30 de junho de 2019, 07:37

ECONOMIAPetrobras altera prazo final de apresentação de propostas para arrendamento das Fafens da Bahia e Sergipe

Foto: Divulgação/Petrobras

A Fafen-BA iniciou suas atividades em 1971, com foco na produção de fertilizantes nitrogenados

A Petrobras alterou o prazo de entrega de propostas para o arrendamento da Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados de Sergipe (Fafen-SE) e da Fábrica de Fertilizantes Nitrogenados da Bahia (Fafen-BA). As propostas, restritas às três empresas pré-qualificadas deverão ser entregues no dia 9 de agosto. O prazo anterior era até o dia 22 de junho deste ano. Segundo a companhia, vence a empresa que apresentar o maior preço para o arrendamento no período de dez anos, renováveis por mais dez. O fechamento da fábrica nos dois estados do Nordeste foi anunciado em março do ano passado. O motivo, segundo a Petrobras, foi a perda com a produção de fertilizantes. Em 2017 a estatal disse que perda chegou a R$ 600 milhões. No dia 17 de abril, segundo o G1, o juiz federal Ronivon de Aragão determinou a suspensão do processo de hibernação da Fafen-SE, dando um prazo de 30 dias para a suspensão. O pedido foi da Procuradoria Geral do Estado (PGE) e na terça-feira (16) a Justiça Federal de 1ª Instância da 5ª Região deferiu a solicitação. Já no caso da unidade Bahia, a Petrobras informou que obteve uma decisão favorável revertendo a liminar que suspendia a hibernação da fábrica. Dessa forma, a companhia seguirá com os procedimentos para a hibernação da unidade. A Fafen-BA iniciou suas atividades em 1971, com foco na produção de fertilizantes nitrogenados. Os principais produtos da fábrica são amônia, ureia, gás carbônico e Agente Redutor Líquido Automotivo (Arla 32).

Comentários