14 de novembro de 2017, 18:45

SALVADORComissão de Transporte da CMS discute idade mínima para passe do idoso

Os vereadores que integram a Comissão de Transporte, Trânsito e Serviços Municipais da Câmara de Salvador discutiram, em reunião na tarde desta terça-feira (14), a idade mínima para idosos terem direito à gratuidade no transporte coletivo. Na capital baiana o passe livre é válido a partir dos 65 anos de idade, mas em outras cidades o benefício é concedido aos 60 anos. “Vamos fazer um levantamento nas principais capitais do país para adotarmos uma posição”, frisou o presidente do colegiado, vereador Hélio Ferreira (PCdoB). Além disso a Comissão de Transporte debateu também a questão do vale-transporte dos rodoviários. O problema, explicou Hélio Ferreira, que também preside o Sindicato dos Rodoviários, é que o sistema de integração com o metrô não reconhece o cartão da categoria, que envolve cerca de 13.800 pessoas, entre ativos e inativos. “O sistema aceita o vale-transporte de outras categorias e não reconhece o dos rodoviários, o que é um absurdo”, protestou. Participaram da reunião também os vereadores Orlando Palhinha (DEM), J. Carlos (SD), Isnard Araújo (PHS) e Sabá (PV).

Comentários