Frase do dia

Se eu tivesse que escolher hoje, eu não iria (para as Olimpíadas).

HOPE SOLO, GOLEIRA DA EQUIPE FEMININA DE FUTEBOL DOS ESTADOS UNIDOS comentar

10 de fevereiro de 2016, 11:35

BAHIA Barbosa se diz orgulhoso pela aprovação da Segurança Pública

Foto: André Reis / Política Livre

Secretário Maurício Barbosa

Comentando a pesquisa NA FONTE/Política Livre divulgada na manhã desta segunda-feira (10), o secretário de Segurança Público do Estado, Maurício Barbosa exaltou a Polícia Militar e o Corpo de Bombeiros pelos resultados deste Carnaval 2016. “Em várias pesquisas tivemos quase 90% de aprovação, entre ótimo ou bom, o que é motivo de muito orgulho para a gente. O Carnaval deste ano foi muito exprimido, o mês de janeiro foi muito curto. Tivemos o Réveillon, a Lavagem de Bonfim e a Lavagem do Rio Vermelho, todos eventos pré-carnavalescos, que se somamos tudo tivemos um ano de muita paz”, disse Barbosa. O titular da pasta ainda credenciou os números positivos ao planejamento que o Governo do Estado teve para a festa momesca. “Acho que foi o planejamento que fizemos. A Polícia Militar está de parabéns, foi um trabalho digno de elogios, o Corpo de Bombeiros também. Então, isso mostra uma maturidade no planejamento. Inovamos com os portais, o que foi um desafio para a gente. Amadurecemos durante o carnaval e aprendemos com o passar do dia”, frisou. Neste Carnaval de 2016 foram investidos R$ 42 milhões pelo Governo do Estado em Segurança Pública.

Flávio Sande e André Reis

10 de fevereiro de 2016, 11:07

BAHIA Carnaval sem cordas lidera exibições na TV, segundo Navii

Foto: Flávio Sande / Política Livre

Ivete foi uma das atrações sem cordas em 2016

Pelo oitavo ano consecutivo, a Navii elabora o ranking de veiculação em TV do Carnaval de Salvador. Este ano, foram mais de 380 horas de imagens da folia registradas pela empresa de gestão de informação, ​em seis dias da festa​.​ Em ano de eleições municipais, o prefeito ACM Neto (DEM), organizador oficial da festa, apareceu 54 vezes nas principais emissoras durante 9 horas e 40 minutos de imagens. Já o governador Rui Costa (PT) apareceu 24 vezes em 3 horas e 59 minutos, segundo o levantamento da Navii. A marca Governo do Estado foi exibida durante 4h46 minutos. E mais uma vez Ivete Sangalo é a artista que lidera o Carnaval de Salvador em aparições e tempo de exibição nas emissoras de TV. Foram 23h30 de imagens da artista no ar, em 205 exibições, até a noite de terça-feira​. Em segundo lugar, Bell Marques com 23h24 minutos e 134 veiculações. Carlinhos Brown foi o terceiro em tempo de exposição, com 22h39 e 54 veiculações. Em número de aparições, Saulo Fernandes foi bem servido, com 124 exibições e tempo de 8 horas e 28 minutos no ar. O “Carnaval sem cordas” superou todos os artistas em exibições, 309 vezes, com tempo de 17 horas e 27 minutos.

10 de fevereiro de 2016, 10:57

BAHIA Governo do Estado divulga balanço do Carnaval 2016

Foto: André Reis / Política Livre

Coletiva à imprensa foi realizada nesta quarta-feira de cinzas

As forças de segurança estaduais deram por mais um ano a prova de que talvez seja a única polícia no mundo capaz de controlar dois milhões de foliões por dia nos três circuitos do Carnaval de Salvador – Dodô, Osmar e Batatinha -, além das festas em bairros e em cidades de grande porte do interior da Bahia. O Política Livre esteve presente na coletiva de imprensa realizada nesta quarta- feira (10), no Quartel do Comando G­eral da Polícia Militar, no Largo dos Aflitos, e conferiu os dados do Governo do Estado sobre a maior festa de rua do mundo. O esquema de segurança pública para o Carnaval deste ano registrou diminuições de 16,7% nas tentativas de homicídios (cinco em 2016 e seis em 2015), de 6,9% nas lesões corporais (176 registros neste ano contra 189 em 2015) e de 3,5% nos roubos numa comparação com a festa de 2015 (110 casos em 2016, contra 114 no ano anterior). Os dados são relativos ao período das 19h de quinta-feira (4) às 7h desta quarta (10). Os homicídios ficaram sem variação, sendo dois registros em 2016 e a mesma quantidade no ano passado. No Carnaval encerrado na manhã desta quarta-feira (10) foram computados dois casos envolvendo catadores de lata. As duas vítimas tinham passagens pela polícia e, em menos de 24 horas, a polícia identificou e prendeu os autores. O número de furtos teve aumento de 9%. A produtividade policial é outro índice que traduz o êxito do trabalho das forças de segurança do estado no Carnaval. Nos seis dias de festa foram conduzidas 3.309 pessoas (aumento de 44,7%), entre elas, algumas por uso ou tráfico de drogas. No total, foram autuados em flagrante 110 criminosos, alguns com mandados de prisão expedidos pela Justiça. A presença de cerca de 26 mil policiais e o uso da tecnologia, além da utilização de 48 portais de abordagem, garantiram mais segurança para baianos e turistas que aproveitaram a nossa festa. O Governo do Estado investiu mais de R$ 42 milhões para garantir tranquilidade aos foliões.

10 de fevereiro de 2016, 10:47

BAHIA “Grande diferencial foram os portais de abordagem”, diz Maurício Barbosa

Durante coletiva de imprensa realizada pelo Governo do Estado para divulgar o balanço oficial do Carnaval 2016, o secretário de Segurança Pública, Maurício Barbosa, informou nesta quarta-feira (10), no Quartel co Comando Geral da Polícia Militar, no Largo dos Aflitos, que houve uma redução de 6,7% nas tentativas de homicídios, 6,9% nas lesões corporais e 3,5% nos roubos em comparação aos dados do ano de 2015. “Conseguimos aprimorar tudo aquilo que prevíamos, mas o grande diferencial foi os portais de abordagem, que foi um sucesso grande”, disse o secretário. Participam da reunião, os secretários e gestores dos órgãos estaduais envolvidos na operação da festa, incluindo a cúpula da segurança pública.

André Reis e Flávio Sande

10 de fevereiro de 2016, 10:30

ECONOMIA Bolsa de Tóquio volta a fechar em queda

O principal índice da bolsa de Tóquio, o Nikkei, fechou a sessão de hoje (10) com queda de 2,31%. Inicialmente, a bolsa japonesa tinha aberto em ligeira alta, de 0,26%, mas a tendência se inverteu ao longo do dia e voltou a fechar em queda, como já havia ocorrido ontem, quando o Nikkei encerrou com desvalorização de 5,4%. A bolsa japonesa foi afetada pela queda, na véspera, das bolsas pelo mundo, influenciadas pela diminuição do preço do petróleo e pela valorização da moeda japonesa (yen), que tem forte procura diante da dúvida sobre a saúde das instituições financeiras, principalmente as europeias. Na China, o mercado financeiro permanece fechado nesta semana devido ao Ano Novo Lunar. As bolsas europeias seguem em alta nesta quarta-feira, recuperando as perdas das últimas sessões. Às 10h30 (horário de Brasília), a Eurostoxx 50, o índice que representa as principais empresas da zona do euro, registrava valorização de 2,84%. O preço do barril de petróleo Brent, que tem feito as bolsas oscilarem, abriu também em alta no mercado de futuros de Londres, a US$ 30,89, com elevação de 1,87% em comparação à sessão anterior. Os investidores estão na expectativa ainda da presença da presidenta do Banco Central norte-americano (Federal Reserve), Janet Yellen, no Senado, neste momento de dúvida sobre a tendência da economia global e a saúde do sistema financeiro. No Brasil, a negociação e o registro nos mercados terão início às 13h, informou a BM&Bovespa.

Agência Brasil

10 de fevereiro de 2016, 10:15

MUNDO Chefe da diplomacia francesa pede demissão

O ministro dos Negócios Estrangeiros francês, Laurent Fabius, anunciou hoje (10) sua demissão do governo, no final do Conselho de Ministros. Questionado pelos jornalistas sobre se se tratava da sua última participação no Conselho de Ministros, Fabius respondeu simplesmente “Sim”. Laurent Fabius, de 69 anos, foi o mais jovem primeiro-ministro francês, quando assumiu o cargo aos 37 anos, em 1984. O seu papel na supervisão das bem-sucedidas negociações da cúpula da Organização das Nações Unidas (ONU) sobre o clima, que ocorreu em dezembro em Paris, foi amplamente elogiado.

Agência Brasil

10 de fevereiro de 2016, 10:00

BAHIA Nomes petistas tradicionais se ausentam da folia

Foto: Divulgação

Senador Walter Pinheiro (PT)

O ministro da Cultura, Juca Ferreira, considerado pré-candidato a prefeito de Salvador pelo PT, não foi visto no Carnaval da capital baiana, onde outros pré-candidatos como o deputado federal Valmir Assunção e o vereador Gilmar Santiago fizeram questão de marcar território no decorrer da folia momesca. Evangélico, o senador Walter Pinheiro (PT) também não fez presença nos circuitos da festa, assim como o ministro da Casa Civil, Jaques Wagner, que não apareceu publicamente em Salvador, embora o ex-governador da Bahia tenha se dirigido à Bahia no período do Carnaval. Aliado do PT, o senador Otto Alencar, presidente do PSD no estado, também chamou a atenção pela ausência nos circuitos. Assunção defendeu que Salvador tenha uma prefeitura gerida por um negro. “Não adianta querer fugir deste debate central, nós negros e negras sabemos onde o calo aperta. Fomos nós que historicamente tivemos nossas vidas governadas de acordo com os interesses dos brancos. Foram esses interesses que nos submeteram a séculos de escravidão. Já passou da hora de tomarmos o nosso destino para nossas próprias mãos”, pregou o parlamentar. Gilmar Santiago se voltou para as críticas ao prefeito ACM Neto (DEM) por conta da exclusividade de uma cervejaria no Carnaval. Para o petista, o cidadão deveria ter a liberdade de escolher a bebida da qual gosta. Santiago ressaltou que não é contrário à venda de uma marca de cerveja nos circuitos, mas aponta para a necessidade de se impor limites nas parcerias.

Tribuna da Bahia

10 de fevereiro de 2016, 09:45

BRASIL Lava Jato revelou quadrilha na Petrobras, diz procurador

Foto: Tânia Rêgo / Agência Brasil

Custo para a Petrobrás com buraco na Petros pode chegar a R$ 1,7 bilhão

O procurador da força-tarefa da Lava Jato Antonio Carlos Welter disse, em um evento na noite desta terça-feira, 9, em Nova York, que a operação começou pequena há cerca de dois anos, mas conseguiu demonstrar que havia uma organização criminosa dentro da Petrobrás que envolvia de políticos a empreiteiros, além de executivos da companhia e doleiros. “Não se para mais de puxar o fio”, disse Welter, falando que a cada dia se descobrem mais coisas novas envolvendo a corrupção. “O caso da Petrobrás começou de uma forma bastante pequena. Havia uma investigação envolvendo cinco doleiros”, afirmou o procurador, logo no início do evento, para uma sala lotada na sede da Americas Society/Council of the Americas em Manhattan. “O fio era pequeno e quando veio, não se para mais de puxar esse fio”, ressaltou. A partir destes cinco doleiros, foi se chegando a diretores da Petrobrás, a políticos, a empreiteiros. “Conseguiu se demonstrar que havia uma organização criminosa”, disse Welter, ressaltando que ela era composta por quatro grupos: grandes empreiteiras, funcionários da Petrobras, políticos (parlamentares e membros do governo) e doleiros. “Por trás disso tudo estava a Petrobras sendo sangrada, a população brasileira sendo sangrada e também os investidores que compraram ações da Petrobrás”, afirmou. A Lava Jato completa em abril dois anos e, segundo o procurador, tem sido importante para o êxito até agora das investigações a participação de órgãos como o Banco Central, a Receita Federal, a Polícia Federal, além do apoio da opinião pública. “A Lava Jato está conseguindo agregar as forças de vários órgãos.” Questionando por um dos participantes do evento se a Lava Jato estava prejudicando as operações da Petrobrás, Welter disse que seria muito pior deixar uma empresa “endemicamente envolvida em corrupção”. Leia mais no Estadão.

Estadão

10 de fevereiro de 2016, 09:44

SALVADOR Foliões aprovam presença e atuação da polícia no Carnaval, segundo pesquisa exclusiva NAFONTE/Política Livre

Foto: Divulgação Secom

Trabalho da polícia baiana é reconhecido pela população para o sucesso da festa

Os foliões não só aprovaram a presença maciça da polícia baiana neste Carnaval como sua atuação nos setes dias de folia, segundo pesquisa exclusiva encomendada por este Política Livre ao instituto Na Fonte. Segundo o levantamento, realizado nos dias 6, 7 e 8 de fevereiro com 1035 (um mil e trinta e cinco) eleitores da cidade de Salvador nos circuitos da festa, 92,08% consideraram importante a presença da polícia para o controle da violência no Carnaval. Discordam 5,22% e não sabem ou não responderam 2,71%. O trabalho da polícia foi considerado ótimo por 40,87% e bom por 31,59% dos entrevistados. Acharam regular 17,87%, ruim 2,51% e péssimo, 1,84%. Não souberam responder ou não responderam 5,31%. Com relação à atuação e trabalho da polícia no ano passado, 71,40% acharam melhor do que na festa anterior, 15,56% consideraram igual e apenas 3,09%, pior. Não souberam ou não responderam 9,95%. Registrada na Justiça Eleitoral baiana sob a inscrição BA-01604/2016, a pesquisa tem nível de confiança de 95% e margem de erro de 3% para mais ou menos.

10 de fevereiro de 2016, 09:43

SALVADOR 84,06% aprovam Carnaval no Pelourinho e 86,09% nos bairros

Foto: Divulgação Secom

Pelourinho foi palco de atrações diversas nos sete dias da folia

A pesquisa NAFONTE/Política Livre avaliou os investimentos no Carnaval do Pelourinho, organizado pelo Governo do Estado, e nos bairros, de responsabilidade da Prefeitura de Salvador. À pergunta “Você acha que o governo do estado acertou em investir e incentivar o carnaval do Pelourinho?”, 84,06% disseram sim, apenas 7,44% não e 8,50% não responderam ou não souberam responder. À pergunta “Você acha que a Prefeitura de Salvador acertou em investir e incentivar o carnaval dos Bairros?”, 86,09% dos foliões disseram sim, 7,92% não e 5,99% não responderam ou não souberam responder. 94,30% dos entrevistados disseram achar que o Governo do Estado acertou em investir e incentivar o Carnaval do folião pipoca, 3,77% são contra e 1,93% não sabem nem responderam. Quanto à organização da festa, realizada pela Prefeitura, 27,34% consideraram ótima, 39,32% boa, 25,70% regular, 3,57% ruim, 2,90% péssima e não sabem e não responderam 1,16%. O levantamento foi realizado nos dias 6, 7 e 8 de fevereiro com 1035 (um mil e trinta e cinco) eleitores da cidade de Salvador nos circuitos do Carnaval. Registrada na Justiça Eleitoral baiana sob o número 01604/2016, a pesquisa tem nível de confiança de 95% e margem de erro de 3%, para mais ou menos.

10 de fevereiro de 2016, 09:42

SALVADOR Investimento do governo em trios sem cordas é aprovado por 75,07%

Foto: Angelo Pontes

O cantor Bell foi um dos que saiu em trio sem cordas divertindo o folião pipoca no Carnaval deste ano

A pesquisa NAFONTE/Política Livre investigou ainda a avaliação do folião sobre os investimentos do governo do Estado nos trios sem cordas, fonte de polêmica antes e durante a folia. 75,07% dos foliões aprovaram o investimento nas atrações sem corda, ao passo que 23,38% desaprovaram. Não sabem e não responderam 1,55%. 60,10% dos entrevistados acham que a Prefeitura deveria investir mais nas atrações e trios sem cordas. 37,87% acham que não. Não souberam e não responderam 2,03%. O levantamento foi realizado nos dias 6, 7 e 8 de fevereiro com 1035 (um mil e trinta e cinco) eleitores da cidade de Salvador nos circuitos do Carnaval. Registrada na Justiça Eleitoral baiana sob o número 01604/2016, a pesquisa tem nível de confiança de 95% e margem de erro de 3%, para mais ou menos.

10 de fevereiro de 2016, 09:41

SALVADOR Investimentos do governo e Prefeitura no Carnaval são aprovados

Foto: Prefeitura de Salvador

Rui e Neto durante entrega das chaves ao Rei Momo

A NAFONTE/Política Livre avaliou também os investimentos do governador Rui Costa (PT) e do prefeito ACM Neto (DEM) na festa. À pergunta “Qual a avaliação que você faz dos investimentos do governador Rui Costa e do governo do Estado no Carnaval de 2016? “, 13,14% responderam ótima, 32,17% boa, 27,34% regular, 5,02% ruim, 7,92% péssima, ao passo que 14,40% não sabem e não responderam. À pergunta “Qual a avaliação que você faz dos investimentos do Prefeito ACM Neto e da Prefeitura de Salvador no Carnaval de 2016?”, 32,27% responderam ótima, 37,29% boa, 13,62% regular, 3% ruim, 6,47% péssima. 7,34% não souberam e não responderam. O levantamento foi realizado nos dias 6, 7 e 8 de fevereiro com 1035 (um mil e trinta e cinco) eleitores da cidade de Salvador nos circuitos do Carnaval. Registrada na Justiça Eleitoral baiana sob o número 01604/2016, a pesquisa tem nível de confiança de 95% e margem de erro de 3%, para mais ou menos.

10 de fevereiro de 2016, 09:40

SALVADOR 33,33% dos foliões avaliam Carnaval 2016 como ótimo

Foto: Governo da Bahia

Circuito Barra / Ondina atraiu grande público em 2016

A pesquisa NAFONTE/Política Livre também perguntou aos foliões sua avaliação sobre o Carnaval. 33,33% consideram a festa ótima, 37,97% boa, 19,13% regular, 4,15% ruim, 2,71% péssimo e 2,71 não sabem ou não responderam. O levantamento foi realizado nos dias 6, 7 e 8 de fevereiro com 1035 (um mil e trinta e cinco) eleitores da cidade de Salvador nos circuitos do Carnaval. Registrada na Justiça Eleitoral baiana sob o número 01604/2016, a pesquisa tem nível de confiança de 95% e margem de erro de 3%, para mais ou menos.

10 de fevereiro de 2016, 09:30

SALVADOR Aleluia: “Alegria e ordem são a receita de Neto para o sucesso do Carnaval”

Foto: Fábio Rodrigues Pozzebom / Abr

Deputado federal José Carlos Aleluia

“Combinando alegria e ordem, o prefeito ACM Neto dá a receita do sucesso do Carnaval de Salvador 2016″, diz o deputado federal José Carlos Aleluia sobre a organização da folia, que repercutiu além das fronteiras brasileiras. “Por onde estive, as notícias que chegavam sempre foram positivas sobre a grande festa de nossa capital”, afirma o presidente estadual do Democratas, que viaja com a família pelo exterior. Segundo Aleluia, o prefeito ACM Neto é um folião desde garoto e tem paixão pela festa carnavalesca. “Quando se faz o que gosta, o resultado é sempre o melhor. Ninguém mais do que Neto está capacitado para realizar o Carnaval de Salvador. Sob a sua liderança, a folia está passando por um necessário e bem-sucedido processo de inovações”. O líder democrata destaca novidades como o “Furdunço” e o “Fuzuê” que deram ainda mais espontaneidade à festa, novos espaços criados como o “Terreiro do Samba”, além dos “Carnavais nos Bairros” com grandes atrações. “ACM Neto e sua equipe, da qual tive a honra de fazer parte, não estão só promovendo grandes carnavais, eles estão fazendo uma Salvador cada vez melhor para todos. Não é por outro motivo que a sua gestão é a mais bem avaliada do Brasil”.

10 de fevereiro de 2016, 09:15

MUNDO Zika: China confirma primeiro caso em homem que esteve na Venezuela

As autoridades sanitárias chinesas confirmaram o primeiro caso de infeção pelo vírus Zika no país, em um homem de 34 anos que esteve na Venezuela e regressou à China em 5 de fevereiro, informou hoje (10) a imprensa oficial. O infectado está hospitalizado e em quarentena, mas já em recuperação, segundo as autoridades. O homem, natural da província de Jiangxi, no Sudeste da China, apresentou sintomas como febre, tonturas e dores de cabeça no dia 28 de janeiro, quando ainda estava na Venezuela, e regressou à China em 5 de fevereiro, depois de ter feito escala em Hong Kong. O risco de difusão do vírus é “extremamente baixo” devido às temperaturas frias nesta época do ano na região, garantem as autoridades de Saúde chinesas.

Agência Brasil