16 de abril de 2017, 10:45

SALVADORNeto teria perdido força em chapa presidencial após delações, diz jornal

Foto: Divulgação

Prefeito ACM Neto

Especulado como um possível candidato a vice na chapa de João Doria para as eleições presidenciais em 2018, o prefeito de Salvador ACM Neto (DEM) parece ter perdido força depois das delações da Odebrecht que colocaram o democrata como um dos políticos envolvidos no recebimento de Caixa 2 na sua campanha à Prefeitura em 2012. Segundo o Estadão, em publicação na Coluna do Estadão, Neto era o favorito a formar a chapa com Doria, já que apoiadores do prefeito paulistano preferem um candidato do Nordeste para formar a candidatura do presidenciável. Ainda de acordo com a publicação, com a provável desistência de convite a Neto, um nome do PSB agora seria o favorito.

Comentários