15 de novembro de 2008, 08:22

Secretaria anuncia realização do I Salão Baiano de Turismo

A realização do 1º Salão Baiano de Turismo em 2009 foi o principal destaque do estande da Secretaria de Turismo (Setur) no 1º Encontro dos Prefeitos Eleitos e Reeleitos da Bahia, que aconteceu na quinta e sexta-feira, no Hotel Pestana de Salvador. No encontro, os novos prefeitos e primeiras-damas puderam conferir as estratégias do turismo para o Estado que estão sendo desenvolvidas no Programa de Interiorização do Turismo e no Programa de Regionalização do Ministério do Turismo.

15 de novembro de 2008, 08:16

Rui Costa concorda com Geraldo Simões sobre problemas na comunicação

Por Thiago Ferreira 

Em entrevista ontem ao Política Livre, durante o encontro de prefeitos eleitos com o governo, o secretário estadual das Relações Institucionais, Rui Costa, afirmou concordar com a opinião do deputado Geraldo Simões sobre os problemas na comunicação do governo. “Eu acho que nós precisamos, na minha opinião, dar mais visibilidade. A população precisa saber do volume de coisas que estamos fazendo. Qualquer comparação que você faça, em qualquer área, todos os nossos indicadores são muito superiores, muito superiores aos governos passados. De alguma forma, eu acho que é preciso aperfeiçoar a comunicação para que a população fique sabendo. As coisas ainda não estão às mil maravilhas, mas têm melhorado substancialmente”, afirmou.

Ainda segundo Costa, o evento de ontem à tarde cumpriu um papel mais institucional que publicitário sobre as ações do governo estadual. “O papel daqui era, até porque é uma comunicação para um público restrito, primeiro de acolhimento, segundo, de apresentar aos prefeitos e prefeitas as áreas de possíveis convênios, interface. Nós temos uma convicção, além de afirmar uma nova cultura política, de que num município bem administrado, num município que aproveite todas as potencialidades de articulação com o governo do Estado e governo federal, a qualidade de vida do povo desta cidade irá melhorar. Os programas sociais, estaduais e federais serão melhor geridos”, concluiu.

15 de novembro de 2008, 08:09

Vice nega tensão de PMDB com PT e elogia Wagner: “Fui humilhado quando era prefeito”

Em entrevista exclusiva ao Política Livre agora há pouco no evento no Hotel Pestana que reuniu os prefeitos eleitos e o governo estadual, o vice-governador Edmundo Pereira (PMDB) negou que haja alguma tensão entre o seu partido e o PT. Segundo Pereira, o que houve foi “uma campanha acirrada em Salvador”, mas agora está tudo “tranquilo”. “Tenho conversado muito com o ministro (Geddel Vieira Lima), com o governador e não há esta tensão. Há muita especulação em relação a este assunto”, afirmou o vice-governador, que assume a governadoria enquanto o governador Jaques Wagner está na Suécia, até a semana que vem.

Pereira reiterou ainda o compromisso que os partidos que ajudaram a eleger Wagner devem ter com o governo. “O PMDB, o PC do B, o PSB, o PT elegeram este governo. Nós temos compromisso com este governo. Não vejo nenhum problema”, disse. Em seu discurso, o vice-governador lembrou da época em que foi prefeito e criticou as gestões passadas. “Eu que fui prefeito por três vezes, e sempre fui prefeito de oposição, nunca tive o tratamento que os senhores estão tendo agora com o governo Jaques Wagner. (…) Eu era humilhado por secretário, não era recebido. Não era recebido pelo governador. (…) Estou muito orgulhoso de fazer parte do governo Jaques Wagner na qualidade de vice-governador”, concluiu encerrando o evento.

15 de novembro de 2008, 07:48

Manchetes do dia

- A Tarde: Exportações baianas têm queda de 10,8%

- Correio da Bahia: PIB da Bahia cresce abaixo da média

- Tribuna da Bahia: Estado oferece serviços inétidos a prefeitos

- Folha: Zona do euro já está em recessão

- Estadão: G20 estuda criar grupo para vigiar grandes bancos

- JB: Economia européia cai e preocupa o Brasil

- Correio: Vem aí a taxa ambiental do Detran

- Valor: FMI alerta para o “efeito bumerangue” na crise

- Gazeta Mercantil: Crise faz crescer 20% as disputas contratuais

14 de novembro de 2008, 18:29

Wagner vai à Suécia e vice encerra encontro com prefeitos no Pestana

Por conta da viagem que fez hoje à tarde à Suécia, onde pretende garantir a continuidade de investimentos de celulose na Veracel e tratar, segundo disse, de outros investimentos para a Bahia, o governador Jaques Wagner (PT) transferiu ao vice, Edmundo Pereira (PMDB), a tarefa de encerrar agora há pouco o encontro do governo baiano com os prefeitos eleitos e reeleitos, que aconteceu durante todo o dia no Hotel Pestana. O governo computou a presença de pelo menos 368 dos 417 gestores municipais baianos no encontro.

14 de novembro de 2008, 18:25

Wagner: “Quanto mais batem (em meus auxiliares) mais eles ficam firmes”

O governador Jaques Wagner (PT) voltou a dizer hoje que não frita nem demite auxiliares pelos jornais ou por causa dos jornais, durante discurso na posse do secretário de Agricultura Roberto Muniz (PP). “Quanto mais batem, mais eles (os auxiliares) ficam firmes, porque prego lealdade e exigo lealdade”, disse Wagner, dizendo que se sentia duplamente emocionado pela saída de um auxiliar e a chegada de um novo colaborador ao governo.

Ele lembrou que ao decidir convocar Simões para a secretaria comunicou aos produtores de cacau da região Sul que o fazia não só pela competência do petista, mas como resposta às acusações levianas de adversários de que ele fora o responsável pela propagação da vassoura de bruxa. Contou que fez questão de chamá-lo em casa para comunicar a importância política de atrair o PP para a base de apoio ao pedir-lhe o cargo.

O governador também destacou a postura adotada pelo secretário desde o anúncio de sua saída até a transmissão do cargo a Roberto Muniz, declarando, na direção de Simões, que quem está na política por um projeto sabe que os cargos vão e voltam. O PP também foi alvo de elogios de Wagner, que lembrou do alto nível com que os deputados do partido se comportaram desde o início das negociações. ”Me sinto grato por tudo que Geraldo fez no governo”, disse.

14 de novembro de 2008, 17:31

Leur Jr. ironiza críticas de Geraldo Simões ao PMDB

O deputado estadual Leur Jr. (PMDB) classificou hoje como “choro de derrotado” a defesa que o ex-secretário estadual de Agricultura, Geraldo Simões, fez de um rompimento do governo com o partido por considerar a legenda pouco reconhecida ao espaço concedido pelo governador Jaques Wagner.

“Geraldo perdeu a eleição em Itabuna e a secretaria de Agricultura e está abalado. Já a relação do PMDB com o governo quem tem legitimidade para tratar é o governador e o ministro Geddel”, disse o peemedebista, que prestigiou hoje, na Governadoria, a posse de Roberto Muniz na secretaria de Agricultura.

14 de novembro de 2008, 17:12

Geraldo Simões defende articulação política do governo e volta a criticar PMDB ao transmitir cargo a Roberto Muniz

O secretário estadual de Agricultura, Geraldo Simões, criticou indiretamente o PMDB e defendeu hoje a articulação política do governo, durante a solenidade de transmissão do cargo ao deputado Roberto Muniz (PP), na Governadoria. Depois de fazer um relato sobre os feitos na secretaria e, inclusive, lembrar que, pela primeira vez, em anos, a área de Agricultura ganhou o status de prioridade, através do governo Wagner, Simões disse que se sentia tentado a falar por ter retomado a função de deputado federal.

“Vejo críticas à área política do governo e vejo o esforço que o senhor e o secretário Rui (Costa, de Relações Institucionais) têm feito. No governo passado, não tinha área política. O senhor compartilha poder, compartilha o governo”, disse Simões, que antes agradeceu a Wagner a oportunidade de ter sido secretário. Ainda advertiu que, em 98, um partido que hoje “tensiona” a relação com o governo ajudou na eleição do então governador César Borges e não ocupou nenhum cargo no governo.

Referia-se ao PMDB, que apoiou o então pefelista, mas recebeu como oferta a secretaria de Justiça, que não aceitou indicar. O secretário disse ainda que Wagner tinha seu voto para a Presidência da República, mas, na hipótese de ficar na Bahia, terá seu apoio para a reeleição. O deputado disse ainda que dá um banho de competência em todas as áreas, a exemplo de educação, saúde e na agricultura.

14 de novembro de 2008, 17:03

Exportações baianas até outubro superam o ano de 2007, diz Promo

As exportações baianas somaram US$ 729,8 milhões no mês de outubro, com redução de 10,8% em relação ao mês anterior. Mas em comparação com outubro do ano passado houve expansão de 6,7%. Já as importações tiveram um mês com forte elevação, atingindo US$ 717,3 milhões, o que supera em 90,2% igual mês de 2007 e 30% o volume de setembro último. Os dados foram divulgados hoje pelo Promo-Centro Internacional de Negócios da Bahia, vinculado à Secretaria da Indústria, Comércio e Mineração. De acordo com dados do Promo, no acumulado do ano as exportações baianas alcançaram US$ 7,6 bilhões (28,6% acima de igual período do ano anterior) já, inclusive, superando as vendas de todo o ano de 2007, que foram de US$ 7,4 bilhões, enquanto que as importações chegam a US$ 5,7 bilhões, com um aumento de 37,7%. Com isso, o saldo comercial do Estado foi de US$ 1,9 bilhão, 7% acima do mesmo período de 2007.

14 de novembro de 2008, 15:59

Roberto Muniz diz a Wagner que ele terá um colaborador “sincero e leal”

O deputado estadual Roberto Muniz (PP) fez hoje um discurso considerado de alto nível durante a posse no cargo de secretário de Agricultura, em solenidade na Governadoria, no qual apresentou um panorama da situação do setor no Estado e do desempenho da pasta até agora, dirigiu elogios à postura do governador Jaques Wagner e, com humildade, pediu apoio do seu antecessor, Geraldo Simões.

“Posso assegurar que o senhor terá um colaborador sincero e leal, como manda o meu caráter e a minha consciência”, disse Muniz, dirigindo-se a Wagner, a quem se referiu como um homem de diálogo - característica que atribuiu aos políticos modernos – e também elogiou pelo alto nível com que trata questões de Estado “acima, inclusive, das disputas e questões locais”.

O novo secretário também lembrou que o PP sempre teve uma postura respeitosa na Assembléia Legislativa com relação ao governo e observou que já era o momento de reeditar na Bahia a coalizão que classificou de bem-sucedida celebrada pela legenda com o governo Lula.

14 de novembro de 2008, 15:37

Aleluia cobra de Lula posição sobre a crise internacional

O deputado federal José Carlos Aleluia (DEM) disse hoje que o presidente Luiz Inácio Lula da Silva precisa parar de transferir a terceiros a responsabilidade pela solução da crise. Aleluia lembrou que o petista “já recorreu a Bush, a Obama e ao Papa”.
 
“Se Lula não fizer o mínimo que se exige de um governante o Brasil pagará caro pela desídia do apedeuta. A indústria registra desaquecimento, o comércio idem e o desemprego cresce a cada dia. Mas Lula vive viajando. Aliás, o que faz Lula tanto lá fora?”, questiona Aleluia.
 
O líder democrata afirma que Lula não pode mais culpar os outros pela sua frequente omissão, como ocorreu nos episódios “do mensalão, dos dossiês, de Lulinha e de tantos outros escândalos”. “Já se sabe que o mundo jamais será o mesmo depois dessa crise”, declarou o democrata.

Segundo ele, lamentavelmente, Lula, ao contrário de outros chefes de Estado, preocupados com uma saída para os seus países, “foge do Brasil, expondo a incompetência habitual e a irresponsabilidade que caracteriza a sua gestão”.

14 de novembro de 2008, 11:36

Itanagra: Justiça indefere pedido de registro de prefeito e vice

O Juiz Eleitoral Ademar Ferreira Souza negou os pedidos de registros dos candidatos eleitos a prefeito, Percidio Ribeiro dos Santos (DEM), e a vice Carivaldo da Silva Passos (DEM), do município de Itanagra. O pedido de anulação foi requerido pelo candidato do PSB, Valdir Jesus de Souza, que não ganhou a eleição por 45 pontos de diferença, e pode assumir na hipótese de a Justiça confirmar o indeferimento do registro do adversário. Percidio é vice-prefeito de Itanagra, e se candidatou com a renúncia da ex-mulher do atual prefeito, Dânia Maria da Silva. O problema é que a candidata desistiu de disputar o cargo, no dia 03/10 e no dia 04/10, um dia antes da eleição, encaminhou por fax o comunicado da renúncia. Ainda no dia 03/10, Percídio fez sua inscrição e a do vice, ilegalmente, pois no dia 04/10, Dânia ainda era candidata, portanto não poderiam ter feito a inscrição de outro postulante.

14 de novembro de 2008, 11:34

SET disponibiliza na internet formulário de solicitação para eventos em via pública

A Superintendência de Engenharia de Tráfego (SET), visando facilitar o trabalho dos produtores ou organizadores de eventos, disponibiliza, a partir de agora, o formulário de solicitação para eventos em via pública, em seu site (www.set.salvador.ba.gov.br). Preenchido o formulário, os interessados deverão se dirigir à Rua Guedes de Brito,
01, Edifício Ranulfo Oliveira, Térreo, Praça da Sé, no setor de protocolo da SET, no horário de 8 às 18 horas, no prazo mínimo de 15 (quinze) dias antes do evento, para obter a autorização.

14 de novembro de 2008, 10:58

Conquista: Equipe da ANAC faz inspeção em Aeroporto na semana que vem

Após nova reunião no Ministério da Defesa, em Brasília, na última terça-feira, com o brigadeiro Jorge Godinho, Secretário de Aviação Civil, encarregado da coordenação e supervisão do Setor de Aviação Civil, o secretário estadual de Infra-estrutura, Batista Neves, informou que uma equipe da ANAC fará no início da semana que vem uma inspeção no Aeroporto de Vitória da Conquista para avaliar o projeto de ampliação da pista. Se a ANAC aprovar, poderá ser assinado convênio com o governo da Bahia até o final deste mês viabilizando a liberação dos recursos. Esse foi o resultado da nova rodada de negociações entre o governo da Bahia, a ANAC, e o Ministério da Defesa para a discussão dos projetos de reformas nos aeroportos baianos. A reunião estava marcada desde o início do mês quando a secretária da Casa Civil, Eva Maria Chiavon, e Batista Neves fizeram um apelo ao Comandante da Aeronáutica, Juniti Saito, para apressar os projetos de reforma dos aeroportos de Vitória da Conquista e Porto Seguro, cujos recursos estão encaminhados mais os projetos enfrentam resistências para obter a aprovação da ANAC.

14 de novembro de 2008, 10:53

Itabuna: Justiça ouve acusado de comprar votos para prefeito eleito

A Justiça Eleitoral de Itabuna ouviu ontem Julier Marcos Bispo dos Santos, acusado de ter comprado votos para o vereador reeleito Milton Gramacho (PRTB) e o prefeito eleito José Nilton Azevedo (DEM), o Capitão Azevedo. Julier inocentou Azevedo, mas testemunhas declararam à polícia que venderam voto ao prefeito. O filho de Julier também afirmou que o pai comprava votos para os dois políticos. O acusado acabou confessando que no dia da eleição fez boca de urna para o vereador Gramacho. Ele foi preso com o material de campanha do vereador e do prefeito eleitos. A polícia também encontrou em seu poder R$ 2.138 separados em notas de R$ 2 e R$ 50, além de relação com locais de votação e lista de eleitores.