11 de janeiro de 2017, 20:44

SALVADORAleluia quer explicações sobre cessão de Parque de Exposições ao MST

Foto: Divulgação

O líder do DEM na Câmara Municipal de Salvador, Alexandre Aleluia, afirmou, nesta quarta-feira (11), que vai protocolar uma representação junto ao Ministério Público para que seja averiguado em que condições o Parque de Exposições, na Paralela, foi cedido para a realização do 29º Encontro Estadual do MST na Bahia, com presença do ex-presidente Lula. Também serão encaminhados ofícios ao Tribunal de Contas do Estado (TCE) e à Procuradoria Geral do Estado (PGE).”Foi noticiado que esta cessão do espaço ocorreu de forma gratuita para um evento com claros fins políticos. O Parque de Exposições é mantido pela Secretaria Estadual da Agricultura e precisamos saber o que levou a esta prática que fere o princípio da impessoalidade na administração da coisa pública”, disse o vereador Alexandre Aleluia, líder do DEM na Câmara. A representação também busca averiguar se houve desvio de finalidade na cessão do espaço para o evento do MST.”Nesse evento, o líder do MST, João Stédile, convocou o movimento para invadir prefeituras como forma de barrar a reforma da previdência. Não é certo que o contribuinte pague por isso”, opinou o vereador de Salvador.

Comentários