24 de outubro de 2014, 07:29

BAHIA Líderes da oposição se movimentam para que pesquisas não desanimem

Foto: Valter Pontes

Líderes da oposição começaram a se movimentar, ontem à noite, para evitar que a nova rodada de pesquisas sobre a corrida presidencial congele de vez os ânimos na coordenação de campanha do tucano Aécio Neves na Bahia e estrague a operação de rua montada para os dois últimos dias de campanha. Logo após a divulgação dos números, que apontaram o crescimento da vantagem de Dilma Rousseff (PT), caciques do DEM e do PSDB disparam telefonemas para o interior na tentativa de manter o gás aceso nas frentes de apoio montadas para Aécio no estado. Articulada pelo comando nacional do PSDB, a tática é baseada na desmistificação maciça das pesquisas. Com acento especial nos erros do Datafolha e do Ibope, que deram ao candidato tucano percentuais bem abaixo do constatado após a abertura das urnas. Como parte da cartada final, foram escaladas equipes para intensificar o combate nas redes sociais, no afã de espanar o desânimo da militância aecista, vista como principal arma para a batalha às vésperas da votação.

Jairo Costa Junior, Correio*

24 de outubro de 2014, 07:00

BAHIA Não deixaremos de lutar nem por um minuto, diz Valmir sobre a reeleição de Dilma

Foto: Divulgação

Valmir em reunião no município de Porto Seguro, debatendo as ações finais da campanha com a militância do PT

Faltando apenas dois dias para o segundo turno das eleições presidenciais, o deputado federal Valmir Assunção (PT-BA) continua com as agendas políticas pelo interior da Bahia para reforçar o nome da presidente Dilma Rousseff em diferentes cidades e comunidades rurais. Na região do extremo sul, nesta quinta-feira (23), o petista se encontrou com militantes e membros de movimentos sociais de Porto Seguro e debateu mais ações para esta reta final da campanha de reeleição Dilma. Sempre com informações e seguindo a função de “cabo eleitoral”, o parlamentar também fez uma breve análise das últimas pesquisas eleitorais e pediu atenção à militância em todo o estado para pleito que acontece no domingo (26). As pesquisas Ibope e Datafolha apontam variação mínima entra Dilma e o candidato tucano Aécio Neves. Na Ibope a presidente tem 54% e Aécio caiu para 46%, e na Datafolha, a petista tem 53% e Neves tem 47%, computando apenas os votos válidos de cada pesquisa. “O candidato da oposição tem um nível de rejeição que chega a 40% e já estamos na frente, conseguimos abrir uma vantagem fora da margem de erro. Pra mim isso quer dizer que esse número deve ser ainda maior, mas precisarmos ter mais atenção, redobrar a atenção para conseguirmos aumentar ainda mais essa vantagem até domingo. Não deixaremos de lutar nem por um minuto”, aponta Valmir.

23 de outubro de 2014, 17:45

BAHIA PRE/BA diz que frota de transporte para eleitor não pode ser ampliada

Foto: Reprodução

Prazo limite para ampliação de veículos cedidos a Justiça Federal já foi excedido

A Procuradoria Regional Eleitoral na Bahia (PRE/BA) sustentou, na sessão do Tribunal Regional Eleitoral (TRE/BA) da última quarta-feira, 22 de outubro, que não é possível a ampliação da frota de veículos cedidos à Justiça Eleitoral para o transporte gratuito de eleitores no segundo turno, pois já expirou o prazo limite fixado pelo calendário eleitoral para este tipo de solicitação. Acolhendo o entendimento da PRE, o tribunal decidiu que apenas pode haver a substituição ou a reposição de veículos disponibilizados no primeiro turno, a exemplo daqueles que tenham apresentado defeitos. De acordo com a Resolução 23390/13 do Tribunal Superior Eleitoral, que fixa o calendário eleitoral, 20 de setembro foi o “último dia para a requisição de funcionários e instalações destinados aos serviços de transporte e alimentação de eleitores no primeiro e eventual segundo turnos de votação (Lei nº 6.091/74, art. 1º, § 2º)”. É vedado aos candidatos e seus partidos políticos fornecerem transporte para os eleitores no dia da votação. Atento a esse tipo de infração, o procurador Regional Eleitoral Ruy Mello afirma que, também neste segundo turno, o Ministério Público Eleitoral (MPE) e as instituições policiais fiscalizarão com rigor o transporte ilegal de eleitores. O crime é previsto no art. 11, inciso III, da Lei 6091/74, com pena de quatro a seis anos de reclusão e multa. O cidadão que verificar alguma irregularidade eleitoral, a exemplo do transporte ilegal de eleitores, pode fazer uma denúncia por meio dos canais de comunicação disponibilizados pela PRE/BA, TRE/BA e pelo Núcleo de Apoio às Promotorias de Justiça Eleitorais do Estado da Bahia (Nuel).

23 de outubro de 2014, 17:15

BAHIA Rui intensifica campanha a Dilma no interior

Foto: Divulgação

Petista fará caminhadas em Jequié e Alagoinhas nesta sexta-feira

Na reta final das eleições presidenciais, o governador eleito Rui Costa (PT) intensifica a agenda de campanha da presidente Dilma Rousseff, candidata à reeleição. Nesta sexta-feira, às 9h, o petista realizará uma caminhada em Jequié, saindo da Praça Ruy Barbosa. À tarde, o novo governador da Bahia vai para Alagoinhas para mais uma caminhada em apoio à reeleição de Dilma. A concentração será às 15h, na Praça Ruy Barbosa. Nas duas agendas, a senadora Lídice da Mata (PSB) acompanhará o governador eleito.

23 de outubro de 2014, 12:44

BAHIA Eliana Calmon discorda de orientação do PSB e apoia o tucano Aécio Neves

Foto: Divulgação

Eliana Calmon

Ao contrário do PSB baiano, a ex-ministra Eliana Calmon, que se candidatou ao Senado pela legenda e obteve mais de 500 mil votos, já declarou seu total apoio a Aécio Neves (PSDB) e disse que subirá em palanques se for preciso e tem fortalecido a campanha do presidenciável também pelas redes sociais. Ao lado da oposição na Bahia (DEM/PSDB), a ex-ministra esteve com Aécio na última sexta-feira, quando ele visitou a Bahia e realizou caminhada no Pelourinho.Hoje ela vai para Juazeiro participar de uma palestra da universidade da região e se reunirá com pastores e lideranças da oposição. No aplicativo WhatsApp, e nas redes sociais, viralizou uma mensagem de Eliana onde ela pontua dez motivos para apoiar o candidato tucano. Na mensagem, ela explica que seguiu o caminho indicado pela Rede Sustentabilidade e pelo PSB nacional e acrescenta que apoia Aécio porque a democracia “requer alternância do poder e depois de 12 anos o PT dá mostras de querer se perpetuar no governo, ao tempo de que se distancia dos seus postulados básicos, inclusão social e ética na política”. Outro motivo apontado pela jurista é a corrupção. “A corrupção generalizada alastra-se por todos os poderes e instituições de forma nunca vista, enriquecendo a cúpula governamental e as elites com ela coniventes, em detrimento das políticas públicas não realizadas ou paralisadas”.

Tribuna

23 de outubro de 2014, 12:30

BAHIA Selo fiscal nos garrafões de água mineral será obrigatório a partir de novembro

Foto: Divulgação

Obrigatoriedade já está em vigor desde o início de outubro para as envasadoras

A partir de 1º de novembro, todos os garrafões de 20 litros de água mineral comercializados na Bahia deverão apresentar no lacre o selo fiscal registrado pela Secretaria da Fazenda do Estado (Sefaz-Ba). A multa é R$ 90 por unidade irregular, que será aplicada aos comerciantes e/ou empresas envasadoras de água que descumprirem a determinação. A medida é uma garantia de procedência da água, e também uma nova arma no combate à concorrência desleal e à sonegação de impostos no setor. A obrigatoriedade já está em vigor desde o início de outubro para as envasadoras. O cronograma de implantação da medida estabeleceu um prazo maior para o comércio, permitindo assim o escoamento dos garrafões que foram adquiridos antes da vigência do selo. Vale ressaltar que a medida não implica em custo adicional, já que o valor desembolsado com a aquisição do selo será utilizado como crédito na quitação do imposto devido pelas empresas. A Sefaz-Ba realizará, a partir de 1º de novembro, operações especiais para fiscalizar o cumprimento da obrigação. Em outubro, essas operações tiveram como foco o produto proveniente das envasadoras. “Vamos continuar a desenvolver as ações de fiscalização para aferir o cumprimento da exigência, agora ampliando o escopo para incluir também o comércio”, afirma o superintendente de Administração Tributária da Sefaz-Ba, José Luiz Souza. Outra medida adotada pela Sefaz-Ba é a disponibilização de um canal para que consumidores e comerciantes possam aferir a autenticidade do selo. Basta acessar o site www.sefaz.ba.gov.br, clicar no ícone “SELO FISCAL – AUTENTICIDADE” e digitar o número de série do produto, informado em cada selo. Caso encontre alguma irregularidade, o cidadão pode fazer denunciar através do 0800 0710071 ou do 71 3118-1555 (ligações de celular da Região Metropolitana de Salvador). Existe ainda a opção de fazer a denúncia via WhatsApp, pelo 9990-0071, que fica disponível 24 horas, ou pelo próprio site da Sefaz-Ba.

23 de outubro de 2014, 12:10

BAHIA Wagner é vítima de preconceito em São Paulo

Foto: Ed Ferreira

Um governador sem papas na língua. Após sair de uma campanha vitoriosa com a eleição do seu sucessor (Rui Costa), Jaques Wagner (PT) mergulha de corpo e alma para a vitória da presidente Dilma Rousseff (PT) na disputa com Aécio Neves (PSDB) pelo Palácio do Planalto. Em suas recentes declarações, o cacique petista não esconde afagos, elogios e críticas. Confiante na campanha da sua sigla, o chefe do Executivo baiano afirmou que não tem bola de cristal, mas que com os contextos históricos, políticos e a qualificação do povo pelo trabalho realizado por um governo, pode se ter noção do cenário da corrida eleitoral. Seja por ser um eventual ministro braço direito de um próximo mandato Dilma, seja para ajudar Rui Costa (PT) na administração, algo que se confirma é a convicção do esposo de Fátima pela vitória. “A força do projeto do PT e da Dilma no Nordeste é muito grande, pois não é porque a gente quer ser dono da região, mas o que nós fizemos em 12 anos era aquilo que o Nordeste precisava”. Na entrevista, ele também tece duras críticas ao governo tucano, lembra que não era a favor de uma campanha de ataques aos adversários e também comenta a situação preconceituosa que passou em São Paulo, em um restaurante. Confira a entrevista completa no Tribuna.

Osvaldo Lyra e Paulo Roberto Sampaio, Tribuna da Bahia

23 de outubro de 2014, 10:12

BAHIA Venda e consumo de bebidas no dia da votação não será proibido

Foto: Marcelo Camargo/Agência Brasil

Está mantida a decisão do Estado de não proibir o consumo de bebidas no próximo domingo, quando ocorre o segundo turno das Eleições 2014. Segundo informações do portal G1, de acordo com o Tribunal Regional Eleitoral (TRE), apesar do governo não publicar portaria sobre o tema no Diário Oficial do Estado (DOE), o juiz eleitoral tem poder de polícia e pode determinar a proibição por meio de portaria e solicitar reforço policial para evitar o descumprimento da ordem. No primeiro turno destas eleições, ocorrido em 5 de outubro, em alguns estados, como Paraná e Pará, a proibição foi anunciada por secretaria de Estado. Já em Alagoas, foi a Justiça Eleitoral que comunicou a decisão proibindo o consumo antes e no dia da votação. Do mesmo modo que a Bahia, Pernambuco não publicou portaria com a proibição, conforme afirmado pelo TRE.

23 de outubro de 2014, 09:31

BAHIA Jorge Solla comenta denúncias do MP e acusações de Dalva Sele

Foto: Mateus Pereira

Deputado federal e ex-secretário da Saúde, Jorge Solla (PT)

O deputado federal eleito pelo PT e ex-secretário da Saúde, Jorge Sola, comentou nesta manhã, durante entrevista a rádio Tudo FM, a atual situação da saúde na Bahia. Segundo Solla, o Sistema Único de Saúde (SUS) propõe ser universal e deve promover todas as ações, mas é preciso mais recursos e profissionais. “Sabemos que é preciso avançar mais, mas tem que se fazer todo o esforço para continuar ampliando as ofertas, só não podemos vender ilusões. Nenhum sistema consegue atender 100%”, disse. Questionado sobre as acusações da presidente do Instituto Brasil, Dalva Sele, no qual foi citado, Solla disse ter relatórios que comprovam que ele não participou de nada. “Assim que passar as eleições, vou acionar meu advogado e entrar com os processos. Tenho certeza que essas acusações não atrapalharam em nada minha candidatura, pois as pessoas me conhecem”, afirmou.  O  petista comentou também sobre a denúncia do Ministério Público do Estado (MPE), que em setembro deste ano,  ingressou com uma ação por improbidade administrativa contra ele e a Fundação José Silveira (FJS). Segundo o MP, entre 2007 a 2012, o governo repassou à fundação aproximadamente R$ 202 milhões. Deste total, estão sendo questionados os repasses de R$ 39 milhões para pagar contribuições sociais às quais a FJS seria isenta. “Isso é mais uma calúnia de ordem eleitoreira. Infelizmente a promotora Rita Tourinho se reuniu com o conselheiro, que por sinal é da oposição, e aconteceu isso. Eu conheço a legislação e sei que está tudo óbvio e cristalino”, pontou.

23 de outubro de 2014, 09:30

BAHIA Empresa vai implantar e operar parques eólicos em Jacobina

O Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade) aprovou a formação de uma joint-venture entre a Renova Energia e a Companhia Energética de Minas Gerais (Cemig), para a implantação e operação de novos parques eólicos na cidade de Jacobina, na Bahia. As informações constam em um despacho publicado no Diário Oficial da União. Segundo as empresas, os parques terão capacidade instalada de 676,2 megawatts (MW). Além disso, cada companhia terá metade da nova empresa. “Como os empreendimentos ainda serão construídos, pode-se afirmar que a operação não gerará qualquer impacto imediato no mercado brasileiro de energia”, afirmaram as empresas.

Correio*

23 de outubro de 2014, 09:01

BAHIA ANTT vai desativar trechos de ferrovia Minas-Bahia

A Agência Nacional de Transportes Terrestres (ANTT) vai desativar o trecho da Ferrovia Minas-Bahia que está sob concessão da Ferrovia Centro-Atlântica S.A. (FCA). As faixas correspondem as linhas Alagoinhas/BA – Juazeiro/BA e Alagoinhas/BA – Propriá/SE, que devem passar por obras de requalificação inseridas no Programa de Investimento de Logística do Governo Federal (PIL). A medida preocupa a Associação de Usuários dos Portos da Bahia (Usuport) pois restringe as opções logísticas de escoamento de produção de empresas baianas durante a realização das obras. Segundo o diretor executivo da associação, Paulo Villa, a resolução da ANTT determinou a desativação, mas não falou “nada” sobre prazos. A Usuport solicitou à agência o cancelamento ou a suspensão da medida, que, segundo ele, pode atingir cerca de dez empresas baianas que utilizam as linhas ferroviárias para transportar minérios, madeira, cal entre outros materiais. “Isso vai exigir dessas empresas, e do sistema de cargas, uma modificação de logística que vai acarretar em sérios impactos de custo, tempo e aumento de risco no reposicionamento do transporte para a malha rodoviária”, explica Villa. A Usuport é a favor de que a concessão da FCA – válida até 2026 – seja mantida até a implantação do novo modelo de transporte ferroviário previsto pelo PIL. “Antes de determinar a devolução de trechos, a ANTT deveria ter contratado a nova infraestrutura e autorizado o novo operador ferroviário, para que a transição aconteça sem a descontinuidade”, disse.

Correio*

23 de outubro de 2014, 07:57

BAHIA PSDB se queixa de que placas em favor de Aécio estão sendo destruídas

Foto: Divulgação

Verador Leo Prates (DEM)

Na reta final para a eleição que será realizada no próximo domingo, as campanhas do segundo turno presidencial entram numa verdadeira batalha nas ruas e nas redes sociais e, nesse embate, as táticas podem descambar para os ataques aos materiais espalhados pelos logradouros. Essa já teria sido a percepção dos aliados da Coligação Muda Brasil, do candidato à Presidência Aécio Neves (PSDB), que se queixam da destruição de peças, como as placas com fotos e número do tucano e da retirada da pintura dos muros. Segundo o vereador Léo Prates (DEM), um dos coordenadores da campanha em Salvador, houve um momento progressivo do vandalismo em comparação ao primeiro turno. “Diariamente, 30% do material que colocamos nas ruas é destruído. Temos uma estrutura antivandalismo no Comitê e temos identificado uma ação muito direcionada. Lamentamos o rumo que a campanha tem tomado. Não sei se isso tem acontecido de maneira deliberada, mas até mesmo muros autorizados têm sido manchados”, relatou. Segundo ele, diante da destruição, a campanha tem optado por outros tipos de placas em que a lona pode ser substituída e a moldura é mantida. Temos recorrido às soluções mais criativas porque, infelizmente, a campanha milionária que identificamos é a do PT”, lamentou. As maiores incidências são nas avenidas Magalhães Neto, ACM e Paralela.Leia mais no Tribuna.