21 de setembro de 2017, 21:01

SALVADOR ACM Neto diz que minoria de empresários ricos é contra o IPTU

Foto: Divulgação

“Tem 1% dos empresários ricos donos de terreno em Salvador que estão querendo quebrar a cidade e inviabilizar os investimentos. Tirar o oxigênio de obras que beneficiam, sobretudo, a população mais carente”, disse o prefeito ACM Neto sobre a mobilização feita por um pequeno grupo de empresários que faz pressão para que o Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) derrube a atualização do IPTU feita em 2013 pela Prefeitura.”A supressão da receita do IPTU inviabilizaria serviços essenciais e a Prefeitura teria que fechar UPAS, postos de saúde e creches”, alertou o prefeito ACM Neto.Se juntam a esse pequeno grupo de empresários partidos de oposição que são co-autores da Ação Direta de Inconstitucionalidade (Adin) da OAB que vai ser julgada pelo TJ-BA. São partidos como PT, PcdoB e PSL.”Com as mudanças feitas em 2013 fizemos Justiça social e tributária. Quem pode mais paga mais. Quem não pode não paga nada. Essa foi a lógica. Querer mudar tudo agora é uma atitude mesquinha contra a cidade. São as mesmas pessoas que queriam que Salvador continuasse de pires na mão e se transformasse numa secretaria do governo do estado”, disse ACM Neto. O prefeito lembrou ainda que as mudanças feitas em 2013 ampliaram as isenções do IPTU. “Quem tem imóvel residencial no valor de até R$ 93,5 mil não paga IPTU na cidade. Isso representa a maior parte da população. Querer mudar as regras do jogo depois de tanto tempo é uma tentativa de prejudicar aqueles que mais precisam”.Neto lembrou ainda que com as mudanças, Salvador passou a andar com as próprias pernas, realizando obras com recursos próprios. “Hoje, mais de 76% dos investimentos da Prefeitura são nas áreas mais carentes da cidade. Salvador hoje está com as finanças organizadas e tem o respeito tanto de quem vive aqui quanto lá fora. Não podemos permitir que essas conquistas que obtivemos desde 2013 retrocedam”, finalizou.

21 de setembro de 2017, 20:53

SALVADOR Prefeitura prepara operação especial de transporte para o Festival da Primavera

A Prefeitura preparou uma operação especial de transporte para os shows do Festival da Primavera 2017, que serão realizados neste sábado (23) e domingo (24), no Rio Vermelho. Para atender o evento, a Secretaria Municipal de Mobilidade (Semob) irá reforçar a frota das linhas de ônibus que passam pela região da festa e disponibilizar ainda nove veículos extras da frota reguladora. Os usuários terão, também, cinco pontos de táxis nas redondezas da festa. No total, são 28 vagas distribuídas entre os seguintes locais: Largo da Mariquita, Largo de Santana, Parque Cruz Aguiar, Praça Carlos Batalha e o próximo ao Bompreço do Rio Vermelho. Já a Superintendência de Trânsito e Transporte (Transalvador) não fará bloqueio de trânsito nas localidades que receberão eventos do Festival da Primavera, mas fará o controle de tráfego e monitoramento, a fim de facilitar a travessia de pedestres e evitar acidentes. O órgão também irá coibir infrações de trânsito que prejudiquem a fluidez do trânsito, a exemplo do estacionamento irregular.

21 de setembro de 2017, 18:25

SALVADOR Trindade afirma que Geddel ainda mantém influência na Prefeitura

Foto: Política Livre

Vereador José Trindade (PSL) é o líder da oposição na Câmara Municipal de Salvador

De acordo com o vereador José Trindade (PSL), a nomeação de Bruno Barral para o cargo de secretário municipal de Educação demonstra que a Prefeitura de Salvador ainda está sob influência do ex-ministro Geddel Vieira Lima. Segundo o líder da bancada de oposição na Câmara Municipal de Salvador, Barral é cunhado do empresário Luiz Fernando Machado Costa Filho, dono da empreiteira Cosbat, responsável pela construção do prédio La Vue, na Ladeira da Barra, cuja construção foi o pivô da saída de Geddel do cargo de ministro-chefe da Secretaria de Governo do presidente Michel Temer. “A nomeação de Bruno Barral por Neto aponta a influência que Geddel, envolvido em escândalos de corrupção vergonhosos, continua exercendo sobre o Palácio Thomé de Souza”, disse Trindade. O vereador ainda questionou o trabalho de Barral à frente da Diretoria de Iluminação Pública de Salvador. Trindade lembrou do cancelamento de uma licitação de R$ 48 milhões para compra de lâmpadas de LED e citou a suspeita de favorecimento em uma concorrência para iluminação pública de Salvador no valor de R$ 1,5 bilhão.

21 de setembro de 2017, 17:55

SALVADOR Sidninho rebate críticas sobre Parque de Exposições

Foto: Divulgação

Vereador Sidninho (Podemos)

“Absurdas e levianas, as declarações de que o Parque de Exposições não teria estrutura para abrigar o Centro de Convenções não podem passar em branco”, disparou o vereador Sidninho (Podemos). Ele reforça que virão críticas sequenciadas à atuação do governo do Estado já encomendadas pelo chefe do Executivo Municipal. “Quanto ao Parque, posso afirmar, sem hesitar, que o setor agropecuário, verdadeiro gestor do espaço, mantém a infraestrutura apta a receber o Centro de Convenções e já alinharam com o governo através de reunião com representantes da Seagri e Setur. É preciso dizer que o governador Rui Costa está atento às necessidades da população. É um governo sério que tira as obras do papel como fez com o metrô”. Segundo Sidninho, vereadores da bancada governista e secretários municipais, estão com repertório de críticas pronto contra o governador que tem mostrado uma atuação vigorosa em Salvador e no interior do Estado. “Nada substitui e nem apaga o trabalho e é isso que nós estamos fazendo. O governador planeja ações que vão reposicionar o Estado na atração de visitantes e no impulsionamento da economia e não para fazê-la retroceder como a obra da Barra que vem prejudicando os comerciantes”.

21 de setembro de 2017, 17:40

SALVADOR Felipe Lucas apresenta projeto social a ministro do Esporte

Foto: Divulgação

O ministro do Esporte Leonardo Picciani e o vereador Felipe Lucas

Em busca de incentivo a projetos de inclusão social, por meio do esporte e da cultura, o vereador Felipe Lucas (PMDB) esteve na quarta-feira (20) em Brasília, onde se reuniu com o ministro do Esporte, Leonardo Picciani. O vereador é padrinho do Projeto Boa Luta, que oferece aulas de artes marciais gratuitas a crianças e adolescentes da Boca do Rio. “Fiz o convite para o ministro Picciani visitar o projeto e participar do Fórum Salvador MMA. É notório o que o esporte faz por essas crianças na disciplina e na formação cidadã delas. Nosso intuito é que essa iniciativa seja levada a mais bairros, com o apoio do governo federal”, explicou Felipe Lucas. O ministro aceitou participar do evento que acontece no próximo dia 7 de outubro no Centro Espanhol. Segundo o vereador, a intenção é construir um movimento de fomento às artes marciais na cidade. Felipe Lucas também esteve com o presidente da Fundação Palmares, Erivaldo Oliveira, a quem apresentou o projeto “O Som da Cidade”, que busca através da música valorizar a identidade cultural dos bairros de Salvador. “Precisamos mostrar que o poder público deseja manter viva nossa essência, enquanto cidade símbolo da musicalidade e da cultura afro-brasileira. Salvador é precursora de importantes movimentos musicais e essa tradição precisa de incentivo”, defendeu o vereador.

21 de setembro de 2017, 17:25

SALVADOR Audiência pública discute reabertura da UPA da Cidade Baixa

Foto: Valdemiro Lopes/CMS

Audiência pública foi realizada no auditório do Centro de Cultura da Câmara de Salvador

Em uma concorrida audiência pública, o vereador Vado Malassombrado (DEM) voltou a cobrar a reabertura da Unidade de Pronto Atendimento (UPA) da Cidade Baixa, que deu lugar ao Hospital da Mulher. No debate ocorrido na noite de quarta-feira (20), no auditório do Centro de Cultura da Câmara, o vereador voltou a pendurar uma placa no pescoço com a frase “Queremos nossa UPA da Cidade Baixa de volta!”. Conforme Vado, “já se passaram dez meses da promessa do governo do estado de reabrir a UPA da Cidade Baixa e até hoje nada”. Segundo o vereador, moradores da região acionaram o Ministério Público do Estado da Bahia, que deve pedir a ata da audiência. “O Ministério Público Federal também está sendo informado sobre a redução da oferta dos serviços médicos”, completou. No debate proposto por moradores, Vado lembrou que o governo estadual prometeu que a unidade de saúde seria reativada assim que terminassem as obras do Hospital da Mulher, no antigo PAM Roma. “Isso não ocorreu até hoje e o atendimento deveria voltar em janeiro deste ano”, frisou. O vereador entende que existe uma falta de compromisso do governo estadual com os moradores da Cidade Baixa e dos bairros Lobato e Santa Terezinha. “Com o fechamento do equipamento, estamos sendo forçados a se dirigir à UPA de San Martin para sermos atendidos”, afirmou. Em busca de solução, Vado disse ainda que pretende sensibilizar o governo estadual e também já articula uma audiência na Assembleia Legislativa do Estado da Bahia (ALBA). “Se for preciso, os moradores vão protestar em via pública”, acrescentou. O vereador Cezar Leite (PSDB), vice-presidente da Comissão de Saúde, disse que o debate poderia ter sido mais produtivo, caso não tivesse havido uma acalorada divergência. Com entendimento contrário ao que foi apresentado por Vado Malassombrado, o vereador José Trindade (PSL), líder da oposição na Câmara, considerou que o debate ficou prejudicado em razão da indignação de alguns participantes. A vereadora Lorena Brandão (PSC) também participou do debate e fez parte da mesa de trabalho.

21 de setembro de 2017, 16:09

SALVADOR ACM Neto diz no Rio que Salvador tem R$1,5 bi em caixa mesmo com crise

O prefeito ACM Neto (DEM)

O prefeito ACM Neto afirmou hoje (21), no Rio de Janeiro (RJ), onde foi convidado de honra da sessão especial do Fórum Nacional, na sede do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), que Salvador possui R$1,5 bilhão em caixa porque, desde 2013, organizou as finanças e combateu desperdícios, além de ter apostado no planejamento estratégico e aplicação correta dos recursos públicos. Em uma palestra na qual relatou a experiência de estar à frente da administração da capital baiana, o prefeito contou como a cidade enfrentou a crise financeira nacional e criticou a forma como os municípios são prejudicados na divisão do bolo tributário nacional. ”De todos os entes da Federação, o município é aquele que está mais próximo do cidadão e que recebe a cobrança mais intensa. Ao longo dos anos, as demandas só fizeram aumentar. E a repartição do bolo tributário não acompanhou esse crescimento. De modo que os municípios são o elo mais frágil da corrente federativa brasileira. Quando fui deputado federal por três mandatos, vi pelo menos quatro oportunidades de se fazer a reforma tributária para corrigir parte dessas distorções. Mas infelizmente isso não ocorreu”, lamentou ACM Neto, que estava ao lado do diretor financeiro do BNDES, Carlos Thadeu de Freitas, e do economista Raul Velloso, coordenador do evento, além de dirigentes públicos, acadêmicos e empresários.

O prefeito contou que, quando assumiu o comando da cidade, em 2013, já sabia que precisaria trabalhar para que Salvador pudesse “andar com as próprias pernas”. “Somos uma cidade pobre. Foi preciso eliminar desperdícios e gastar mais com o cidadão e menos com a máquina administrativa”, frisou. O planejamento de médio prazo, com controle estreito dos gastos e disciplina fiscal, foi a solução encontrada. “Conseguimos uma queda de 2,4% das despesas em pleno ano eleitoral, como aconteceu em 2016. Montamos uma poupança no caixa da Prefeitura logo no primeiro ano de governo, e hoje temos R$ 1,5 bilhão à disposição. Fizemos poupança em todos os quatro anos da primeira gestão”, acrescentou. Ele afirmou que o controle de gastos é feito de forma precisa na Prefeitura. Isso permitiu que os recursos para áreas como saúde e educação ultrapassassem os limites exigidos constitucionalmente (de 15% para 20% e de 22% para 27%, respectivamente). A folha de pagamento do Executivo municipal também foi controlada para não ultrapassar a casa dos 39% da receita. Dessa forma, Salvador pode deixar a lista de cidades devedoras junto à União e se credenciar para obter empréstimos junto a organismos nacionais e internacionais de crédito.

“Sempre tive a visão de que seria impossível atender às principais demandas da população sem que as finanças estivessem arrumadas e tivéssemos capacidade de gerar caixa próprio. Com isso, trabalhamos para potencializar a receita própria, aprimorando diversos meios de arrecadação, e cobrando dos sonegadores. Em 2012, as transferências obrigatórias da União correspondiam a 51% da receita total. Em 2014, 55% da receita total era conseguida de receitas próprias”, exemplificou o prefeito. “Isso num município pobre como o nosso, com um orçamento anual de R$6 bilhões”, lembrou. Com a poupança que a Prefeitura fez e a austeridade imposta a todos os órgãos públicos municipais, destacou ACM Neto, foi possível investir nas áreas mais carentes. Mais de 76% dos investimentos foram feitos nessas regiões, no Subúrbio e na periferia. “O resultado é que conseguimos formar um superávit mesmo enfrentando a crise do Brasil”, salientou.

21 de setembro de 2017, 13:15

SALVADOR Prefeitura apreende alimentos vencidos de ambulantes irregulares

A Secretaria Municipal de Ordem Pública (Semop) apreendeu alimentos perecíveis irregulares durante uma fiscalização na Avenida Joana Angélica, no final da desta quarta-feira (20). A operação abordou seis ambulantes irregulares, que estavam comercializando queijos, presunto, iogurtes e azeite vencidos. A ação, executada de forma rotineira, tem como objetivo verificar se os vendedores ambulantes estão devidamente licenciados pela Prefeitura e se comercializam somente mercadorias autorizadas. “Além de estarmos atendendo a questão da saúde pública, estamos também fazendo o ordenamento das ruas. Esses ambulantes acabam se instalando de qualquer forma na via e podem causar algum tipo de acidente maior”, disse o diretor de Operações da Semop, Adriano Silveira. As mercadorias apreendidas durante as fiscalizações de ordenamento podem ser retiradas mediante a apresentação do lacre entregue no ato da apreensão, no Setor de Guarda de Bens da Semop (Segub), localizado na Avenida San Martin (ao lado do Colégio Luiz Eduardo Magalhães). O valor da multa varia de acordo com o tipo e quantidade do material apreendido. O valor mínimo para o resgate é de R$ 138. Os produtos vencidos são todos destruídos.

21 de setembro de 2017, 12:15

SALVADOR Advogado diz que aumento do IPTU criou um “problema jurídico”

Em entrevista à Radio Metrópole na última quarta-feira, o advogado Marcelo Nogueira Reis questionou o aumento do Imposto sobre a Propriedade Predial Urbana (IPTU), feito pelo prefeito ACM Neto em 2013. De acordo com o advogado, o aumento do IPTU criou um “problema jurídico”, pois ‘ao aumentar os valores, a prefeitura usou uma lei, mas para colocar os valores, ela fugiu da lei’. “Se de um lado existe base de cálculo legalizada, num outro ele encaixou os valores do modo que ele quis fazer”, disse. O acréscimo no valor é objeto de uma série de ações protocoladas no Tribunal de Justiça do Estado da Bahia (TJ-BA), que questionam a constitucionalidade da lei. Na Câmara dos Vereadores, tramita um projeto que altera de reajuste do IPTU. Um dos principais pontos do projeto, encaminhado pela Prefeitura de Salvador é o que determina que o aumento do imposto em imóveis residenciais, não residenciais e terrenos no ano que vem não deve ser maior do que o índice de inflação de 2017.

21 de setembro de 2017, 12:00

SALVADOR Secretário discute na França plano de ação para melhorar operação do aeroporto de Salvador

Foto: Divulgação

Gestor municipal tratou do plano de ação da Vinci para melhorar a operação do aeroporto já no próximo Verão

Um dia depois de participar do lançamento oficial da regata Jacques Vabre, o secretário municipal de Cultura e Turismo, Cláudio Tinoco, se reuniu na manhã desta quinta-feira (21) com a diretoria da Vinci AirPorts, empresa francesa que venceu a concessão e assumiu a operação do Aeroporto Internacional Deputado Luís Eduardo Magalhães, em Salvador. Durante o encontro, o gestor municipal tratou do plano de ação da Vinci para melhorar a operação do aeroporto já no próximo Verão, bem como da estratégia para atrair novos voos e ampliar o tráfego aéreo e, consequentemente, o fluxo turístico para a capital baiana. Na reunião com a diretoria da Vinci, Tinoco entregou cópia da Lei 9.276/2017, sancionada pelo prefeito ACM Neto na última sexta-feira, e que oferece incentivos fiscais para implantação de HUB (centros de conexão de voos) no aeroporto. “Independentemente da decisão da Air France-KLM para implantação de seu HUB no Nordeste, os incentivos fiscais agora oferecidos pela Prefeitura vão ajudar muito a atrair voos internacionais e nacionais e esse é o objetivo comum entre a Prefeitura e a Vinci”, disse Tinoco. “A visita também serviu para darmos início a um acordo de parceria para o desenvolvimento conjunto de ações de marketing e promoção, aproveitando o potencial do aeroporto na promoção dos atrativos turísticos, eventos e receptivo junto aos turistas”, concluiu o secretário, que foi recepcionado por Pierre-Hugues Schmit, diretor comercial e de marketing da Vinci.

21 de setembro de 2017, 11:29

SALVADOR Prefeitura cria “delivery de árvores da Mata Atlântica”

A Prefeitura, por meio da Secretaria da Cidade Sustentável e Inovação (Secis), lança uma ação inovadora no Dia Nacional da Árvore, comemorado próxima quinta-feira (21): o “delivery de árvores”. Os cidadãos que quiserem adquirir mudas de espécies nativas da Mata Atlântica poderão fazer o pedido através do Disque Mata Atlântica. A árvore poderá ser entregue na própria casa do solicitante ou retirada em três pontos da cidade – Parque da Cidade, Jardim Botânico e Horto. Para o projeto, a Prefeitura disponibilizará, por mês, mil pés, entre Aroeiras, Sibipirunas e Ingás.Aqueles que quiserem solicitar mudas podem fazer isso de três maneiras: ligando para o telefone 3611-3802, enviando uma mensagem de Whatsapp para o número (71) 98549-8453, ou via 156, número da ouvidoria da Prefeitura. É necessário informar nome completo, e-mail e telefone para contato, além de endereço com CEP. Serão doadas até duas árvores por logradouro. Após a solicitação, o cidadão pode escolher a opção delivery, ou seja, pedir a entrega da muda diretamente no endereço cadastrado, ou indicar se prefere retirar. Os locais para retirada são o Parque da Cidade, no Itaigara; o Jardim Botânico de Salvador, na avenida São Rafael; e o Horto Sagrada Família, no bairro do Bonfim. Na opção delivery, a equipe fará a reserva da muda escolhida e uma vez por semana, às quartas-feiras, entregará nos endereços cadastrados.“O que estamos oferecendo ao cidadão são novas maneiras de contribuir com a arborização nativa da nossa cidade. Acontece de, às vezes, o cidadão querer plantar e não saber como conseguir as mudas, de que forma fazer isso e a quem pedir essa orientação. Através desse novo serviço, o cidadão poderá receber a muda em casa ou simplesmente buscá-la em um dos locais combinados. O serviço é importante, pois reforça o papel de cada um no esforço de arborizarmos Salvador”, destaca titular da Secis, André Fraga.Ainda como parte da programação comemorativa ao Dia da Árvore, serão distribuídas ainda nesta quinta-feira, no Parque da Cidade, mudas nativas da Mata Atlântica como sibipirunas, ingás e aroeiras.

21 de setembro de 2017, 10:45

SALVADOR Pesquisa aponta Salvador e Recife como únicas cidades a melhorar desempenho de mobilidade

Foto: Tiago Queiroz / Estadão

Histórico da pesquisa mostra ainda que Salvador reduz os transtornos no trânsito ano a ano

Salvador e Recife foram as únicas cidades brasileiras com melhoria na fluidez do trânsito, em 2016, segundo a mais recente pesquisa da Tomtom Traffic, empresa holandesa de GPS. No ranking mundial, entre as 100 primeiras cidades, apenas seis, inclusive a capital baiana, melhoraram a performance de mobilidade. O histórico da pesquisa mostra ainda que Salvador reduz os transtornos no trânsito ano a ano, com nível de congestionamento caindo de 46% em 2014, para 43%, em 2015, e 40% em 2016. Os soteropolitanos tiveram 3% dos congestionamentos reduzidos, enquanto a capital pernambucana apresentou melhoria de 6%. As outras quatro cidades quem vivem um trânsito mais fluido são Istambul, na Turquia, Varsóvia, na Polônia, Estocolmo, na Suécia, e Jidá, na Arábia Saudita. A pesquisa da Tomtom analisa trechos trafegados por GPS distribuídos pelo mundo para fazer a medição. Em Salvador, dos 25 trechos apontados como críticos, cinco estão fora da competência da Transalvador, por se situarem na BR-324. De acordo Fabrizzio Muller, superintendente da Transalvador, “Salvador está na contramão do mundo, de uma forma muito positiva”. “Sofremos com os mesmos problemas de todas as grandes cidades do planeta, mas nossos esforços por mobilidade, investimentos em modais alternativos, inteligência de tráfego, monitoramento e obras de mobilidade têm surtido efeito”, declarou. “Não podemos esquecer que nossa cidade sofre com uma super frota, que cresceu 94%, em dez anos, e que somente nos últimos cinco anos investimentos significativos em obras de mobilidade têm se consolidado”, afirmou Muller. Em 2007, segundo o Denatran, Salvador tinha uma frota de mais de 490 mil veículos. Hoje, a frota soteropolitana está prestes a atingir 960 mil veículos.

21 de setembro de 2017, 09:44

SALVADOR Presidente da Cogel participa de evento que reúne líderes de Tecnologia da Informação

Foto: Divulgação

Alberto Braga (D) com os colaboradores da Cogel

O diretor-presidente da Companhia de Governança Eletrônica de Salvador (Cogel), Alberto Braga, é o convidado da 10ª edição do 4CIO BA, evento que acontece no Hotel Deville Prime Salvador, no bairro de Itapuã, e que reúne os principais líderes de Tecnologia da Informação (TI) do Estado. Alberto Braga irá participar, nesta quinta-feira (21), às 16h, da atividade técnica ‘Cio Testimony’, quando irá compartilhar suas experiências em TI com os demais participantes, a exemplo do aplicativo Ouvindo Nosso Bairro, desenvolvido pela Cogel, e do eixo ‘Cidade Inteligente’ do programa Municipal Salvador 360. Este ano, o tema do evento é ‘Up2Date’.

21 de setembro de 2017, 08:25

SALVADOR Travessia Salvador-Mar Grande só será retomada às 11h30

Por causa da maré baixa, que deixa o Terminal de Vera Cruz sem condições para operar, a travessia Salvador-Mar Grande suspendeu o atendimento às 7h30 desta quinta-feira (21). O serviço só será retomado às 11h30 e caso ocorra concentração de passageiros nos terminais serão feitos horários extras, com saídas de 15 em 15 minutos. A travessia vinha registrando desde o início das operações, às 5h, movimento moderado de embarque. Oito embarcações estarão em tráfego a partir das 11h30, na retomada das operações. O último horário saindo de Salvador será às 19h. No sentido de Mar Grande para a capital o último horário será normal, às 18h30.

21 de setembro de 2017, 07:21

SALVADOR Prefeitura de Salvador e Embaixada do Brasil na França acertam parceria

A Prefeitura de Salvador e a Embaixada do Brasil na França vão elaborar uma programação conjunta até o final de novembro para promover ações relacionadas à primeira capital do Brasil na Europa no ano que vem. As sugestões e o calendário para os eventos foram discutidos na manhã desta quarta-feira (20), em Paris, durante encontro do embaixador Paulo
César de Oliveira Campos e o secretário de Cultura e Turismo de Salvador, Cláudio Tinoco.O secretário iniciou a reunião de trabalho, realizada na sede da Embaixada, com uma apresentação das principais ações feitas à frente da Secult, citando como exemplos bem sucedidos os contratos de financiamentos, os intercâmbios para o desenvolvimento do turismo, a implantação dos espaços culturais e a requalificação urbanística de Salvador.
Em seguida, Cláudio Tinoco convidou o embaixador para firmar parcerias para a divulgação de Salvador na França. “Com isso, seguimos a orientação do prefeito ACM Neto de intensificarmos a divulgação internacional de Salvador, como aconteceu recentemente em Washington “, afirmou Tinoco.Uma das propostas é a participação de Salvador na Semana Literária da França, que acontecerá entre os dias 14 e 19 de março, na Universidade Paris-Sorbonne. Um dos homenageados da Semana Literária será o escritor baiano Jorge Amado. “Todo francês que conversa sobre literatura conhece a obra de Jorge Amado”, afirmou o embaixador Paulo César Campos. O secretário Cláudio Tinoco elogiou a homenagem a Jorge Amado e lembrou que a Prefeitura transformou a casa que o escritor morou com Zélia Gattai, no Rio Vermelho, em um dos mais importantes espaços culturais da Brasil. No final, o embaixador disse que tem um carinho especial por Salvador porque morou na capital baiana por seis meses, em 1993. “Sempre que posso vou à cidade para passear e fazer turismo “, concluiu.