21 de agosto de 2014, 16:30

BAHIA Souto propõe ajuda a pequenos produtores e atração de investimentos para Extremo-Sul

Foto: Valter Pontes

Candidato a governador, Paulo Souto, da coligação "Unidos pela Bahia"

O candidato a governador, Paulo Souto, da coligação “Unidos pela Bahia”, anunciou que, no caso de eleito, vai estimular a agricultura de pequenos e médios produtores no Extremo-Sul. “São atividades que estão revolucionando a economia da região e merecem todo o apoio do estado”, disse, durante a passagem pela cidade de Itapebi, no início da tarde desta quinta-feira (21). Acompanhado do vice Joaci Góes e do deputado estadual Bruno Reis, além das lideranças regionais Paulo Dapé, Júnior Dapé, prefeito de Itabela, Geovane, ex-prefeito de Itagimirim, e da vereadora Débora, também de Itagimirim, Paulo Souto ratificou sua determinação de dar continuidade a política de atração de empreendimentos industriais para fortalecer a economia do interior do estado. O candidato a governador citou o exemplo da Veracel, atraída para o Extremo-Sul durante sua última administração. “Vamos retomar esta política de atração de investimentos. A Veracel já poderia gerar mais empregos na região, se o governo petista tivesse sido mais ágil no licenciamento ambiental para a ampliação da fábrica de celulose, que demorou seis anos”. Paulo Souto voltou a reclamar a falta de duplicação da BR-101 no território baiano, enquanto a ampliação da rodovia já foi feita em todos os outros estados. “No meu último governo (2003/2006), fiz insistentes apelos ao governo federal e não deu em nada. Vamos torcer pela eleição de Aécio Neves, porque ele já se comprometeu com isso, ao contrário do pessoal do PT, que mesmo com o governador e o presidente do mesmo partido, nada fez para tornar a duplicação da BR-101 uma realidade na Bahia”, disse o candidato.

21 de agosto de 2014, 15:45

BAHIA Joseildo: Placa prova que Souto não construiu hospital

Foto: Divulgação

Placa de reinauguração do Hospital Dantas Bião

Com uma fotografia da placa de reinauguração do Hospital Dantas Bião, em 28 de junho de 2006, o deputado estadual Joseildo Ramos (PT) diz provar que a unidade, de Alagoinhas, não foi construído pelo ex-governador Paulo Souto, como o mesmo tem afirmado em entrevistas e até na propaganda eleitoral. “Isto prova que o ex-governador e seus liderados insistem em mentir, talvez pelo desespero de tentar mostrar mais do que aquilo que realmente fez nos oito anos de seus dois mandatos à frente da administração do Estado”, acusou o parlamentar. Na foto, a placa comemorativa registra, sem deixar espaço para dúvidas, que as obras realizadas foram de reforma e ampliação do Dantas Bião, não de construção, “ou sequer de reconstrução, como eles têm afirmado. Isso de falar de ‘reconstrução’ é uma tentativa de sair pela tangente, depois de serem flagrados mentindo”, diz Joseildo. “O fato concreto é que o hospital Dantas Bião funciona há seis décadas e, portanto, não foi construído pelo ex-governador”, reiterou o deputado. Natural de Alagoinhas, Joseildo Ramos conhece muito bem a história do hospital. A unidade teve sua construção iniciada em 1940, com recursos deixados para a família pelo médico Joaquim Climério Dantas Bião, falecido em 1936. Em 2005 foi iniciada a obra de reforma e ampliação, concluída em 2006.

21 de agosto de 2014, 15:15

BAHIA Parceria entre Bahia Pesca e Coelba beneficia pescadores com até 100% de desconto na tarifa de energia

Os pescadores baianos terão, a partir de setembro, descontos de até 100% nas contas residenciais de energia. Uma parceria entre a Bahia Pesca, vinculada à Secretaria Estadual da Agricultura (Seagri), e a Coelba utilizará informações do CadCidadão para identificar potenciais beneficiários do programa “Tarifa Social” da concessionária de energia, voltado para famílias de baixa renda. Indígenas e quilombolas terão descontos de até 100%, e os demais pescadores terão abatimentos de até 65% na tarifa de energia. A Bahia Pesca já cadastrou quase nove mil pescadores, marisqueiras e aquicultores em todo o Estado, dos quais cerca de quatro mil poderão ser beneficiados pela tarifa social. A assinatura do termo de cooperação entre as duas empresas acontecerá na próxima segunda-feira (25), às 14h30, no Terminal Pesqueiro Público de Ilhéus. “Agora estamos realizando o cruzamento destes dados com os cadastros da Coelba, para identificar quais destes profissionais já têm acesso à tarifa mais barata, quais não têm e quais ainda poderão se beneficiar desta importante política pública”, explica o presidente da Bahia Pesca, Cássio Peixoto. Os candidatos ao benefício devem ter renda familiar mensal de até três salários mínimos ou ser portador de doença ou deficiência que precise do uso continuado de aparelhos ou equipamentos elétricos. Famílias com idosos que recebam o Benefício de Prestação Continuada da Assistência Social também podem se candidatar.

21 de agosto de 2014, 12:54

BAHIA Governo autoriza obras de duplicação das BRs 101 e 116 na Bahia

O governador Jaques Wagner e o ministro dos Transportes, Paulo Sérgio Passos, assinam nesta sexta-feira (22), em Feira de Santana, a ordem de serviço para a duplicação das rodovias BR-101 e BR-116. Antes da solenidade, eles concedem entrevista coletiva à imprensa, às 10h, no Ibis Hotel, localizado no bairro São João. Serão 165 quilômetros de duplicação da BR-101, com R$ 834 milhões em investimentos com recursos do Programa de Aceleração do Crescimento (PAC 2). A estimativa de conclusão da obra é de dois anos.  Além da BR-101, será autorizado também o início das obras de duplicação da BR-116 Norte, que sai de Feira de Santana, no sentido de Serrinha. Serão seis lotes, sendo o primeiro do anel oeste de Feira (que liga a BR-324 à BR-116). O objetivo do empreendimento é a ampliação da capacidade e da segurança da BR-116 no trecho entre a divisa do Estado de Pernambuco e a cidade de Feira de Santana, na Bahia. O investimento será de R$ 297 milhões.

21 de agosto de 2014, 12:30

BAHIA Ponte Salvador-Ilha de Itaparica será integrada a ferry-boat

Foto: Divulgação

Ampliação do Sistema Ferry-Boat não elimina a necessidade da ponte

O Sistema Ferry-Boat deve funcionar de forma integrada com a ponte Salvador-Ilha de Itaparica. É o que prevê o atual contrato de concessão dos ferries, informou ontem a Secretaria de Comunicação Social do estado (Secom). A exemplo do que já acontece na cidade do Rio de Janeiro, após a construção da ponte, as embarcações passarão a atuar como barcas para transporte de pedestres. A previsão é da Secretaria de Planejamento da Bahia (Seplan), responsável pela estruturação do projeto do sistema viário, que contempla a ponte que unirá a capital baiana à Ilha. Na última segunda-feira, dois novos ferries chegaram à Bahia e a previsão é que comecem a operar dentro de 20 dias. Segundo a Seplan, a ampliação do Sistema Ferry-Boat não elimina a necessidade da ponte. Com 12,2 km, a ponte é parte de um projeto que visa permitir um novo vetor de desenvolvimento regional, ao englobar também o fechamento do anel viário do Recôncavo. O projeto inclui ainda a duplicação da BA-001, na Ilha, e da Ponte do Funil, requalificação da ligação entre Nazaré, Santo Antônio de Jesus e Castro Alves, e qualificação da infraestrutura viária regional.

Correio*

21 de agosto de 2014, 12:00

BAHIA Irecê: Sobral inaugura nova padronização de barracas

Foto: Divulgação

Prefeitura investiu mais de R$ 130 mil reais nas novas estruturas com recursos próprios

Em continuidade ao processo de revitalização de um dos mais importantes espaços de Irecê, o prefeito Luizinho Sobral (PTN) inaugurou a nova padronização das barracas instaladas no entorno do Mercadão. A Prefeitura investiu mais de R$ 130 mil reais nas novas estruturas com recursos próprios. Para os comerciantes locais, que trabalham no Mercadão há muitos anos, o movimento e os lucros aumentaram bastante depois das intervenções da administração municipal. São 91 novas barracas, com bancada e cobertura, que seguem as recomendações técnicas de segurança e vão dar melhores condições de trabalho aos comerciantes. De acordo com Luizinho Sobral, essa conquista reafirma o compromisso da administração municipal com os pequenos empresários e empreendedores individuais, que são a base de sustentação da economia da cidade. A padronização das barracas é mais uma etapa do projeto de qualificação do Mercadão, que passou por melhorias na estrutura, ganhou praça de alimentação e conta com melhores serviços de fiscalização, limpeza e segurança. Pelo segundo ano consecutivo, a Prefeitura realizou uma grande festa de São João no espaço do Mercadão, com 5 dias de programação, impulsionando as vendas e gerando mais lucros aos comerciantes do local.

21 de agosto de 2014, 11:42

BAHIA Pleno do TJ define lista tríplice de membros do MP para desembargador

O Pleno do Tribunal de Justiça da Bahia definiu ontem a lista tríplice de membros do Ministério Público do Estado que disputam vaga de desembargador no Judiciário baiano. Os três candidatos mais votados e que compõem a lista são os procuradores de Justiça Washington Araújo Carigé (32 votos), Lidivaldo Reaiche Britto (27 votos) e Elna Leite Ávila Rosa (18 votos). A vaga em questão é reservada ao Quinto Constitucional, que destina um quinto dos lugares dos tribunais a membros do MP e advogados com mais de dez anos de carreira. A relação será enviada ao governador Jaques Wagner, que escolherá um dos candidatos. Também foi definida a lista tríplice para escolha de juiz efetivo do Tribunal Regional Eleitoral. A vaga a ser preenchida é reservada a um membro da OAB-BA. Foram escolhidos para compor a relação Maurício Vasconcelos (27 votos), José Batista de Santana Júnior (23 votos) e Gustavo Mazzei Pereira (16 votos). Em menos de seis meses, Maurício foi duas vezes o mais votado na lista tríplice do tribunal eleitoral. Agora, a lista será encaminhada à Presidência da República, que deverá nomear o novo magistrado do TRE.

Raio Laser, Tribuna

21 de agosto de 2014, 11:08

BAHIA Estou confiante que vamos eleger uma grande bancada, diz Souto

Foto: Divulgação

O candidato ao Governo do Estado pelo DEM, Paulo Souto, classificou o atual quadro de saúde na Bahia como “gravíssimo”. De acordo com o democrata, é muito difícil chegar em uma região e não ter nenhum tipo de reivindicação nessa área. “Esse problema se encontra em todas as regiões do estado. Eu tomei o compromisso de levar um hospital regional ao extremo sul. Infelizmente, vai demorar um certo tempo para resolver isso, mas é preciso tomar uma solução para os que já existem”, disse em entrevista ao programa CBN Salvador 1° Edição nesta manhã. Souto reforçou a proposta de estabelecer um tempo máximo para a realização de exames e cirurgias, ainda no segundo ano de governo, se eleito. “Eu confesso que meu compromisso é até ousado, mas o governo tem que cuidar daquilo que é mais importante, que é a vida da pessoa. O que não é possível é que a população fique desassistida”, disse. Questionado de como ficaria o quadro em relação a oposição, caso Dilma seja reeleita, o democrata disse que espera “que o governo continue alavancando recursos para investimento”. “O que me preocupa atualmente é o quadro financeiro. A questão maior é o desequilíbrio das despesas correntes e eu terei que equilibrar as contas do estado”, afirmou. Sobre os apoios recebidos de alguns deputados federais e estaduais, que nas últimas eleições apoiaram a chapa governista, Souto se disse confiante na sua bancada.”Confesso que, do ponto de vista dos deputados, eu não tenho visto muitos e eles permanecem lá [com o governo]. Estou confiante que vamos eleger uma grande bancada. O governo atual fez um cálculo completamente errado quando imaginava que nas menores cidades ia manter os grupos do lado do governo. Sei que vamos exigir coerência dos nossos aliados”, disse. Sobre o apoio de ACM Neto, que tem sido o seu principal cabo eleitoral nestas eleições, o candidato classificou como “confortável” a vitória de Neto em Salvador, e que agora os eleitores estão mais independentes. “Pela perspectiva de disputa e vitória da oposição na Bahia, sinto que os eleitores estão mais independentes e sem medo. O secretariado de Neto tem nomes que caberiam muito bem no quadro estadual”, declarou. Muito perguntado sobre o funcionalismo público na sua gestão, Souto defendeu que “salário nenhum ficou em momento nenhum abaixo do mínimo”. “Se isso tivesse acontecido seríamos punidos. Foi no meu governo que criamos o Plano Habitacional, que criamos o Planserv”, pontou. Por fim, Paulo Souto defendeu a sua candidatura. “Tenho certeza que devido a situação que o a Bahia se encontra, principalmente na deterioração dos serviços prestados a vida do cidadão, a população quer alguém em que elas confiem e que conheça exatamente a forma como procede”, concluiu.

21 de agosto de 2014, 09:09

BAHIA Se tem alguém que não pode cobrar fidelidade é o PT, diz Lídice

Foto: Divulgação

Candidata ao Governo do Estado pelo PSB, Lídice da Mata

A senadora e candidata ao Governo do Estado pelo PSB, Lídice da Mata, afirmou nesta manhã, durante entrevista à rádio Metrópole FM, que a morte do ex-governador de Pernambuco e ex-candidato à presidência, Eduardo Campos, chamou a atenção da população para as eleições. “Esse fato infeliz abriu espaço político, pois este estava empobrecido. O eleitor passa a ter uma atenção maior ao processo político eleitoral”, disse. A senadora acredita que o segundo turno é inevitável e terá duas mulheres na disputa. “Marina, nesse momento, tem o que era dela e tudo que Eduardo construiu. Entra com uma potencialidade maior do que teria se não fosse a perda de Eduardo. Acredito no segundo turno entre Dilma Rousseff e Marina Silva”, afirmou.

Questionada sobre uma possível “traição” ao PT, Lídice foi direta e disse que “se há alguém que não pode cobrar de qualquer outro fidelidade é o PT”. “Alguém aqui esquece que o PT participou do meu governo, saiu do meu governo e no dia seguinte me atacava mais que o PFL? A política não cabe esse tipo de título. Eu sou leal na aliança política”, disparou. A pessebista afirmou ainda que o partido governista só aceita discutir renovação dentro do seu time político. “Ele [O PT] trai um princípio fundamental na democracia que é a alternância do poder, e trai outro principio fundamental na frente política, que é transforma-se dono dessa frente”, disse.

O ex-prefeito de Salvador, João Henrique, afirmou estar disposto a ajudar na candidatura da senadora, caso ela queira. Sobre o assunto, Lídice afirmou ter ”divergências claras com o ex-prefeito”. “Saímos do governo deixando clara a nossa discordância com o plano político. Ele não é candidato a nada no momento. Entrou recentemente no PSL, que tem uma aliança nacional com o PSB. Até então nada foi explicitado. Depois de tanta troca política, não vejo ele ser foco de grande embate”, afirmou.

Perguntada sobre o pouco tempo na TV e qual seria sua estratégia para alavancar a campanha, a senadora disse que irá utilizar de muita inteligência. “Vamos usar as nossas redes sociais e nossas caravanas. O tempo na TV é uma desvantagem, mas vamos utilizá-lo com inteligência”. Por fim, Lídice criticou o financiamento das campanhas. “Me perguntam como eu me candidatei sem dinheiro. Eu nunca tive dinheiro nas campanhas e consegui chegar até onde estou. O sistema eleitoral brasileiro está profundamente contaminado e nós precisamos colocar o dedo nessa ferida e cortar esse tumor”, concluiu.

Mariana Sotero

21 de agosto de 2014, 09:00

BAHIA Aleluia: “Rui Costa é o campeão da mentira”

Foto: Divulgação

Presidente da coligação "Unidos pela Bahia", José Carlos Aleluia

“Rui Costa é o campeão da mentira. A começar pela tentativa de transferir a Paulo Souto o título incontestável de seu padrinho, Jaques Wagner, o verdadeiro campeão de homicídios, o governador dos 37 mil baianos assassinados”, afirma o presidente da coligação “Unidos pela Bahia”, José Carlos Aleluia, a respeito de declaração do candidato petista à imprensa. Aleluia diz que o “mentirômetro” do PT já estourou. “Nunca houve tantos homicídios na história da Bahia como atualmente na infeliz gestão Wagner e seu pupilo agora sai com essa mentira deslavada. No meu tempo de juventude, na Caixa d’Água, havia a figura do culhudeiro que não economizava na mentira para nos divertir, mas o caso de Rui Costa e do PT é patológico”. As inverdades petistas pronunciadas à imprensa, segundo Aleluia, não se restringem à questão da segurança pública. “Eles insistem na mentira de que construíram cinco hospitais, quando encontraram três prontos. Falam que alfabetizaram milhões de baianos e o IBGE, uma instituição respeitável diz que não. Assim como, o mesmo IBGE desmente os números do Água para Todos de um governo que não construiu uma barragem sequer para aliviar o sofrimento da seca no semiárido baiano”, assevera Aleluia.

21 de agosto de 2014, 08:19

BAHIA Eliana Calmon quer mais creches na Bahia

Foto: Dilvugação

“Tem que haver mulheres no comando. As políticas públicas voltadas para as mulheres têm que ser conduzidas por quem entende a questão feminina, ou seja, a própria mulher”, defende Eliana Calmon. Como integrante de duas ONGs feministas, Eliana Calmon lembra que mais de 46% dos lares brasileiros são sustentados pela força de trabalho das mulheres. Ainda assim, o Brasil, em especial a Bahia, carece de programas eficientes de creches. ”É fundamental para o desenvolvimento profissional das mulheres que são mães. Mas, infelizmente, o que se constata é que a maior parte dessas mulheres não ganha o suficiente para pagar uma boa creche para os filhos, nem tem o auxílio fornecido dignamente pelos governos”, critica Eliana Calmon (PSB), candidata ao Senado Federal pela Bahia. E finaliza: ”Falo para e pelas mulheres mais carentes: a creche é fundamental, pois assim elas poderão trabalhar descansadas. Já para as mulheres de classe média, o que digo é que cuidem das suas vidas. Há feministas que não concordam comigo, mas, para mim, as mulheres que ganham dinheiro não apanham tão fácil. As mulheres têm que ir à luta como sempre fizeram”.

Tribuna

21 de agosto de 2014, 07:48

BAHIA Candidatos ao Senado destacam trajetória política

Foto: Montagem Política Livre

Candidatos ao Senado

No fim do ano, o senador João Durval (PDT) deixa a cadeira de senador da Bahia livre e em outubro próximo os baianos elegerão seu substituto. Donos do bloco de 10 minutos dos 50 das segundas, quartas e sextas-feiras, os cinco postulantes à sucessão do pedetista apresentaram programas brandos e sem ataques no primeiro dia de propaganda eleitoral, ontem, no rádio e na televisão. Geddel Vieria Lima (PMDB), Otto Alencar (PSD) e Eliana Calmon (PSB) foram os únicos, no espaço reservado ao Senado que fizeram menção ao nome de Eduardo Campos (PSB), como também fizeram Paulo Souto (DEM) e Rui Costa (PT) no início de seus programas. O destaque das homenagens ficou com Eliana, membro da agremiação do até então presidenciável e um dos entusiastas de sua candidatura. Otto mostrou o interior da Bahia. Foi até ao município de Ruy Barbosa, cidade natal onde viveu por 16 anos. Com cenas da infância, o programa do candidato do PSD exibiu declarações de amigos que conviveram com ele. Geddel foi no mesmo caminho: mostrou o seu perfil, a sua trajetória política e comentou sobre sua personalidade forte. Tanto Otto, como Geddel, utilizaram das figuras dos líderes que sacramentam as coligações que ambos figuram. De um lado o ex-presidente Lula (PT) que destacou a importância do governista e do outro o prefeito ACM Neto (PT), que deu as credenciais ao peemedebista para representar a Bahia em Brasília. Hamilton Assis (PSOL) e Adson Miranda (PEN) também se apresentaram ao público eleitor.

Victor Pinto, Tribuna