16 de agosto de 2019, 17:24

EXCLUSIVADireita na Câmara Municipal fica impressionada com Rui Costa

Foto: Fermanda Chagas/Arquivo

Governador foi esta semana à Câmara Municipal falar sobre o VLT

Não foi apenas o presidente da Câmara Municipal de Salvador, Geraldo Jr. (SD), que ficou extasiado com a passagem do governador Rui Costa (PT) esta semana pela Casa a fim de apresentar o projeto do VLT (Veículo Leve sobre Trilhos), que substituirá os trens do Subúrbio.

Vereadores da bancada do prefeito ACM Neto, especialmente aqueles identificados com a direita, teriam também ficado encantados com o governador, alegando que ele não se negou a responder nenhuma das perguntas.

Rui só teria ficado sem esclarecer, no entanto, sobre quantas linhas de ônibus serão substituídas com o novo e moderno equipamento que o governo quer construir na Cidade Baixa.

“Ele tem mãos de fada. Tudo em que toca dá certo”, disse visivelmente emocionado sobre Rui o presidente da Câmara após a reunião, realizada a portas fechadas, sem a presença da imprensa, no Salão Nobre da Casa.

Geraldo Jr. foi o principal articulador da ida do governador ao espaço para a conversa com os vereadores antes mesmo de o governo do Estado ter apresentado o projeto ao prefeito de Salvador.

Um dos pontos altos do encontro, na avaliação geral, foi uma resposta que o governador deu à vereadora Aladilce, do PCdoB, que cobrou do gestor o passe-livre para estudantes pobres do Subúrbio.

Alegando ser muito mais conservador do que ela, Rui usou uma frase cuja popularização é atribuída a um dos ideólogos do liberalismo, o economista Milton Friedman, para respondê-la.

– Como não existe almoço de graça, o pai de família vai pagar por aqueles que utilizarem o serviço de forma gratuita, declarou o governador. Segundo relatos, Aladilce teria ficado sem voz.

Por outro lado, a afirmação do governador teria deixado o vereador Alexandre Aleluia (DEM), um dos jovens talentos da Câmara e direitista convicto, com quem muitas vezes a própria Aladilce discute, tão impressionado que ele não dirigiu mais nenhum questionamento a Rui.

Comentários