemplo, acordos salariais com 1,4 milhão de servidores, livrando Dilma de pendências (crédito: Terra)

O empenho do Palácio do Planalto para limpar o ano eleitoral de problemas políticos e administrativos é tão grande que o governo adotou a tática de “pular 2010” no calendário das agendas de negociações polêmicas do Executivo e do Legislativo. Além de patrocinar acordos salariais com 1,4 milhão de funcionários públicos, tirando pendências e reivindicações do caminho da ministra e pré-candidata Dilma Rousseff (Casa Civil) durante a campanha presidencial, o governo mandou ampliar o alcance das negociações em estatais e empresas públicas. A estratégia é negociar todos os reajustes salariais de 2010 antes de o ano começar, ao mesmo tempo em que, no Congresso, os governistas trabalham para enterrar formalmente as CPIs mortas-vivas (da Petrobrás, das ONGs e do MST) e apressar projetos que ajudam no discurso eleitoral – como os do pré-sal. Na ofensiva dupla do Planalto, ou se fecham acordos bianuais, ou se empurram com a barriga soluções que possam interessar à oposição. Informações do Estado de S. Paulo.

13 de dezembro de 2009, 08:30

Rede de cargos de confiança é trunfo para salvar Arruda

No centro do escândalo do “mensalão do DEM”, o governador do Distrito Federal, José Roberto Arruda, poderá salvar seu mandato graças à forte máquina política que sustenta seu governo. Além de ter apoio político da maioria dos deputados distritais, o governador tem o controle de uma poderosa rede de cargos comissionados que ajudam a manter sua influência na capital. Ao todo, dispõe de 18.368 vagas comissionadas para distribuir a pessoas que bem entender. No caso do governo federal são 21.008 cargos comissionados, distribuídos por todo o País, segundo a assessoria do Ministério do Planejamento. A diferença é de menos de 3 mil vagas. Segundo deputado distrital José Antônio Reguffe, as vagas comissionadas servem para acomodar os aliados do governador. “O processo funciona como uma espécie de estatização dos cabos eleitorais”, diz. “Isso se reproduz na maioria dos Estados.”  Informações do Estado do S. Paulo.

13 de dezembro de 2009, 08:26

Policial Militar é baleado em emboscada na Avenida Paralela

A polícia tenta identificar os responsáveis pelo atentado contra o soldado da PM  André Luís da Hora, lotado na 39ª Companhia Independente da Polícia Militar (CIPM-Boca do Rio), neste sábado, próximo à Faculdade de Tecnologia e Ciência (FTC), na Avenida Paralela. Ele foi atingido a tiros no ombro e braço direito  por quatro homens armados a bordo de um Fiat Stilo amarelo, depois de seu automóvel ser interceptado.

Segundo informações de policiais da 12ª CP (Delegacia de Itapuã), por volta das 6 horas, quando  conduzia o GM Vectra de placa JPS-1251, o militar foi fechado pelos homens que bateram na lateral dianteira do veículo. Ele acabou parando o carro e foi atacado a tiros pelos desconhecidos, que fugiram logo em seguida. Mesmo ferida, a vítima conseguiu acionar colegas e foi conduzida por policiais da Rondas Especiais da PM (Rondesp) para o Hospital São Rafael.

Agentes da Polícia Civil não descartam que o crime tenha sido uma tentativa de latrocínio (roubo seguido de morte), mas acreditam mais na versão de emboscada. PMs da Rondesp estão  à procura de mais informações sobre a autoria do ataque. Informações do jornal A Tarde.

13 de dezembro de 2009, 08:25

São Francisco do Conde: Câmara gasta R$ 1 milhão com cargos comissionados

A Câmara Municipal de São Francisco do Conde, na Bahia, gasta R$ 1,05 milhão com salários de 370 servidores indicados por políticos. Todos em funções de chefia, direção e assessoramento, cargos que, em grande empresa ou repartição pública, exigem dedicação exclusiva. Só mais dois aposentados e quatro efetivos completam o quadro de trabalhadores. Mas o número expressivo de funcionários parece infiel à realidade. A Câmara de São Francisco do Conde, em horário de expediente, fica  praticamente vazia.

A denúncia de que a maioria dos comissionados não comparece ao local de trabalho foi feita ao Ministério Público do Trabalho no último dia 4, pelo secretário do PCdoB no município, Marcelo Macedo.

A representação diz que a Câmara, além de manter sem trabalhar a maioria dos assalariados, emprega sem exigir qualificação profissional. Em denúncia também protocolada na Justiça, Macedo destaca no documento a ocupação do cargo de chefe de gabinete por um conhecido pescador da região. “Pessoas sem formação preenchem cargos de elevada complexidade”, diz Macedo. “As pessoas recebem sem trabalhar, mas, mesmo que quisessem, não haveria espaço para se acomodar”, completa.
 
Para o presidente da Câmara,  Mário Nogueira (PT), as acusações resultam da insatisfação dos denunciantes com a falta de privilégios nesta gestão. Nogueira diz que a instituição  passa por um processo de moralização, com gastos de 60% com pessoal, abaixo do limite constitucional de 70% da arrecadação. “Vivemos um novo tempo, em que chegamos a economizar R$ 4 milhões no ano. As pessoas não se conformam com isso”, rebate. Informações do jornal A Tarde.

13 de dezembro de 2009, 08:10

Jefferson diz a PSDB que PTB apoia tucano em 2010

Presidente nacional do PTB, o deputado cassado Roberto Jefferson (RJ) negocia o apoio do seu partido ao candidato tucano à sucessão de Lula. Em privado, Jefferson diz que prefere Aécio Neves. Acha que o governador de Minas seria um nome mais competitivo.

Mas Jefferson já manteve contatos reservados com o governador paulista José Serra. E pende para a coligação eleitoral com o tucanato seja quem for o candidato. Tratou do assunto também em conversa que manteve, abaixo da linha d’água, com o presidente do PSDB, senador Sérgio Guerra (PE).  

Oficialmente, o PTB de Jefferson integra o consórcio partidário que dá suporte congressual a Lula. Porém… Porém, o ex-deputado não considera a hipótese de sua legenda reforçar o palanque da candidata de Lula, Dilma Rousseff. Leia mais no blog do jornalista Josias de Souza, da Folha.

13 de dezembro de 2009, 07:34

Manchetes

– A Tarde: Consumo popular aumenta e já ultrapassa os da classe A e B

– Correio: Tráfico festeja cada PM expulso de casa

Globo: Defesa gasta 50% de seu orçamento com inativos  

Folha: Dívida dos brasileiros cresce mais que renda 

Estadão: Governo reforça Ibama para acelerar licenças ambientais 

JB: Turista de navio traz US$ 246 mi ao Rio 

Correio: O contrato milionário de Prudente no Detran 

Veja: Estamos devorando o planeta 

Época: Uma semana para salvar a Terra 

IstoÉ: Educação – Depois de tantas trapalhadas, como levar o Enem a sério?

IstoÉ Dinheiro: Claro vai à guerra

CartaCapital: O que vale mais: O mundo ou os bancos?

Exame: Até onde ele vai

12 de dezembro de 2009, 16:52

PV confirma candidatura própria ao governo em tenso encontro

Depois de uma reunião tensa, marcada por confrontos entre os dois grupos representados no partido, o PV decidiu agora à tarde lançar o deputado federal Luis Bassuma ao governo do Estado e o deputado federal Edson Duarte para o Senado. No encontro, 30 dos 33 presidentes de diretórios municipais se posicionaram pelo lançamento de candidatura própria a fim de dar suporte, na Bahia, à candidata presidencial do PV, Marina Silva, senadora pelo Acre. O grupo que se opõe à tese de candidato próprio, com o objetivo de apoiar a reeleição de Jaques Wagner, liderado, entre outros, pelo secretário estadual Juliano Matos (Meio Ambiente) e o ministro Juca Ferreira (Cultura), promete resistir à idéia.

12 de dezembro de 2009, 11:50

Souto: ‘Comemorar dados da Segurança é escárnio com população’

Ex-governador critica comemoração do secretário César Nunes (crédito: A Tarde)

Ex-governador critica "comemoração" do secretário César Nunes (crédito: A Tarde)

O presidente do Democratas da Bahia, ex-governador Paulo Souto, declarou ser inaceitável o governo do Estado falar em bons resultados na Segurança Pública. Em almoço com a imprensa, na quinta-feira, o secretário de Segurança Pública, Cesar Nunes, “comemorou” a queda de 1,3% na taxa de homicídios este ano. “É inacreditável que um secretário de Segurança comemore uma queda de 1,3% no número de assassinatos na capital, quando na verdade, nos dois primeiros anos houve um crescimento de 79,2%. Divulgar isso depois de uma semana em que houve 36 mortes em cinco dias, é quase um escárnio com a opinião pública baiana”, afirmou Souto.

12 de dezembro de 2009, 11:42

Isaac Cunha promove debate em Jequié sobre a Política Estadual de Saúde

O deputado estadual Isaac Cunha (PT) promove, neste sábado, uma Audiência Pública Regional sobre a Política Estadual de Saúde na Câmara Municipal de Jequié, a partir das 9h. O município tende a se consolidar, segundo o parlamentar, como pólo na área de Saúde na região não apenas pelos volumosos investimentos do Governo do Estado no Hospital Geral Prado Valadares (HGPV), mas também com a recente implantação do Curso de Medicina na Uesb, que já dispunha de outros cursos como Ciências Biológicas, Fisioterapia e Enfermagem.

12 de dezembro de 2009, 11:39

Deputado Jorge Khoury é palestrante em Copenhague

O deputado federal Jorge Khoury (DEM) é palestrante em Conpenhague, nesta segunda-feira, durante o maior evento ambiental mundial, a 15ª Conferência das Partes (COP-15), do Programa das Nações Unidas. Integrante da Delegação Brasileira na COP 15, Khoury falará, a convite da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Fiesp), no painel ‘As bem-sucedidas experiências da indústria brasileira no campo da produção sustentável’. Uma de missões de Khoury é de levar a Copenhague dados sobre os ativos ambientais brasileiros e a posição do País frente às mudanças climáticas. “Como o Brasil já possui uma economia de baixo carbono, pode assumir uma posição de liderança internacional neste tema”, informou.

12 de dezembro de 2009, 11:29

Deputado do PSC diz que Geddel está “predestinado a trabalhar pela Bahia”

Na sessão especial da Assembléia Legislativa, comemorando os 40 anos da Igreja do Evangelho Quadrangular, o ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima, presente ao evento, foi citado como predestinado por Deus a trabalhar pela Bahia, na saudação feita em nome dos evangélicos, pelo deputado federal Milton Barbosa (PSC). “Está na Bíblia que o nome Geddel significa o homem que engrandece. Quem quiser conferir é só olhar Esdras 2:47. Mas ele não é só isso. Está na Bíblia também que Geddel é um dos servidores do templo. Eu pergunto a vocês: servir ao templo, ao Senhor, é pouca coisa?, indagou o deputado. De acordo com Milton Barbosa, Geddel é um dos instrumentos de Deus nas transformações do país e ele acredita que Geddel “vai marcar época na Bahia”.