18 de fevereiro de 2012, 08:59

BRASIL Ministérios duelam por megaeventos

Há uma disputa entre os ministérios da Justiça e da Defesa para saber quem coordenará a segurança dos grandes eventos previstos para o país nos próximos anos. Até agora, o vencedor é o Ministério da Defesa. Às Forças Armadas foi concedido o direito de coordenar a Rio+20, encontro de chefes de Estado que acontecerá em junho no Rio de Janeiro. Dos R$ 430 milhões previstos como orçamento para o evento, R$ 211 milhões serão investidos em segurança. Na prática, isso significa a compra de equipamentos e alimentação para Marinha, Exército e Aeronáutica. As reuniões para decidir quem cuidará da segurança dos grandes eventos têm sido tensas. (Folha)

18 de fevereiro de 2012, 07:56

BRASIL Oposição pede que procuradoria investigue ministro das Cidades

Foto: Agência Câmara

Aguinaldo Ribeiro, ministro das Cidades

A oposição protocolou uma representação na Procuradoria-Geral da República pedindo a abertura de inquérito contra o ministro Aguinaldo Ribeiro (Cidades) para apurar indícios de improbidade administrativa. A ação leva em conta reportagens publicadas pela Folha que mostram que o ministro é dono de emissoras de rádio na Paraíba que foram registradas em nomes de empregados, além de sua suposta sociedade com duas construtoras no Estado. A Folha também revelou que o ministro omitiu ser dono de quatro empresas em sua declaração de bens apresentada à Justiça Eleitoral em 2010, quando se elegeu deputado federal. (Folha)

18 de fevereiro de 2012, 07:17

BRASIL Apoio do PSD a Serra é ‘incondicional’, diz Kassab

Gilberto Kassab e José Serra

O prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, disse nesta primeira noite do Carnaval 2012 no sambódromo do Anhembi, na capital paulista, que é “incondicional” o apoio do PSD ao PSDB na sucessão à prefeitura de São Paulo caso o ex-governador José Serra seja candidato à disputa municipal. O prefeito de São Paulo, que é também presidente nacional do PSD, disse que uma aliança em 2012 não significa um alinhamento automático com o PSDB em 2014. “A questão é se ele vai abandonar o sonho de ser presidente”, disse. Ele afirmou ainda tem uma relação “rotineira” com o ex-governador de São Paulo, e disse que não é o momento de discutir uma eventual dobradinha entre PSDB e PSD na corrida eleitoral. “Se em algum momento ele definir sair candidato, sabe que contará comigo”, afirmou o prefeito, que compareceu nesta noite ao sambódromno do Anhembi. “Não é o momento de se discutir esta questão, o momento é de se aguardar as definições”, afirmou o prefeito. “O PSD vai se posicionar e na hora certa vai saber promover os entendimentos necessários. (Estadão)

18 de fevereiro de 2012, 07:05

BRASIL Manchetes do dia

- A Tarde: Ópera para Jorge

- Correio*: Mãe da Folia

Globo: Ficha Limpa poderá barrar mensaleiros por mais de 8 anos

Folha: Cai o tempo de espera por visto para os EUA

Estadão: PT já projeta disputa com Serra e revê estratégia

Correio: O Adeus ao advogado da democracia

Zero Hora: Desemprego de janeiro é o menor desde 2003

17 de fevereiro de 2012, 22:06

BRASIL Ex-presidente do STF Maurício Correa morre aos 77

O ex-presidente do Supremo Tribunal Federal, Maurício Corrêa, morreu no início da noite desta sexta-feira, aos 77 anos, em Brasília. Corrêa passou mal em casa, durante a tarde, e foi encaminhado ao hospital Brasília. O hospital não confirmou a causa da morte, mas pessoas próximas ao ex-ministro afirmaram que ele foi vítima de uma parada cardíaca. Ele tomou posse no Supremo em 1994 e foi presidente do tribunal entre 2003 e 2004, quando se aposentou compulsoriamente por ter alcançado os 70 anos de idade. O ministro Eros Grau o substituiu.

17 de fevereiro de 2012, 20:00

BRASIL Malafaia chama de ‘absurda’ a ação que o acusa de homofobia

O pastor Silas Malafaia, da Assembleia de Deus Vitória em Cristo, classificou de “absurda” a ação na qual o Ministério Público Federal em São Paulo que pede sua retratação por um discurso considerado homofóbico. “Em hipótese alguma vou pedir retratação, pois isso é um absurdo. Os gays manipularam a minha fala para me incriminar, e sou eu que tenho de pedir retratação? Isto deve ser uma brincadeira”, afirma o pastor, em nota. Segundo o pastor, querem “rasgar” a Constituição para beneficiar os homossexuais. “Vou às últimas consequências na Justiça.” (Folha)

17 de fevereiro de 2012, 19:48

BRASIL Em nota, Teixeira diz que volta a trabalhar após o Carnaval

Ricardo Teixeira mandou publicar uma nota no site da CBF (Confederação Brasileira de Futebol), às 19h22 de hoje, comunicando que voltará a trabalhar depois do Carnaval. Nesta sexta-feira, o presidente da entidade e também do Comitê Organizador Local da Copa-2014 viajou para Miami, nos Estados Unidos, em meio a rumores de que poderia deixar ou pedir licença do cargo à frente da entidade que comanda o futebol nacional. “O presidente Ricardo Teixeira retomará as atividades que constam da sua agenda de trabalho na CBF após o carnaval.”, diz a nota na íntegra da CBF.Em outra nota publicada no site da CBF, diz que o dirigente “bem como todos os membros de sua família, tem sua situação tributário-fiscal devidamente regularizada, nada devendo ao fisco federal, estadual e municipal, sendo certo que todos os seus bens e propriedades estão devidamente declarados perante as repartições competentes.” Leia mais na Folha.

17 de fevereiro de 2012, 19:30

BRASIL Gabrielli deixa legado de encrencas para Foster

Maria das Graças Foster, a ‘Graciosa’ que Dilma Rousseff guindou à presidência da Petrobras, herdou do antecessor José Sergio Gabrielli uma jazida de problemas. Parte da encrenca é conhecida –combina lucros declinantes e erosão no valor de mercado da companhia. Outra parte, mantida nos subterrâneos, envolve atos de contornos tóxicos.

O repórter Hudson Corrêa enfiou uma sonda na camada obscura do legado administrativo de Gabrielli. Içou à superfície um par de casos reveladores. Os dois fazem escala na Bahia. Ambos roçam as arcas do PT baiano. Por mal dos pecados, Gabrielli está na bica de assumir uma secretaria do governo petista do companheiro Jaques Wagner.

O primeiro caso prospectado pelo repórter passa pelo setor de Comunicação da estatal petroleira. Em abril de 2009, foi demitido por justa causa o personagem que geria o departamento, Geovane de Morais. Por quê? Descobriu-se que, no ano da graça (sem trocadilho) de 2008, ele gastara além do razoável. Dispunha de orçamento generoso: R$ 31 milhões. Torrara muito mais: R$ 151 milhões.

Parte da verba foi borrifada nas caixas registradoras de duas produtoras de vídeo baianas. Hummm!?! As empresas haviam prestado serviços à vitoriosa campanha de Jaques Wagner ao governo da Bahia, em 2006. Trabalharam também para duas prefeituras de municípios baianos geridos por petistas. Não é só.

Decorridos quase três anos da “demissão” de Geovani de Morais, ele ainda não foi ao olho da rua. Permanece na folha da Petrobras. Recebe o salário regularmente. Uma parte é bancada pela estatal. Outro naco vem da Previdência Social, na forma de auxílio-doença. Sim, isso mesmo, alega-se que o “demitido” está doente.

Leia mais no Blog do Josias.

Josias de Souza

17 de fevereiro de 2012, 18:30

BRASIL Grandes jornais evitam editoriais sobre votação da Lei da Ficha Limpa

Os grandes jornais do Brasil noticiaram mas praticamente não emitiram opinião sobre o resultado da votação da Lei Complementar 135/2010, a Lei da Ficha Limpa, no Supremo Tribunal Federal. Por sete votos a quatro, os ministros do STF decidiram , na quinta-feira, que a lei é constitucional, deve retroagir a fatos ocorridos antes de sua sanção e pessoas condenmladas por órgãos colegiados são inelegíveis. Mas os comentários na grande imprensa, de forma geral, foram discretos. Na edição desta sexta-feira da Folha de S. Paulo , o editorial da página 2 do jornal tratou do desfecho do julgamento de Lindemberg Alves, condenado a 98 anos de prisão pela morte de sua ex-namorada, Eloá Pimentel. Em um texto analítico vinculado à notícia do julgamento do Ficha Limpa, a Folha discute os caminhos do Supremo e da democracia participativa moderna. Leia mais no R7.

17 de fevereiro de 2012, 18:15

BRASIL Lula deixa hospital após fazer última radioterapia contra câncer

O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deixou o Hospital Sírio-Libanês, em São Paulo, por volta das 16h50 desta sexta-feira, onde estava internado desde sábado. Lula fez na manhã desta sexta-feira a 33ª sessão de radioterapia e encerrou o tratamento contra um câncer diagnosticado em outubro. (Folha)

17 de fevereiro de 2012, 18:00

BRASIL Embratel decide assumir controle indireto da Net

A Embratel informou nesta sexta-feira ter exercido sua opção de compra do controle indireto da prestadora da operadora de telefonia fixa, banda larga e TV por assinatura Net Serviços. De acordo com fato relevante enviado à CVM (Comissão de Valores Mobiliários), a Embratel notificou a Globopar (Globo Comunicação e Participações) sobre exercício de compra de 5,5% do capital votante da GB Empreendimentos e Participações, controladora da Net. Essa fatia corresponde a 1.077.520 ações ordinárias da GB, que possui 51% do capital votante da Net. “Uma vez formalizada a transferência das ações objeto da opção, a Embrapar, juntamente com sua controlada… Embratel, passará a deter o controle direto da GB e, portanto, o controle indireto da Net”, segundo fato relevante. A Embratel é controlada pela mexicana América Móvil, do bilionário Carlos Slim, através da Telmex. A companhia mexicana controla também operadora móvel Claro. (Folha)

17 de fevereiro de 2012, 17:30

BRASIL EBX negocia fábrica de telas da Foxconn em MG

O grupo EBX, do empresário brasileiro Eike Batista, está negociando com outros grupos brasileiros a instalação de uma fábrica de telas de cristal líquido da taiuanesa Foxconn para televisores e computadores tablet em Minas Gerais. As negociações acontecem depois que o governo autorizou no início do ano a redução do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) incidente sobre tablets da Foxconn, que produz equipamentos da Apple, entre eles o iPad, na Ásia. O ministro da Educação, Aloizio Mercadante -à época na pasta da Ciência e Tecnologia-, afirmou em outubro que a Foxconn teria duas fábricas de telas no Brasil e que já tinha parceiros nacionais.(Reuters)

17 de fevereiro de 2012, 17:09

BRASIL Pão de Açúcar espera Cade para concluir sinergia com Casas Bahia

A conclusão da captura de sinergias decorrente da união de Ponto Frio e Casas Bahia às operações do Pão de Açúcar ainda está condicionada à aprovação do processo de fusão por parte do Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), algo sem previsão para acontecer. “Boa parte das sinergias já foi capturada, vai ficar para 2012 um ajuste mais fino”, disse nesta sexta-feira o presidente da Via Varejo (ex-Globex), Raphael Klein, em teleconferência sobre os resultados do grupo em 2011. “Há melhorias ainda… teríamos condições para capturar mais sinergias em 2011, mas ficou condicionado ao Cade”. O Pão de Açúcar firmou acordo de fusão com a Casas Bahia no final de 2009, mesmo ano em que adquiriu os ativos do Ponto Frio. A parceria com a empresa comandada pela família Klein, entretanto, só foi ratificada em novembro de 2010. Ambas operações ainda não passaram pelo crivo do Cade, que não tem uma previsão para analisar o negócio. A próxima reunião do órgão de defesa da concorrência no país acontece em 14 de março, ainda sem uma pauta definida. (Reuters)

17 de fevereiro de 2012, 17:00

BRASIL Vazamento inunda gabinetes no Ministério da Fazenda

Um cano quebrado durante obra no Ministério da Fazenda alagou parte de três andares do prédio na manhã desta sexta-feira. Foram atingidos gabinetes da Receita Federal, incluindo o do secretário Carlos Alberto Barreto, e escritórios da Procuradoria da Fazenda Nacional, entre eles o da procuradora-geral Adriana Queiroz Carvalho. Foram danificados computadores, livros e documentos, principalmente na PGFN. Segundo a Receita, não foi atingido nenhum documento importante. A energia nos andares afetados foi cortada e os elevadores privativos desligados por precaução, enquanto a empresa responsável pela obra faz uma checagem de novos vazamentos e panes elétricas. (Folha)

17 de fevereiro de 2012, 16:45

BRASIL TSE usa hackers para proteger urnas eletrônicas

O Tribunal Superior Eleitoral começa no próximo dia 6 de março os procedimentos de defesa e proteção do sistema das urnas eletrônicas para o pleito municipal deste ano. O TSE irá fornecer códigos com informações de segurança das urnas para hackers e especialistas em computação a fim de que eles prepararem ataques e descubram possíveis falhas no sistema eletrônico. A ideia é oferecer o sistema entre os dias 20 e 22 para esses hackers tentarem invadir as urnas. De acordo com a Corte eleitoral, até hoje o sistema nunca foi violado. (Poder On-line/Ig)