12 de setembro de 2017, 09:39

MUNDOChina deve evacuar 500 mil pessoas por conta da chegada do Tufão Talim

O governo chinês deve evacuar áreas propensas a inundações e deslizamentos, ao longo desta terça-feira (12), diante da iminente chegada do Tufão Talim, que deve tocar a terra no sudeste do país, no final desta semana, informou o jornal independente South China Morning Post. Cerca de 500 mil pessoas devem ser afetadas pela medida. O Departamento de Meteorologia da província de Fujian anunciou hoje a chegada deste fenômeno atmosférico de força e intensidade iguais ao Irma (categoria 4-5), o furacão que castiga há dias a região do Caribe e o Sudeste dos Estados Unidos, com ventos de mais de 200km/h. Liu Aiming, engenheiro-chefe do departamento, disse ao jornal que a maioria das pessoas que seria afetada pelo tufão mora em áreas propensas às inundações e deslizamentos de terra e em locais que não seriam resistentes para aguentar a passagem do Talim.

Agência Brasil

Comentários