22 de agosto de 2019, 20:21

BRASILBolsonaro rebate Macron: Desfaçatez chamar Amazônia de ‘nossa’

Foto: Dida Sampaio/Estadão

O presidente Jair Bolsonaro

Em live dedicada quase que exclusivamente à crise da gestão ambiental do governo, o presidente Jair Bolsonaro rebateu o presidente francês, Emmanuel Macron, que nesta quinta, 22, chamou a Amazônia de “nossa” em crítica às queimadas na região amazônica. “Um país agora, sem dizer o nome aqui, falou da ‘nossa Amazônia’. (O país) teve a desfaçatez de dizer ‘a nossa Amazônia’. (O país) está interessado em um dia ter um espaço aqui na região amazônica para ele”, rebateu Bolsonaro. O presidente francês fez uma convocação, pelo Twitter, para que os participantes da próxima reunião do G-7, que começa no sábado, 24, debatam o que chamou de “crise internacional” das queimadas na Amazônia. A França, sob forte influência do agronegócio local, foi o principal opositor europeu ao acordo estabelecido entre o Mercosul e a União Europeia. As informações são do BR Política, blog do Estadão.

Comentários