10 de setembro de 2019, 07:31

BRASILLava Jato 65 mira Lobão e prende seu filho Márcio

A Polícia Federal deflagrou na manhã desta terça, 10, a 65ª Fase da Operação Lava Jato, chamada Galeria, para investigar crimes de corrupção e lavagem de dinheiro envolvendo a Transpetro, subsidiária da Petrobras, e a Usina Hidroelétrica de Belo Monte. Segundo a PF, Edison Lobão, ex-senador e ex-ministro de Minas e Energia (governos Lula e Dilma), e seu filho Márcio teriam recebido, entre 2008 e 2014, cerca de R$ 50 milhões em propinas.

Márcio Lobão foi alvo de um mandado de prisão preventiva cumprido nesta manhã. O filho do ex-ministro foi capturado no Rio de Janeiro. Segundo a PF, ele seria o responsável pelo ajuste de pagamentos e a coleta das propinas. Cerca de 70 Policiais Federais e 18 auditores cumprem ainda 11 mandados de busca e apreensão nas cidades de São Paulo, Rio de Janeiro e Brasília. As ordens foram expedidas pela juíza Gabriela Hardt.

Estadão

Comentários