17 de julho de 2019, 18:32

SALVADORCom Ciro Gomes, Léo Prates admite estar “dialogando” e ser ‘construtor de pontes”

Foto: Raiane Veríssimo

Leo não esconde desejo de disputar prefeitura de Salvador em 2020

O secretário municipal de Saúde, deputado licenciado Léo Prates (DEM), voltou a protagonizar uma nova aproximação com o PDT. O democrata participou, na tarde desta quarta-feira (17), do evento com o candidato à presidência derrotado nas urnas, o ex-governador do Ceará Ciro Gomes, na Assembleia Legislativa da Bahia, onde fez uma espécie de um balanço dos seis primeiros meses do governo Jair Bolsonaro (PSL). No evento, Prates não apenas admitiu sua defesa pelo apoio ao pedetista durante a campanha eleitoral, como também voltou a afirmar estar “dialogando”.

“Apoiei Geraldo Alckmin (PSDB) no 1° turno, mas defendi apoio a Ciro Gomes e eu sinto esse momento aqui como se estivesse repondo a minha história”, enfatizou. Questionado se seria “namoro ou amizade”, o integrante do time do prefeito ACM Neto (DEM), que não esconde o desejo de se viabilizar candidato a prefeitura de Salvador em 2020, disse que ainda não entrou na seara de filiação.

“Eu não entrei nessa coisa de filiação, sou um homem de grupo político, mas volto a dizer que estou dialogando”, reiterou utilizando a frase: “Eu sou engenheiro, eu sou um construtor de pontes e onde essa ponte vai me levar só depois de atravessar que a gente vai ver”. Em junho, Prates participou de um almoço com o presidente nacional da sigla, Carlos Lupi. Ele também tem mantido contato frequentes com líderes comunistas.

Raiane Veríssimo e Fernanda Chagas

Comentários