11 de novembro de 2017, 10:43

BAHIA “O ideal seria o nome de Geraldo Alckmin”, diz Gualberto sobre eleição tucana

Foto: Política Livre

O deputado federal João Gualberto (PSDB)

Ainda sobre o imbróglio envolvendo o PSDB Nacional, o deputado federal João Gualberto (PSDB), durante a convenção baiana da legenda, manteve alinhado o discurso de não alimentar a briga interna e trabalhar pela unidade tucana, assim como acontece no reduto local. “Aqui estamos unidos, o Imbassahy que vocês colocam como dissidente está na chapa, com o mesmo espaço. O Fernando Henrique está certo, acho que seria bom a união. Estamos encontrando dificuldade, pois o pois o ideal seria o nome de Geral Alckmin, como foi nas outras eleições quando o Serra foi presidente e o Aécio também, mas ele se reusa aceitar. Agora vamos para disputa”, comentou Gualberto ao Política Livre. O deputado também rechaçou qualquer possibilidade do entrave nacional influenciar na composição da chapa de uma possível candidatura do prefeito ACM Neto (DEM) ao Palácio de Ondina. “Não vejo como. É uma coisa interna do PSDB e não tem como influenciar na composição da chapa”, disse o deputado.

11 de novembro de 2017, 10:12

BAHIA Jutahy prega unidade do PSDB e defende apoio a Neto em 2018

Foto: Política Livre

O deputado federal Jutahy Magalhães Jr. (PSDB) (dir.)

Durante a Convenção Estadual do PSDB baiano, que acontece na manhã deste sábado (11) na sede da Abase (Associação Bahiana de Supermercados), o deputado federal Jutahy Magalhães Jr. (PSDB) afirmou que não acredita que a briga nacional do PSDB possa influenciar na composição da chapa de uma possível candidatura de ACM Neto (DEM) ao governo baiano. “Aqui na Bahia nós estamos unificados, nosso processo político está definido, nós temos um projeto do PSDB defender que ACM Neto seja o nosso candidato a governador e digo com a maior tranquilidade que nós temos dentro do PSDB uma maioria bastante expressiva para que eu seja candidato ao Senado”, disse o deputado em entrevista ao Política Livre. Sobre o cenário nacional, onde os tucanos passam por uma crise interna após o senador Aécio Neves (MG) destituir o senador Tasso Jereissati (CE) da presidência interina do partido, Jutahy prega unidade. “Foi uma questão traumática, indiscutível, mas nós precisamos olhar para o futuro. O Alberto Goldman é o novo presidente interino e ele é a melhor escolha que pudesse acontecer. Ele é uma pessoa independente, tem capacidade de articulação, conhece o partido e tem um mês para fazer uma tarefa muito importante que é unificar o PSDB”, pontuou o tucano.

 

11 de novembro de 2017, 09:21

BAHIA Morre na Alemanha o cientista político baiano Moniz Bandeira

Foto: Divulgação

Luiz Alberto Moniz Bandeira

Morreu ontem (10), em Heidelberg, na Alemanha, o historiador, cientista político e escritor Luiz Alberto Moniz Bandeira. A causa da morte ainda não foi divulgada, mas o escritor, que tinha 81 anos e era oriundo da capital baiana sofria de problemas cardíacos e estava internado desde o último domingo (5). Doutor em ciência política pela USP e professor titular aposentado de política exterior do Brasil no departamento de história da UnB (Universidade de Brasília), Moniz foi o Autor de “Formação do Império Americano”, “A Segunda Guerra Fria” e “A desordem mundial”, entre outros livros sobre Política. As informações sobre o velório e enterro não foram divulgadas.

10 de novembro de 2017, 21:26

BAHIA MPF denuncia dez pessoas por fraudes em licitação em Ibirapitanga

Foto: Divulgação

Segundo as investigações, a organização criminosa contava com auxílio da deputada estadual Ângela Souza

O Ministério Público Federal (MPF) em Ilhéus (BA) denunciou, nesta sexta-feira (10), dez pessoas pelo desvio de R$ 801.788,20 por fraude em processo licitatório no município de Ibirapitanga – a 348 km de Salvador. A denúncia foi originada a partir das investigações da Operação Águia de Haia e está relacionada ao pregão realizado em 2011 para contratação de serviços educacionais voltado a implantação e utilização de tecnologias de informação. Foi apurado que o denunciado Kells Belarmino Mendes liderava uma organização criminosa composta pelos denunciados Marconi Edson Baya, Fernanda Cristina Marcondes Camargo, Rodrigo Seabra Bartelega Souza e Maycon Gonçalves Oliveira dos Santos, que fraudou licitações e desviou recursos públicos, por meio de pagamentos exorbitantes por serviços não eram prestados. A organização criminosa agia em diversos municípios e negociava com as prefeituras um “pacote fechado”. Esse pacote viabilizava as fraudes e incluía as minutas e modelos das peças dos procedimentos licitatórios, montados para permitir que as empresas da organização criminosa fossem as únicas interessadas e, ao final, somente elas fossem as vencedoras. Segundo as investigações, em Ibirapitanga (BA), a organização criminosa, com auxílio da deputada estadual Ângela Souza (PSD), cooptou o então prefeito de Ibirapitanga, Antônio Conceição Almeida, por meio de promessa de pagamento de propina. Após o acerto com o então prefeito Antônio Almeida, os membros da organização criminosa Marconi Edson Baya, Fernanda Cristina Marcondes Camargo, Rodrigo Seabra Bartelega Souza e Maycon Gonçalves Oliveira dos Santos forneceram os modelos e orientaram os servidores da Prefeitura de Ibirapitanga, incluindo a então secretária de educação Jailma dos Santos Marambaia e o presidente da comissão de licitação Antônio Souza Pacheco, a fraudarem a licitação Pregão nº 042/2011. Após vencer a licitação fraudada, a empresa Ktech recebeu, entre fevereiro e agosto de 2012, cinco pagamentos que somaram R$ 1.005.125,00. Porém, as investigações mostraram que o objeto licitado sequer tinha condições de ser executado na prática, pois os serviços dependiam de uma infraestrutura preexistente para que pudessem ser implantados nas escolas municipais, como computadores e acesso à internet de qualidade mínima. “Ocorre que, a grande maioria das escolas do citado município, não dispunham dos requisitos necessários para o funcionamento do serviço”, afirmou o procurador. A inexecução do serviço gerou um prejuízo de R$ 801.788,20, sendo que o ex-prefeito, com sua participação em cada parcela, recebeu R$ 300.000,00 em seu favor. Em depoimento de colaboração premiada – no curso de processos resultantes da Operação –, Kells Mendes informou que o contrato com a Prefeitura de Ibirapitanga foi intermediado pela deputada estadual Ângela Maria Correa de Souza e, inclusive, a reunião com o então prefeito Antônio Almeida foi realizada no gabinete da parlamentar. Na ocasião, ficou definido que a cada pagamento da prefeitura à empresa vencedora da licitação, Almeida receberia R$ 60.000,00 e Ângela Souza, 5% do valor de cada fatura. O MPF requer a condenação de todos os denunciados por fraude a licitação (art. 90 da Lei nº 8.666/90); de Jailma dos Santos Marambaia, Marconi Edson Baya, Fernanda Cristina Marcondes Camargo, Rodrigo Seabra Bartelega Souza e Maycon Gonçalves Oliveira dos Santos, Antônio Conceição Almeida, Eliane Souza Nascimento e Kells Belarmino Mendes por desvio de recursos públicos (art. 1º, I, do Decreto-Lei nº 201/67); e, ainda, dos três últimos por lavagem de dinheiro (art. 1º da Lei nº 9.613/98). Por força do foro de prerrogativa de função, a deputada estadual Ângela Maria Correa de Souza, seus assessores e Mendes respondem frente ao TRF1 pelo crime de lavagem de dinheiro, a partir de denúncia oferecida pela Procuradoria Regional da República da 1º Região.

10 de novembro de 2017, 20:55

BAHIA Profissionais contratados pelo programa Primeiro Emprego participam de qualificação

Foto: Mateus Pereira/GOVBA

Curso de aperfeiçoamento profissional para trabalhadores do programa Primeiro Emprego

Mais um reforço para a qualificação profissional na Bahia. Trabalhadores que foram contratados através do programa primeiro emprego com a Secretaria de Saúde do Estado participam do o curso de aperfeiçoamento profissional realizado pela Fundação Estatal Saúde Da Família (FESP). A aula inaugural aconteceu no auditório do Hospital Geral Roberto Santos (HGRS) com presença de representantes da Casa Civil e das secretarias de Saúde (Sesab), de Educação (Sec), de Trabalho, Emprego Renda e Esporte (Setre) e outros órgãos estaduais. De acordo com a coordenadora do programa Primeiro Emprego na Fesp, Carla Pedra Branca, a proposta do curso é aperfeiçoar o processo de trabalho dos técnicos que já estão contratados. “Esses profissionais estão vivendo a primeira experiência profissional e queremos qualificar o trabalho que eles desempenham e ajudar no desenvolvimento de suas habilidades técnicas. Durante o curso eles também vão propor melhorias através de relatórios o que certamente vai contribuir para melhorar cada vez mais a qualidade do serviço público”. O curso será realizado à distância, através da plataforma moodle disponível no link http://ava2.fesfsus.ba.gov.br/login/index.php. A duração total é de 300 horas, distribuídos em 19 meses, realizados durante os 24 meses do contrato de trabalho do trabalhador/educando. Os módulos oferecidos serão ‘Estratégias de Aprendizagem através das Tecnologias da Comunicação e Informação TCI’s’; ‘Introdução ao mundo do trabalho’; ‘Políticas Públicas de Saúde’ e ‘Curso Específico por área técnica’.

10 de novembro de 2017, 20:33

BAHIA Policiais civis aprovam ‘ocupação’ na Assembleia Legislativa

Escrivães,investigadores,delegados, peritos técnicos,criminais, e médicos odonto aprovaram ” ocupar” a Assembleia Legislativa da Bahia( AlBA), na próxima segunda(13) e terça-feira (14), com o objetivo de pressionar os deputados estaduais a incluir Emendas ao Projeto-Lei 22.549/2017 que altera a estrutura remuneratória dos policiais civis e militares. A categoria reivindica a inclusão da Aposentadoria com Integralidade de acordo com a Lei Complementar 51/1985, pagamento da GAP 5 para os policiais novos,GAPJ e GAJ, aumento do auxílio-alimentação e adicional de periculosidade. A Assembleia que ocorreu nesta sexta-feira(10), no Teatro do ( ISBA), em Ondina, deliberou também que os policiais civis vão participar do Cortejo da Lavagem do Senhor do Bonfim e pretendem organizar protestos em todas as agendas do Governador Rui Costa. A categoria reafirmou que não irá aderir à escala do carnaval, caso o a gestão Estadual não faça a correção dos valores pagos pelas diárias, horas extras e o plantão do carnaval de 2018.O Presidente do SINDPOC, Marcos Maurício, destacou que os policiais civis irão dar continuidade às mobilizações e intensificar as manifestações de rua em Salvador e no interior baiano. ” As entidades ratificaram o foco da luta pela reestruturação remuneratória a qual segue critérios técnicos, jurídicos,constitucionais e profissionais baseados na atividade de investigação criminal e de polícia judiciária”, pontuou o dirigente sindical. ” A Assembleia foi extremamente importante porque nós fortalecemos a categoria para fazermos as manifestações de rua e pressionarmos o Governador a valorizar os profissionais que são responsáveis pela Segurança Pública da Bahia”, frisou o Vice-Presidente do SINDPOC, Eustacio Lopes.

10 de novembro de 2017, 19:38

BAHIA Representantes do Governo de Alagoas conhecem projetos da Saeb

Foto: Ascom/Saeb

Comitiva do Governo de Alagoas em visita à Saeb

Conhecer projetos e ações da Secretaria da Administração do Estado (Saeb), com o intuito de replicar no Governo de Alagoas. Esse foi o objetivo principal da visita de uma delegação do Governo de Alagoas à Saeb nesta sexta-feira (10). Eles conheceram alguns projetos como o Sistema Eletrônico de Informações (SEI), o Cruzamento da Base de Dados da Corregedoria Geral, além do Recadastramento de Servidores e a auditoria em folha de ativos e inativos. Em reunião com o secretário da Administração, Edelvino Góes, o secretário do Planejamento de Alagoas, Fabrício Santos, destacou que a visita à Bahia vai acarretar em ganhos à administração pública em sua terra natal. “Essa missão vai trazer resultados e desdobramentos no sentido de modernizar o Estado de Alagoas. Nós viemos aqui beber direto da fonte porque a Bahia é uma referência nacional em avanços e inovação na administração pública”, ressaltou. No primeiro dia, os visitantes conheceram os benefícios da implantação do SEI, cujo objetivo principal é extinguir a utilização do papel como suporte físico para processos administrativos no Estado. A implantação do SEI Bahia, inicialmente na Saeb, já contempla cerca de 700 processos. Gradativamente, o sistema será implantado em todo o executivo baiano, trazendo mais agilidade, transparência e redução de custos para a máquina pública. Os alagoanos foram apresentados também ao trabalho de cruzamento da base de dados do Estado da Bahia com outros entes federativos. O corregedor geral, Luís Henrique Brandão, falou sobre o Audit Command Language (ACL), software utilizado na intersecção dos dados, e relatou as metodologias utilizadas nas Operações Multivínculos, Estados, Licença Médica, Dedicação Exclusiva e Invalidez, bem como os resultados e suas consequências para os servidores flagrados. Os trabalhos se encerraram com uma apresentação sobre o recadastramento de servidores e a auditoria em folha dos ativos e inativos.

10 de novembro de 2017, 18:32

BAHIA Rui diz que ALBA deve definir limites entre Salvador e Lauro de Freitas

Foto: Manu Dias/GOVBA

Governador Rui Costa visita obras do viaduto de Lauro de Freitas

Durante visita às obras do novo viaduto de Lauro de Freitas, nesta sexta-feira (10), o governador Rui Costa (PT) afirmou que a Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA) deve resolver o impasse sobre a divisão territorial entre Salvador e Lauro de Freitas. O petista ainda salientou que esse problema tem que ser resolvido o mais rápido possível, “até porque não está sobrando dinheiro nem para Salvador nem para Lauro de Freitas”.

10 de novembro de 2017, 17:53

BAHIA Cacá Leão é chamado de ‘golpista’ em evento com Rui em Itaberaba

Foto: Reprodução/Youtube

Funcionários dos Correios de Itaberaba protestam contra o deputado federal Cacá Leão (PP)

Durante evento com o governador Rui Costa (PP) na cidade de Itaberaba, o deputado federal Cacá Leão (PP) enfrentou protesto dos funcionários dos Correios insatisfeitos com o Governo Temer, no qual o parlamentar é aliado. O deputado foi recebido na cidade da Chapada Diamantina com gritos de “Cacá Leão golpista”.

10 de novembro de 2017, 17:28

BAHIA Rui anuncia liberação do novo viaduto de Lauro de Freitas

O novo viaduto de Lauro de Freitas, na Região Metropolitana de Salvador (RMS), será entregue no início da tarde deste domingo (12). O anúncio foi feito pelo governador Rui Costa nesta sexta-feira (10), durante visita às obras do elevado, que começaram há sete meses, envolvendo cerca de 850 trabalhadores. Elas são complementares às obras do Sistema Metroviário de Salvador e Lauro de Freitas. “Estamos em fase final de toda a obra. Aqui é uma etapa importante, porque muda a pista de acesso a Lauro de Freitas, que passa a ser pelo viaduto. As obras da estação do metrô em si estão concluídas, faltando apenas as obras complementares de acesso à estação, para que a gente possa colocar o metrô já em fase de teste. O trem deve circular operacionalmente no mês de março”, afirmou Rui. O novo sistema viário vai desafogar o trânsito e garantir a fluidez na região da Estação Aeroporto do metrô. A obra inclui o alargamento da Avenida Carybé, a ponte sobre o Rio Ipitanga e o viaduto sobre a via permanente do metrô. “Com o fim dessa obra, a gente vai consolidar o projeto não de um metrô da capital, mas da região metropolitana”, acrescentou Rui. Nesta primeira etapa, a pista que segue no sentido Litoral Norte passará a utilizar o novo sistema viário. A pista no sentido Salvador ocupará a atual pista que segue no sentido Litoral Norte, ou seja, terá o sentido invertido. Com isto, a pista que hoje segue em direção a Salvador ficará liberada para dar lugar ao novo Terminal de Ônibus Aeroporto.”Com a conclusão desse trecho, os motoristas que saem de Salvador em direção a Lauro de Freitas passam a usar essa via em elevado, esses viadutos por cima do rio e da futura via do metrô”, explicou o presidente da Companhia de Transportes da Bahia (CTB), Eduardo Copello. A prefeita de Lauro de Freitas, Moema Gramacho, também participou a visita ao lado dos secretários estaduais de Infraestrutura, Marcus Cavalcanti, Desenvolvimento Urbano, Jusmari Oliveira, e da Casa Civil, Bruno Dauster.

10 de novembro de 2017, 16:33

BAHIA Hospital da Costa do Cacau vai beneficiar 1,6 milhão de moradores da região sul do estado

Com perspectiva de atender a um público de 1,6 milhão de pessoas, o Hospital da Costa do Cacau será inaugurado no dia 15 de dezembro em Ilhéus. A unidade faz parte de um série de obras de saúde que serão inauguradas nos meses de novembro e dezembro pelo Governo do Estado. Serão entregues quatro policlínicas em Teixeira de Freitas, Guanambi, Irecê e Jequié, além do Hospital da Chapada, instalado em Seabra. O Hospital do Cacau que é resultado de um investimento superior a R$ 114 milhões será referência para 67 municípios do sul do estado. Do total aplicado, aproximadamente R$ 87,8 milhões foram destinadas às obras físicas e cerca de R$ 26,5 milhões, para a compra dos equipamentos. “Nesta primeira etapa, a unidade terá 184 leitos, sendo 30 de Terapia Intensiva Adulto (UTI). Como diferenciais, o hospital oferta serviços de cirurgia cardíaca, cateterismo, neurocirurgia, bem como ortopedia de alta complexidade”, explica o secretário, ao destacar ainda que a unidade de saúde conta com um parque de bioimagem completo, incluindo ressonância magnética e tomógrafo. Na segunda etapa, mais 120 leitos serão entregues.

10 de novembro de 2017, 15:32

BAHIA Rui inaugura módulo do Departamento de Polícia Técnica em Itaberaba

A elaboração de provas periciais e a consequente resolução de crimes cometidos em Itaberaba e municípios próximos devem ficar mais ágeis a partir desta sexta-feira (10). Na data, o governador Rui Costa inaugurou um módulo do Departamento de Polícia Técnica (DPT) na cidade da Chapada Diamantina, e ainda fez outras entregas que beneficiam a segurança pública, infraestrutura e agricultura familiar da região. O módulo do DPT de Itaberaba é de médio porte e ocupa uma área com cerca de 1.500 metros quadrados. No local, que contou com recursos superiores a R$ 1,33 milhão, serão realizadas atividades de planejamento, coordenação e controle, bem como serviços do campo da polícia técnico-científica, tais como perícias, exames, pesquisas e estudos. Na nova estrutura completa, irão trabalhar seis peritos criminais, cinco médicos legistas, um perito odontolegal e cinco peritos técnicos. O DPT também ganhou uma nova viatura que vai auxiliar na realização dos trabalhos. “Essas ações visam dar melhores condições de trabalho aos nossos peritos e policiais e os bons resultados já estão aparecendo. Estou muito feliz de saber que a corporação conseguiu reduzir em 10,8% a criminalidade na região, um índice bastante representativo. Ainda não é o ideal, mas nada supera o trabalho e, ano após ano, iremos mudar essa realidade”, comentou o governador. Além do módulo da Polícia Técnica, Rui inaugurou as obras de requalificação das sedes da Companhia Independente de Policiamento Tático (CIPT/Rondesp) e do Comando de Policiamento da Região da Chapada (CPR), que cobrem 55 municípios das adjacências e estão localizadas na Avenida Ruy Barbosa. Foram realizadas, com recursos de R$ 100 mil, intervenções como reforma nos banheiros, troca de cerâmicas danificadas, revisão de esquadria, revisão da parte elétrica, troca de algumas portas, reforma no alojamento de praças, pintura, plotagem da fachada, dentre outros.

10 de novembro de 2017, 13:32

BAHIA Comitê de Temer doou, em 2014, à campanha de delegado cotado a 02 da PF

Foto: Beto Barata/PR

O presidente Michel Temer (PMDB)

O presidente Michel Temer (PMDB), por meio de seu comitê eleitoral, doou, em 2014, R$ 11,6 mil à candidatura de seu então colega de partido Sandro Avelar à Câmara dos Deputados. Os dados são do Tribunal Superior Eleitoral (TSE). Avelar, que é delegado da Polícia Federal, está cotado pelo novo diretor-geral, Fernando Segóvia, para o cargo de diretor executivo da corporação. O Direx é número 2 na hierarquia da PF. O ‘01’, Fernando Segóvia, foi indicado por Michel Temer na quarta-feira, 8, e já discute a composição de sua diretoria. O número 2 da PF é quase uma extensão do número 1. Ele substitui o diretor-geral em reuniões quando o número 1 não participa. A campanha de Sandro Avelar a deputado federal recebeu um total de R$ 460.091,83 em doações. Na lista, além do presidente da República, estão o PMDB do Distrito Federal, construtoras, empresa de combustível. O partido foi responsável por R$ 236 mil da campanha. Sandro Avelar se desfiliou após a disputa em que recebeu 21.888 votos e não se elegeu. Atualmente na presidência da Federação Nacional dos Delegados de Polícia Federal, Avelar foi secretário de Segurança do Distrito Federal na gestão de Tadeu Filippelli (PMDB), alvo da Lava Jato e ex-assessor do presidente Michel Temer. O delegado ficou no cargo de secretário entre 20011 e 2014, quando saiu para concorrer à vaga na Câmara. Uma das principais diretorias, a de Combate ao Crime Organizado, tem como principal nome cotado o delegado Eugênio Ricas, que foi o número 2 de Segóvia na Superintendência da PF no Maranhão, entre 2008 e 2011. Atualmente, Ricas ocupa o cargo de secretário estadual de Controle de Transparência do Espírito Santo. A Diretoria de Combate ao Crime Organizado é a responsável pelas delegacias que tocam as operações de combate a corrupção em todo Brasil. Caso seja nomeado, Ricas terá de escolher o novo coordenador de combate à corrupção da PF. O cargo foi criado recentemente por Leandro Daiello, antecessor de Segóvia, e tem como função centralizar as investigações de combate a crimes financeiros e corrupção. A reportagem fez contato com a Presidência da República. O espaço está aberto para manifestação.

Estadão

10 de novembro de 2017, 13:05

BAHIA Acidente de trânsito vira doença de notificação obrigatória na Bahia

Foto: GovBa

A Bahia é o primeiro estado do Brasil a incluir os acidentes de trânsito na lista de doenças de notificação compulsória (obrigatória), para interesse de saúde pública. A portaria, assinada pelo secretário estadual da Saúde, Fábio Vilas-Boas, foi publicada nesta sexta-feira (10), no Diário Oficial do Estado, e busca aperfeiçoar as estatísticas do setor e avançar no mapeamento das localidades e zonas de maior incidência. Graças aos registros do sistema de informações hospitalares do Sistema Único de Saúde (SUS) é possível estimar, com considerável precisão, o número de mortos por acidentes de trânsito e, mais especificamente, de motocicletas. No entanto, de acordo com o secretário, as vítimas não fatais são de difícil mensuração. “Com esse decreto, teremos números mais precisos, pois a notificação compulsória é obrigatória para os profissionais de saúde e responsáveis pelos serviços públicos e privados de saúde. Sabemos que a subnotificação é gigantesca, mas se aceitarmos os números oficiais de feridos internados, teremos aproximadamente, para cada morto, cerca de 20 a 25 motociclistas sobreviventes no Brasil”, explica Vilas-Boas. O secretário ressalta ainda que hoje não é possível identificar os casos de acidentes de trânsito que dão entrada nos hospitais, pois são registrados como politraumatismo, traumatismo craniano ou fraturas de membros, e não como acidentes de trânsito. Apenas na Bahia, entre os anos de 2000 e 2017, foram registradas 34.534 mortes em acidentes de trânsito, o equivalente à população de cidades baianas como Cachoeira ou Riachão do Jacuípe. Deste total, 6.695 pessoas estavam dirigindo motos, enquanto 12.080 eram ocupantes de carros. Se o número de mortos surpreende, o de acidentados é de assustar. Apenas nos seis primeiros meses de 2015, o Hospital Geral do Estado (HGE), na capital, bem como o Hospital Geral Clériston Andrade (HGCA), em Feira de Santana, Hospital Geral de Camaçari (HGC) e o Hospital Geral de Guanambi (HGC) registraram 3.571 acidentes envolvendo motociclistas, o que dá uma média de quase 20 entradas na emergência por dia. O presidente da Associação Brasileira de Medicina de Tráfego – seção Bahia (Abramet-Ba), Antonio Meira Júnior, explica que não haverá dificuldade na implementação do decreto nas unidades de saúde, visto que o Código Internacional de Doenças (CID) já permitia isso, apesar da pouca utilização. “No preenchimento dos documentos médicos, o CID: V23.4 especifica, por exemplo, motociclista traumatizado em colisão com um automóvel (carro), pickup ou caminhonete, mas, às vezes, o registro era feito com outro código”, pontua.

10 de novembro de 2017, 12:15

BAHIA Valmir repudia ato de intolerância religiosa contra Yalorixá em Simões Filho

Foto: Jonas Santos

Valmir Assunção

A Yalorixá baiana Jaciara Ribeiro, do Axé Abassá de Ogum, foi alvo de intolerância religiosa durante ato de celebração do aniversário de 56 anos de emancipação política do município de Simões Filho, região metropolitana de Salvador. No último dia 7 de novembro, Jaciara esteve na cidade para acompanhar a entrega de um título de cidadã para a senhora Maria Bernadete Pacífico, mãe do trabalhador quilombola ‘Binho’, assassinado em setembro deste ano, e representante das religiões de matriz africana. Durante as homenagens, Jaciara questionou a entrega de bíblias para os novos cidadãos simões-filhense e foi vaiada, constrangida e agredida. Em repúdio ao ato, o deputado federal Valmir Assunção (PT-BA) criticou a postura da Câmara de Vereadores, onde o caso aconteceu, e da prefeitura local, que não prezou pelo Estado Laico. “É lamentável como tratam os povos de matriz africana deste estado. Me surpreendi com a quantidade de textos intolerantes contra a intervenção de ‘Mãe Jaciara’ em Simões Filho essa semana. Sem falar que foi agredida por seguranças. Ela apenas questionou que a bíblia não seria o presente ideal em um momento como aquele. De fato, o Estado é laico e a entrega de bíblias foi configurada como uma tentativa de negar outras religiões. Defendemos a liberdade de expressão religiosa”, frisa Valmir. O deputado defendeu Jaciara e cobrou apuração, já que intolerância religiosa viola os direitos humanos fundamentais, conforme artigo quinto da Constituição Federal. De acordo com a Yalorixá Jaciara, a situação foi “constrangedora” e expõe a intolerância, inclusive de vereadores, que “olhavam com raiva”. “Não deu tempo de terminar a fala, os cristãos começaram a vaiar e falar palavras de ódio. Tive que sair pelos fundos onde estava acontecendo o evento e, por diversas vezes, nesse trajeto fui empurrada com cotoveladas, proferidas pelos seguranças que lá estavam”, relata Jaciara.