7 de maio de 2008, 08:42

Rodoviários prometem passeata por aumento a partir das 15h

Os rodoviários, que já paralisaram hoje algumas empresas de ônibus municipais e intermunicipais em protesto contra a recusa dos patrões em lhes conceder aumento, prometem uma passeata às 15hs, com saída da Sete Portas em direção ao Iguatemi. A cidade pode se preparar para o caos à tarde.

7 de maio de 2008, 08:38

Ex-prefeito de Cansanção é condenado pelo TCU

O Tribunal de Contas da União (TCU) condenou o ex-prefeito de Cansanção, José Zito Góes de Sena, por não ter prestado contas dos recursos repassados ao município pelo Ministério do Desenvolvimento Social para o Programa de Erradicação do Trabalho Infantil (PETI). O ex-prefeito terá que ressarcir aos cofres públicos o montante de R$1.134.758,96. Além disto, ele foi multado em R$ 50 mil pelo Tribunal. 

7 de maio de 2008, 08:31

Manchetes do dia

- A Tarde:  CPI encontra mais de 500 pedófilos no Orkut

- Correio da Bahia:  75% das fugas na Bahia ocorrem em fins de semana

- JB: Tribunal libera o trânsito de caminhões

- Folha: Absolvido fazendeiro do caso Dorothy

- Estadão: Paulinho da Força vai ser investigado pela Câmara

- Globo: Júri absolve condenado por morte de missionária

- Gazeta Mercantil: Óleo pode ir a US$ 200, prevê Goldman Sachs

- Correio: Servidor: acabou a era dos grandes aumentos

- Valor: Filial do BNDES no exterior apoiará política industrial

- Estado de Minas: Dengue já custa R$ 29 mi em MG

6 de maio de 2008, 17:40

EXCLUSIVO: Torcida por Pelegrino cresce em setores do PMDB, onde já se fala na hipótese de ele receber apoio do partido num eventual segundo turno

walter-pinheiro.jpgO deputado federal Nelson Pelegrino ganhou uma inesperada torcida em favor da escolha de seu nome como pré-candidato do PT a prefeito de Salvador. Sem organização, os membros do grupo não têm influência nenhuma em seu partido e deixam claro que se movimentam mais por ressentimento a seu principal adversário do que por amor a Pelegrino.

O time é formado por peemedebistas que não perdoam o fato de o PT ter prometido até o fim que apoiaria a reeleição de João Henrique (PMDB), mas, na última hora, ter decidido lançar candidato próprio. Mesmo não vendo em Pelegrino “nada de excepcional”, seu conceito cresce entre eles na mesma medida que o de outro eminente político petista, Walter Pinheiro (foto), cai.

Fácil explicar: maior concorrente de Pelegrino na disputa pela candidatura no PT, Pinheiro é apoiado pelo grupo petista que os peemedebistas encaram como traidores da aliança com o PMDB, no qual pontuam o presidente estadual da legenda, Jonas Paulo, e sua maior representante municipal, a vereadora Vânia Galvão.

O nível de irritação com Pinheiro é tão grande em determinados setores do PMDB que, a muito custo, a pedido deste Política Livre, quando aceitam avaliar um eventual cenário de segundo turno sem a presença do prefeito João Henrique, eles dizem abertamente que preferem apoiar como alternativa o nome de Pelegrino ao de Pinheiro.

“Num quadro destes, embora ache que não tem quem tire João Henrique do segundo turno, seria melhor apoiar Pelegrino do que Pinheiro, que é uma figura que a história recente de Salvador mostrou que não tem palavra”, reage o vereador Batista Neves (PMDB), referindo-se a informações de que Pinheiro sempre fez o discurso de que não seria candidato no PT.

6 de maio de 2008, 17:38

EXCLUSIVO: Promessa de apoio a prefeito colocou Pinheiro em desgraça com peemedebistas

O deputado federal Walter Pinheiro, pré-candidato do PT com o apoio da cúpula petista, caiu em desgraça entre as bases peemedebistas ao admitir que avaliava a possibilidade de sair candidato em Salvador contra o prefeito João Henrique.

“Como (Pinheiro) falava o tempo todo que não seria candidato e agora resolveu assumir a candidatura, está todo mundo achando que ele fazia jogo de cena para ser depois ungido candidato do PT”, diz um vereador muito próximo do prefeito.

Ele lembra que Pinheiro foi um dos artífices da chamada repactuação do PT com a Prefeitura, no momento em que Nelson Pelegrino resolveu romper com a administração. Em troca, o deputado federal emplacou no governo Gilmar Santiago e Carlos Trindade.

“Apesar de todo mundo dizer que Carlos Trindade era de Pelegrino, quem o colocou na Saúde foi Walter Pinheiro, que ainda indicou Santiago para secretário de Governo. Ora, todo mundo sabe que Santiago é homem da estrita confiança de Pinheiro”, diz a mesma fonte.

Segundo o mesmo vereador, ao contrário de Pinheiro, Pelegrino deixou claro desde o princípio que não tinha mais acordo com a Prefeitura, motivo porque não existiria razão para que, eventualmente, ele não tenha apoio num segundo turno.

“Pelegrino não carrega o ranço de traidor com que Pinheiro passou a ser tratado pelas bases peemedebistas. Por este motivo, uma composição com ele seria muito mais razoável do que com Pinheiro”, afirmou o vereador ligado a João Henrique.

6 de maio de 2008, 16:32

Cotrim pega no pé de Geddel na Câmara Municipal

Desde ontem, na Câmara Municipal, o vereador Celso Cotrim (PSB) pega no pé do ministro da Integração Nacional, Geddel Vieira Lima. Em discurso hoje, ele creditou os investimentos do PAC na Bahia diretamente à ministra da Casa Civil, Dilma Roussef. Para a área do turismo, o vereador afirma que os investimentos partem do empenho da deputada federal Lídice da Mata (PSB) e para os esportes, do ministro Orlando Silva. Já o ministro da Integração Nacional, não tem autoridade alguma para falar de investimentos do PAC do Cacau na Bahia, diz Cotrim, arrancando apoio de outros oposicionistas na Câmara. O vereador Antonio Lima (DEM) completou a fala de Cotrim com a seguinte frase: “E as verbas que chegam para Salvador, como a de R$1,5 milhão que o Ministério do Turismo enviou para reformar o Mercado Modelo, não foi usada porque a Prefeitura não apresentou um projeto”. Cotrim, todo mundo sabe, é figura ligadíssima à pré-candidata do PSB à Prefeitura, Lídice da Mata.

6 de maio de 2008, 16:04

Lídice prestigia lançamento de São João baiano em São Paulo

lidice-da-mata.jpgA deputada federal Lídice da Mata (PSB) participa hoje, em São Paulo, do lançamento do São João da Bahia como produto turístico, evento promovido pela secretária estadual de Turismo (Setur) e a Bahiatursa,  que contará com as presenças do governador da Bahia, Jaques Wagner, da ministra do Turismo, Marta Suplicy, do presidente da Embratur, Jeanine Pires, do secretário Domingos Leonelli, da presidente da Bahiatursa, Emília Silva, além de deputados e prefeitos baianos. Será uma grande festa no armazém da Vila, na Vila Olímpia, para cerca de 1.500 agentes de viagem, operadores de turismo, dirigentes do setor hoteleiro e de companhias aéreas, jornalistas e todo o trade turístico.

6 de maio de 2008, 15:01

Kátia Carmelo sem apoio entre governistas

Apesar da secretária de Planejamento Kátia Carmelo ainda continuar na administração municipal, o boato ontem sobre sua exoneração repercutiu na Câmara de Vereadores e deixou claro que nem entre os governistas seu nome está em alta cotação. O peemedebista Silvoney Sales, um dos desafetos de Carmelo, evitou opinar sobre o que motivaria seu desligamento. “O PMDB tem sido muito sábio nas modificações, trazendo uma maior eficiência à administração”, limitou-se a dizer. À época da votação do PDDU, as emendas de Silvoney relativas ao Caminho das Árvores foram barradas supostamente por ordem da secretária, principal articuladora da aprovação do Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano na Câmara. Já o líder governista Sandoval Guimarães (PMDB), ao ser questionado sobre o papel de Carmelo à frente da secretaria de Planejamento, recordou-se apenas da atuação no PDDU: “Se trata de uma pessoa competente, que conduziu com muita firmeza o processo do Plano Diretor de Desenvolvimento Urbano”.

6 de maio de 2008, 12:23

Líder comunitário vai à Câmara e chama Ariane Carla de “oportunista”

O líder comunitário do bairro Profilurb, Francisco de Assis Vanderlei, decidiu ir à Câmara de Vereadores na tarde de ontem para denunciar o que considera “uma apropriação eleitoreira” das obras da Prefeitura no bairro pela vereadora Ariane Carla (PTB). Segundo Francisco, em informativo da vereadora, é dito que a pavimentação de vias do bairro só aconteceram por intermédio de Ariane. O líder comunitário garante, no entanto, que a comunidade luta pela obra há muitos anos e que o pleito havia sido incluído no orçamento participativo elaborado em 2006, mas que só começou a ser executado este ano. “Sempre oportunistas de plantão entram na comunidade para dizer que a obra é de fulano ou sicrano, mas não vamos aceitar isso de jeito nenhum. Mentira eu não aceito, pois ela só veio aparecer depois que já tínhamos a confirmação de que a obra, pela qual lutamos muito, seria realizada”, afirmou Francisco. Ele desafia a vereadora a provar “sua força” na Prefeitura, conseguindo obras para a contenção de uma encosta e a construção de um posto de saúde no bairro.

6 de maio de 2008, 11:48

Sem consenso, PT realizará debate entre pré-candidatos no dia 12

A presidente municipal do PT, vereadora Vânia Galvão, informa que, se não houver consenso na escolha do nome petista, no próximo dia 12 haverá um debate entre os pré-candidatos à Prefeitura de Salvador. “Se o consenso não sair (o governador Jaques Wagner se reúne hoje com os quatro postulantes), será realizado o debate para que os membros do partido possam conhecer as propostas e o perfil dos candidatos”, justifica Vânia.

6 de maio de 2008, 11:35

EXCLUSIVO: Wagner vai tentar consenso em reunião com os quatro pré-candidatos petistas

O governador Jaques Wagner deve se reunir hoje às 19 horas, na Governadoria, com os quatro pré-candidatos petistas à Prefeitura de Salvador – Nelson Pelegrino, Walter Pinheiro, J. Carlos e Luis Alberto – numa última tentativa de resolver o impasse em torno da escolha do nome do PT à sucessão municipal.

Profundo conhecedor da complexa dinâmica interna do PT, Wagner tem sido mais cauteloso do que alguns de seus colaboradores próximos na condução do debate a cerca da escolha, apontando como ponto de partida para uma solução consensual a renúncia conjunta de todas as pré-candidaturas.

Apesar dos sinais de fadiga, entretanto, que já começam a emitir figuras como Luis Alberto e, segundo se comenta em certos círculos petistas, J. Carlos, além do distanciamento tático que assumiu em relação à decisão Walter Pinheiro, no QG de Nelson Pelegrino o clima é de ânimo absoluto com a possibilidade de ele levar a escolha.

Agora há pouco, apoiadores do pré-candidato petista ligaram para o blog a fim de informar que os simpatizantes de seu nome não abrem mão de que o critério para a escolha ocorra em prévias, um instrumento consolidado pela tradição interna da democracia petista. Portanto, o impasse persiste em torno da alternativa.

6 de maio de 2008, 10:44

A tristeza de Palhinha e o calvário de Kátia Carmelo

katia-carmelo.jpgO vereador Palhinha (PSB) é um dos mais agastados com a notícia de que a secretária municipal de Planejamento, Kátia Carmelo, pode cair a qualquer momento, segundo comentários correntes na Câmara Municipal. Palhinha foi o autor de homenagem recente feita pela Casa à secretária, apesar das recomendações expressas do Thomé de Souza para que Carmelo evitasse se expor, depois da aprovação do polêmico PDDU, de que foi uma das articuladoras destacadas, e da igualmente polêmica demolição de um terreiro na Boca do Rio, executada pela Sucom, cuja superintendência ela acumulava e da qual saiu em seguida, como uma espécie de repreensão pública dada pelo prefeito João Henrique (PMDB). A festiva comemoração do aniversário da secretária, numa casa de chá frequentada pelo high society baiano, há poucos dias, também teria sido motivo de novo descontentamento no Thomé de Souza com Carmelo, que passou a acumular um número recorde de desafetos na Prefeitura. São apenas alguns elementos trazidos por este blog que apontam para a cada vez mais trepidante colocação de Carmelo na Secretaria.

6 de maio de 2008, 09:37

Auditores fiscais do Trabalho acabam greve

Os auditores fiscais do Trabalho (AFTs) decidiram suspender a paralisação nacional a partir de hoje. O Sindicato Nacional dos Auditores Fiscais do Trabalho (SINAIT) considerou o resultado das votações das plenárias estaduais, que indicou a opção pela suspensão temporária do movimento, que durou 47 dias. De acordo com Wellington Maciel Paulo, presidente do Sindicato dos Auditores Fiscais do Trabalho do Estado da Bahia (SAFITEBA), a mobilização da categoria será mantida e, caso não hajam avanços com o governo federal, a greve será retomada com a mesma força. Ele destacou ainda que, apesar da campanha conjunta, a greve dos Auditores da Receita Federal do Brasil (AFRFBs) continua.

6 de maio de 2008, 08:58

Câmara Municipal discute temas sugeridos por segmentos sociais

Temas como “Lei do Silêncio”, “ProUni”, “Reggae”, “Luta Antimanicomial”, “Dia da África” e o “Exercito Brasileiro” serão debatidos em sessões especiais este mês de maio, no plenário Cosme de Farias, na Câmara Municipal. São sessões que os vereadores promovem em paralelo com as sessões ordinárias e as regimentais. “São temas de interesse da população e que muitas vezes são sugeridos por segmentos sociais e acatados pelos vereadores”, explica o presidente do Legislativo Municipal, vereador Valdenor Cardoso (PTC). As sessões especiais começam amanhã, no plenário Cosme de Farias, às 9 horas, com um debate em torno da Lei do Silêncio, numa iniciativa do vereador Valdenor Cardoso. Na próxima sexta-feira, às 9 horas, a sessão especial vai discutir o ProUni, tema proposto pela vereadora Olívia Santana (PCdoB). No mesmo dia, uma outra sessão, às 14 horas, vai lembrar o Dia do Reggae, também proposta pelo vereador Valdenor Cardoso.

6 de maio de 2008, 08:47

Procurador vê “inconstitucionalidades” sanáveis em projeto da CGE

arthur-maia.jpgA Comissão de Finanças da Assembléia Legislativa, presidida pelo deputado Arthur Maia (PMDB-foto), prossegue hoje com uma  série de debates sobre o projeto de lei 16.942/2007, que propõe a criação da Controladoria Geral do Estado. O primeiro debatedor foi o procurador geral de Justiça adjunto para Assuntos Jurídicos do Ministério Público, Carlos Frederico Brito dos Santos. Em sua exposição, na semana passada, ele elogiou o projeto, disse que contém algumas inconstitucionalidades que podem ser perfeitamente sanadas com a retirada alguns artigos e alterações em outros. “É importante que a administração investigue seus próprios gastos”, justificou. Para Carlos Frederico, os municípios também deveriam ter suas próprias controladorias.Segundo o deputado Arthur Maia o debate de hoje,às 11 horas, com a auditora-geral do Estado, Miriam Guerreiro, será importante para  acrescentar mais elementos à discussão. No dia 13 de maio, será a vez do ex-governador da Bahia e ex-controlador-geral da União, Waldir Pires. Convites serão enviados ao procurador Geral do Estado, Rui Moraes, e representantes dos Tribunais de Contas do Município e Estado, União dos Municípios da Bahia e Ordem dos Advogados do Brasil para que também opinem sobre o projeto.