20 de setembro de 2018, 21:30

BAHIA Rui evita comentar criticas de Neto: “Estava relaxando”

Foto: Divulgação

O governador e candidato à reeleição, Rui Costa (PT)

Ao chegar na TVE para participar do debate entre candidatos ao governo do Estado agora à noite, o governador Rui Costa (PT) disse que não iria comentar as críticas e os ataques deferidos pelo prefeito ACM Neto (DEM), que na manhã desta quinta-feira (20) chamou o petista de “invejoso” e que ele tinha “dor de cotovelo” devido à construção do Centro de Convenções de Salvador. “Não gosto de comentar declaração que não vi. Estava relaxando para estar hoje aqui bem relaxado”, disse Rui.

20 de setembro de 2018, 20:01

BAHIA Gualberto reprova Irmão Lázaro, vota em Jutahy e admite apoio a Celsinho Cotrim ao Senado

Foto: Divulgação

O presidente estadual do PSDB e deputado federal, João Gualberto

O presidente estadual do PSDB e deputado federal, João Gualberto, resolveu sair de cima do muro e assumir sua reprovação à candidatura de Irmão Lázaro (PSC), ao confirmar que não votará nele e sim no candidato do Prona, Celsinho Cotrim. Com isso, agora é público que Gualberto votará em seu correligionário Jutahy Magalhães Jr., que compõe a chapa ao lado de Lázaro, e no candidato do Prona. Os correligionários de Gualberto também foram autorizados a seguirem o mesmo caminho, se assim desejarem. No ninho tucano, Cotrim já conta com a adesão confirmada a sua campanha do presidente da Câmara de Vereadores de Mata de São João, Agnaldo Cardoso, e mais sete vereadores do município, o que pode ter influenciado na decisão do deputado. A insatisfação com Lázaro e o PSC se deu por conta de “não haver comprometimento algum com os acordos firmados”, conforme o dirigente tucano já deixou claro.

20 de setembro de 2018, 18:25

BAHIA Embasa pode ser condenada por destruir sítios arqueológicos

Foto: Divulgação

Embasa

O Ministério Público Federal (MPF) em Feira de Santana (BA) emitiu alegações finais, no último dia 12 de setembro, contra a Empresa Baiana de Águas e Saneamento (Embasa) por danos causados ao patrimônio histórico-cultural dos municípios baianos de Cachoeira e São Félix, ambos tombados pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (Iphan). A empresa destruiu grande parte do complexo arqueológico local durante a realização de obras do Sistema de Esgotamento Sanitário (SES). O MPF já havia ajuizado ação civil pública em 2014. De acordo com a manifestação, assinada pelo procurador da República Samir Nachef, a Embasa firmou contrato com o Centro de Estudos das Ciências Humanas Sociedade (CECH), em 2009, para que fossem realizados estudos arqueológicos no subsolo dos municípios, com autorização do Iphan, a fim de preservar o acervo da região antes que fossem iniciadas as obras. A partir daí, as intervenções poderiam ser feitas, desde que os estudos preventivos fossem respeitados para evitar que a ação das máquinas da empreiteira causasse dano a qualquer objeto de valor histórico. No entanto, a Embasa não seguiu o cronograma de investigações arqueológicas prévias e deu início às obras antes que o CECH e o Iphan autorizassem. Segundo as investigações do MPF, quando os técnicos do centro chegaram em Cachoeira para iniciar a sondagem, foram informados pelos engenheiros que a implantação do SES já estava bastante adiantada, com 65% das ruas da cidade já finalizadas; e as vilas de Belém, São Francisco do Paraguaçu, bem como todas as ruas na cidade de São Félix, inteiramente concretizadas. Neste período, os materiais arqueológicos encontrados durante a realização das obras eram jogados fora. Além disso, o Iphan informou que notificou a Embasa acerca das irregularidades na execução das obras, mas a empresa seguiu desrespeitando a necessidade dos estudos prévios de arqueologia. De acordo com o procurador, a Embasa agiu dolosamente. “Dada a ciência da existência dos sítios, [a empresa] prosseguiu na empreitada, buscando o lucro individual do empreendimento em detrimento do patrimônio coletivo”, destaca. O MPF requer o pagamento, por parte da Embasa, de indenização por danos morais e patrimoniais no valor de R$ 1 milhão, além da não realização de obras que impliquem alteração do solo de localidades protegidas por tombamento, sem a prévia realização de estudos arqueológicos e sem a respectiva autorização do Iphan. A indenização deverá ser revertida ao Fundo de Defesa de Direitos Difusos, conforme art. 13 da Lei nº 7.347/85.

20 de setembro de 2018, 17:55

BAHIA Ex-prefeito de Santo Antônio de Jesus é punido pelo TCM

Foto: Divulgação

O ex-prefeito de Santo Antônio de Jesus, Humberto Soares Leite

O Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) julgou procedente o termo de ocorrência lavrado contra o ex-prefeito de Santo Antônio de Jesus, Humberto Soares Leite, devido a omissão na cobrança de multas aplicadas a agentes políticos municipais, caracterizando-se como renúncia ilegal de receita para o município. Na sessão desta quinta-feira (20), o relator do processo, conselheiro Raimundo Moreira, determinou o ressarcimento ao erário do montante de R$8.025,39, com recursos pessoais. A relatoria constatou que no exercício de 2013 ocorreu a prescrição de créditos municipais devido a injustificada omissão do gestor na adoção das providências judiciais necessárias à sua cobrança. As multas foram imputadas pelo TCM à Everaldo Ferreira Junior e Álvaro Veloso Bessa, nos valores de R$4.000,00 e R$500,00. As mesmas foram atualizadas para R$7.133,68 e R$891,71, respectivamente. Apesar de afirmar, em sua defesa, que a despesa “não lhe foi passada nem no ato de transmissão do governo e nem por esse Tribunal de Contas”, o ex-prefeito foi responsabilizado visto que, nos termos da Constituição Federal, os gestores públicos devem estar atentos para o controle interno do estoque das obrigações relacionadas às cobranças das multas aplicadas pela Corte de Contas. A decisão cabe recurso.

20 de setembro de 2018, 17:45

BAHIA Equipamentos e títulos de terra fortalecem agricultura familiar de Monte Santo

A Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR) realizou, nesta quinta-feira (20), ações voltadas para a agricultura familiar de Monte Santo, no Território de Identidade Sisal. Comunidades rurais do município foram atendidas com a entrega de 13 máquinas forrageiras, 10 kits apícolas, 292 títulos de posse de terra e 100 mil mudas de palma. O evento ocorreu na Associação Comercial Indústria e Comércio de Monte Santo. No município, 16 organizações foram selecionadas por meio de editais do projeto Bahia Produtiva, executado pela Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR). Os convênios totalizam investimentos da ordem de R$ 7 milhões, que estão fortalecendo cadeias produtivas como as da caprinoovinocultura, fruticultura, apicultura e oleaginosas. De acordo com o titular da Secretaria de Desenvolvimento Rural (SDR), Jeandro Ribeiro, as ações executadas não apenas em Monte Santo, mas em todo o estado da Bahia, foram construídas de forma coletiva, com a participação da representação dos agricultores familiares. A entrega de títulos de terra integra a política pública de regularização fundiária do Estado, por meio da CDA, em parceria com a Secretaria Especial de Agricultura Familiar e do Desenvolvimento Agrário (SEAD), atendendo agricultores e agricultoras familiares. O título de terra garante a segurança jurídica e a sucessão rural, o que possibilita a permanência das famílias no campo com qualidade de vida. Com o documento em mãos, os agricultores podem ainda acessar financiamento junto a instituições financeiras e outras políticas públicas que viabilizam melhorias na produção, aquisição de insumos ou outros investimentos, além de aquisição de bens duráveis.
A entrega das 100 mil mudas de palma forrageira doce ou miúda beneficia 100 agricultores familiares em Monte de Santo. O objetivo da ação, que integra o Projeto de Segurança Alimentar do Rebanho, executada pela Superintendência da Agricultura Familiar (Suaf), em parceria com a CAR e a Superintendência de Assistência Técnica e Extensão Rural (Bahiater), é proporcionar reserva estratégica para a alimentação do rebanho bovino, caprino e ovino, principalmente em períodos de longas estiagens.

20 de setembro de 2018, 17:26

BAHIA Serviço de desospitalização pelo SUS vai liberar 600 vagas para a regulação

Foto: Divulgação/Sesab

O secretário estadual da Saúde, Fábio Vilas-Boas, durante encontro com os diretores de hospitais estaduais

Com o objetivo de ampliar o giro dos leitos hospitalares, cuja consequência imediata é o aumento da oferta de vagas para a Central Estadual de Regulação (CER), foi realizado nesta quinta-feira (20), em Salvador, um encontro com os diretores de hospitais estaduais para apresentar detalhes do programa de desospitalização da Sesab. O secretário estadual da Saúde, Fábio Vilas-Boas, ressaltou que o Governo do Estado prevê investimentos anuais da ordem de R$ 26,6 milhões para execução de serviços de saúde no domicílio. “Atualmente 374 pacientes encontram-se assistidos pelo programa e a meta é expandir”, afirma o secretário. Ele ainda destacou o ganho de qualidade. “Mais que a economia para o estado, uma vez que em um hospital o custo de um paciente é de R$29 mil a R$37 mil e na Atenção Domiciliar é de cerca de R$12 mil, essa iniciativa representa uma melhor qualidade de vida para o paciente”, pontua Fábio Vilas-Boas. De acordo com o Secretário, juntamente com outras ações, como a abertura do Hospital Alayde Costa e do Centro de Hemodiálise do Subúrbio, o serviço de atenção domiciliar conseguiu oferecer cerca de 800 leitos à Central Estadual de Regulação. “A meta é fazer com que o paciente entre e saia da tela da regulação em até 24 horas”, afirmou. O credenciamento das empresas abrange as nove macrorregiões do estado da Bahia, sendo que o serviço já está ativo em 31 municípios, a exemplo das cidades de Barreiras, Luís Eduardo Magalhães, Santa Maria da Vitória, Ibotirama, Vitória da Conquista, Brumado, Guanambi, Caetité, Jequié, Ilhéus, Itabuna, Salvador, Santo Antonio de Jesus, Cruz das Almas, Irecê, Jacobina, Ribeira do Pombal, Valença, Feira de Santana, Camaçari, Alagoinhas, Porto Seguro e Eunápolis. As equipes dos serviços credenciados estão vinculadas às unidades hospitalares habilitadas pelo Ministério da Saúde e tem a garantia de retorno à unidade de referência sempre que necessário. Os pacientes são assistidos em casa por equipes multidisciplinares, formadas por médicos, enfermeiros, técnicos de enfermagem, fisioterapeutas e assistentes sociais, bem como fonoaudiólogos, nutricionistas, odontólogos, psicólogos, farmacêuticos e terapeutas ocupacionais. Eles têm garantido um conjunto de ações de prevenção e tratamento de doenças, reabilitação, paliação (cuidados paliativos) e promoção à saúde, garantindo continuidade da assistência. Esta nova modalidade assistencial potencializa a oferta de ações em saúde, numa lógica humanizadora e com o firme objetivo de atender as pessoas na sua integralidade, de acordo com as necessidades individuais, representando um salto de qualidade na assistência, principalmente de idosos que, mesmo em recuperação, podem desfrutar da companhia dos familiares. Para ter acesso ao programa, os pacientes deverão estar internados em unidades hospitalares da rede estadual, com diagnóstico confirmado, quadro clínico estável e plano terapêutico definido. A família, por sua vez, deverá preencher alguns critérios sociais, incluindo condições da habitação e disponibilidade de acompanhantes.

20 de setembro de 2018, 13:30

BAHIA Últimos dias para aproveitar desconto no IPVA para carros com placas de final zero

Faltam poucos dias para os contribuintes que possuem veículos com placas de final zero aproveitarem o desconto de 5% no pagamento do Imposto Sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA). De acordo com a Secretaria da Fazenda do Estado da Bahia (Sefaz-Ba), o direito ao abatimento é valido até 26 de setembro para pagamento em cota única. Existe ainda a opção de pagar o IPVA em três parcelas, bastando para isso efetuar o pagamento da primeira cota também no dia 26 de setembro. Já a cota única sem desconto deve ser quitada até 30 de novembro. Os cidadãos devem ainda estar atentos a outras datas de vencimento do IPVA que ocorrem no mês de setembro. Nos dias 27 e 28, respectivamente, ocorre o vencimento da terceira cota para donos de automóveis com placas de final 7 e 8 que optaram pelo parcelamento. Estas também são as datas limite para que estes contribuintes quitem o IPVA em cota única sem desconto. Também no dia 26 deste mês ocorre o pagamento da segunda parcela para veículos com placas de final 9 cujos proprietários escolheram o parcelamento. O calendário do IPVA 2018 está disponível no site da Sefaz-Ba (www.sefaz.ba.gov.br), Canal Inspetoria Eletrônica, IPVA. Para efetuar o pagamento, o proprietário de veículo deve dirigir-se a uma agência ou caixa eletrônico do Banco do Brasil, Bradesco ou Bancoob, com o número do Renavam. A Sefaz-Ba ressalta que não encaminha boleto de pagamento do IPVA para os contribuintes. Em caso de dúvida, o contribuinte pode entrar em contato com o call center da Sefaz, pelo 0800 071 0071.

20 de setembro de 2018, 13:24

BAHIA Ibope: Haddad lidera na Bahia; Bolsonaro está em segundo

Foto: Reprodução / Twitter

Fernando Haddad

Fernando Haddad, candidato do PT à Presidência da República, aparecer isolado na lideranças das pesquisas de intenção de voto na Bahia, de acordo levantamento do Ibope divulgado na última terça-feira (18). O petista aparece 33% dos votos enquanto o segundo colocado Jair Bolsonaro, do PSL, está com 14%. Em terceiro aparece Ciro Gomes (PDT), com 9%, seguido por Geraldo Alckmin (PSDB), com 6%. Alvaro Dias (Podemos) e João Amoêdo (Novo) figuram com 1% cada. Branco e nulo são 17%, não sabem ou não responderam são 12%. Os candidatos Vera Lúcia (PSTU), José Maria Eyamel (DC), João Goulart Filho (PPL), Cabo Daciolo (Patriota) e Guilherme Boulos (PSOL) não pontuaram. Na pesquisa feita de forma espontânea, quando os nomes dos candidatos não são citados, Haddad também aparece em primeiro com 26%, seguido por Bolsonaro, com 12%, e Ciro, com 4%. Alckmin figura com 2%, assim como Marina. A pesquisa Ibope tem margem de erro de 3 pontos percentuais para mais ou para menos, e nível de confiança de 95%. O instituto entrevistou 1.008 pessoas entre os dias 15 e 17 de setembro e protocolou o levantamento no Tribunal Regional Eleitoral (TRE) sob o registro 01723/2018 e no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o registro 03445/2018.

20 de setembro de 2018, 11:15

BAHIA Valmir associa liderança de Rui a trabalho de regionalização durante agenda em Dias D’Ávila

O processo de regionalização da saúde, obras de infraestruturas por territórios e as políticas públicas iniciados pelo governo de Rui Costa (PT) na Bahia foram associados pelo deputado federal Valmir Assunção (PT-BA) como fundamentais para que o governador petista esteja na frente nas pesquisas de intenções de votos. Nesta quarta-feira (19), durante agenda em Dias D’Ávila, Assunção disse acreditar na vitória de Rui ainda no primeiro turno e que a oposição não terá a menor chance mais uma vez. “Essa será a quarta derrota consecutiva da oposição na Bahia. Aqui, o projeto do PT segue mudando a vida das pessoas, tirando elas do ostracismo. Próximo passo é lutar por mais ações para garantir as condições de vida para que a população baiana tenha mais acesso a programas sociais e que o Brasil volte a crescer. Rui segue na contramão do Brasil. Enquanto Temer corta recursos e eleva a pobreza, aqui na Bahia a gente tem dado um salto de desenvolvimento”, salienta Valmir ao lado do dirigente do MST, Welton, e da prefeita de Dias D’Ávila Jussara Márcia do Nascimento (PT). Já sobre o cenário nacional, o deputado petista disse que o ex-prefeito de São Paulo, Fernando Haddad, tem todas as condições de ir para o segundo turno com uma boa vantagem. “Haddad é o mais preparado para seguir o modo Lula de governar. É a esperança para o Brasil ser feliz de novo com prosperidade e desenvolvimento. Vamos aproveitar a campanha para debater novas políticas sociais e de inclusão. Temos de debater ainda políticas para mulheres, a ampliação do Bolsa Família, novos mecanismos para garantir que as crianças estejam nas escolas e, principalmente, a revogação das medidas que tiraram direitos do povo”, completa Valmir.

20 de setembro de 2018, 08:37

BAHIA Em entrevista, Rui defende um pacto nacional de pacificação

Foto: Divulgação

Rui deu entrevista à Rádio Metrópole ontem

“Precisamos falar de paz, combater esse ódio, o povo já sofreu bastante. É hora de construir um pacto nacional de pacificação, apoiado nos pilares fé em Deus, família e trabalho.” As palavras do governador Rui Costa, candidato petista à reeleição, foram ditas na noite de ontem (19), em entrevista aos jornalistas Chico Kertész, Evilásio Júnior, Alexandre Galvão e James Martins, da Rádio Metrópole FM. A sabatina também abordou aspectos referentes a segurança pública, educação, patrimônio e infraestrutura. Questionado em como pretende combater a onda de intolerância que vem dominando a campanha política, Rui respondeu declarando estar preparado para a vitória de Fernando Haddad na Presidência, para ter um time unido, remando na mesma direção, também com Jaques Wagner e Angelo Coronel se juntando a Otto Alencar pra ajudar a Bahia no Senado. “Não tem sido fácil lidar com essa crise, três anos e meio do governo federal remando contra, mas agora vamos fazer o país voltar a crescer, os comerciantes, empresários, classe média, todos voltando a crescer. Só se pode gerar emprego com desenvolvimento”, sintetizou o candidato à reeleição. Logo após a entrevista, Rui iniciou um bate-papo com internautas, das 19h30 às 20h15, utilizando seus perfis oficiais no Facebook (facebook.com/ruicostaoficial), Instagram @ruicostaoficial e no Twitter (@costa_rui). Convidados pelo WhatsApp (71-99705-1313), os contatos participaram do encontro virtual, conversando sobre as realizações da gestão e principais propostas constantes no Plano de Governo Participativo (2018) para os próximos quatro anos. A transmissão alcançou mais de 36 mil pessoas registrando 3,7 mil comentários, 1,7 mil reações e 367 compartilhamentos. O bate-papo informal mobilizou gente de diversas cidades do estado, com demandas, dúvidas e opiniões. Respondendo um internauta de Tanhaçu, Rui antecipou as ações na nova Educação Integral (e-Nova e Currículo Bahia) com tecnologia, esporte, cultura e banda larga em escolas de todas as regiões. Também a oferta de cursos profissionalizantes e de capacitação de todos os tipos e temas, em cada um dos 417 municípios, de acordo com as vocações de cada região, aumentando a empregabilidade local e estimulando o empreendedorismo urbano e rural. Rui também vai construir 600 quadras cobertas, em 600 escolas, e ampliar e interiorizar ações para a juventude como os programas Primeiro Emprego, Mais Futuro e Partiu Estágio, em parceria com os municípios. Ainda, questões de temáticas específicas, como o edital de licitação da Ponte Salvador/Itaparica, previsto para sair ainda este ano, o VLT do Subúrbio, que já tem consórcio vencedor da licitação e a duplicação da BR Ilhéus/Itabuna, também foram abordadas no programa transmitido ao vivo.

20 de setembro de 2018, 07:55

BAHIA Confira a agenda dos candidatos ao governo no dia de hoje

José Ronaldo (DEM)

Manhâ: Entrevista em rádio

Noite: Participa de debate na TVE

Rui Costa (PT)

Noite: Debate na TVE

João Henrique (PRTB)

Manhã: Reunião com lideranças políticas e comerciantes

Tarde: Reunião com equipe de campanha

Noite: Debate em TV

Obs. Os demais candidatos não enviaram suas respectivas agendas

19 de setembro de 2018, 19:15

BAHIA Ex-prefeito de Guanambi é declarado inelegível pelo TRE

Foto: Divulgação

O ex-prefeito de Guanambi Charles Fernandes (PSD)

Por 5 votos a 1, o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE) declarou inelegível o ex-prefeito de Guanambi e candidato a deputado federal Charles Fernandes (PSD). A decisão foi proferida após o ex-prefeito tentar reverter a condenação, em primeira instância, imposta pelo juiz João Batista Pereira Pinto, da Zona Eleitoral de Guanambi. A decisão inicial condenou Fernandes ao pagamento de multa de 50 mil UFIRs, tornando-o inelegível pelo período de oito anos pelos crimes de abuso de poder político e de autoridade que, segundo a acusação, teriam resultaram na eleição do prefeito Jairo Magalhães e do vice Hugo Costa. O pedido de cassação do prefeito e vice foi rejeitado por 4×3, que, segundo um dos advogados da Coligação Guanambi do Trabalho, autora da ação, Maurício Oliveira, a decisão é esdrúxula: “O Tribunal condenou quem cometeu o crime e livrou quem foi beneficiado. Rui Barbosa deve estar estrebuchando em seu túmulo”, disse o advogado. Charles Fernandes poderá continuar em campanha enquanto recorre da decisão. Caso seja eleito, só poderá tomar posse se a sentença for reformada.

19 de setembro de 2018, 19:01

BAHIA Justiça Eleitoral pune coligação de Rui e dá direito de resposta a Irmão Lázaro

Foto: Estadão

O candidato ao Senado, Irmão Lázaro (PSC)

A coligação do governador e candidato à reeleição Rui Costa (PT) foi punida pela Justiça Eleitoral com a diminuição de tempo na TV e com a proibição de veiculação da propaganda que atacava o candidato ao Senado, Irmão Lázaro (PSC). “Quanto à duração da prática do ato irregular, o exame da mídia coligida aos autos demonstra que se trata de episódio que transcorre durante 30 segundos, o que conduz à sanção de supressão de 60 segundos da propaganda eleitoral gratuita da representada”, diz trecho da decisão da juíza auxiliar, Carmem Lucia Santos Pinheiro. A magistrada ainda concedeu direito de resposta para Irmão Lázaro “pelo tempo de um minuto, no terceiro bloco de audiência das inserções veiculadas nas emissoras de rádio. Notifique-se as emissoras de rádio deste Estado acerca do teor desta decisão”.

19 de setembro de 2018, 18:30

BAHIA Luís Eduardo Magalhães sedia a 18ª Caravana Respeita as Mina

Foto: Divulgação/SPM

Caravana Respeita as Mina no município de Luís Eduardo Magalhães

Com a promoção de oficinas de conscientização ao enfrentamento à violência contra as mulheres, a Caravana Respeita as Mina desembarcou nesta quarta-feira (19) no município de Luís Eduardo Magalhães, no oeste baiano. A ação, realizada no Centro Cultural da cidade, promoveu momentos de reflexão sobre a temática com estudantes da rede pública, sociedade civil e integrantes da Rede de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres. Promovida pela Secretaria Estadual de Políticas para as Mulheres (SPM), em parceria com o Instituto Avon, a Caravana é voltada para a sensibilização da população de municípios baianos com altos índices de violência contra as mulheres. Presente na ação, a titular da SPM, Julieta Palmeira, falou da importância da campanha de enfrentamento à violência contra as mulheres, Respeita as Mina. Além disso, a secretária alertou para o fato de que o machismo tem feito com que mulheres sejam vítimas de violência diariamente, quando não são mortas. Durante o ato, a Prefeitura de Luís Eduardo Magalhães assinou o Pacto Nacional de Enfrentamento à Violência contra as Mulheres no município. A Caravana contou com as presenças do prefeito da cidade, Oziel Oliveira, do secretário municipal de Segurança, Ordem Pública e Trânsito, Daniel Alvares, entre outros.

19 de setembro de 2018, 18:00

BAHIA Rui Costa vai vencer em primeiro turno com uma frente jamais vista na Bahia, diz Suíca

Durante plenária no bairro de Pernambués, em Salvador, com cerca de mil pessoas, entre lideranças comunitárias e militantes do PT e de movimentos sociais e sindicais, o candidato a uma vaga na Assembleia Legislativa da Bahia (Alba), vereador da capital Luiz Carlos Suíca (PT) disse que a reeleição de Rui Costa (PT) virá ainda no primeiro turno. Munido dos dados da última pesquisa do Ibope no estado, o edil petista detalhou que a atuação do governador no interior e na capital fez que ele chegasse a esse momento da campanha com cerca de 60% das intenções de votos. “Não tenho dúvida que Rui será reconduzido com a força do povo por conta da sua atuação por toda a Bahia. E ele ainda vai fazer a diferença no que se refere à eleição de Fernando Haddad e Manuela D’Ávila para a presidência da República. Haddad já aparece com 19% em uma semana que seu nome foi oficializado. Isso mostra o poder de transferência de votos do ex-presidente Lula e do PT. O povo sabe que há uma perseguição e que Lula é um preso político. Isso porque ele venceria as eleições em primeiro turno contra todos os candidatos que aí estão”, salienta Suíca ao lado do deputado federal Valmir Assunção (PT-BA), que vai para a reeleição este ano. Ainda de acordo com Suíca, o trabalho de Rui neste segundo governo – aliado ao de Haddad no governo federal, trará mais projetos e programas para a Bahia, assim como foram nas gestões de Lula e Dilma. “Temos uma tarefa importante que é voltar a sintonizar os governos estadual e federal. Para o nosso estado, isso será mais um passo importante para o crescimento e desenvolvimento das regiões e do Nordeste. Não tenho dúvida que vamos conseguir mais ações para que o povo pobre tenha condições de voltar a participar da economia do país”, completa Suíca com lideranças de Pernambués e de bairros periféricos de Salvador.