25 de junho de 2019, 11:13

EXCLUSIVACom pré-candidatura assumida e agenda intensa, Bruno Reis sai na frente para 2020

Foto: Política Livre/Arquivo

Bruno Reis é o único pré-candidato assumido à Prefeitura de Salvador em 2020

Único pré-candidato assumido até agora à Prefeitura de Salvador em 2020 e com apoio manifesto do prefeito ACM Neto (DEM), o vice-prefeito e secretário de Infraestrutura e Obras Públicas, Bruno Reis, também um democrata, sai na frente na disputa, num cenário ainda sem adversários concretos.

Com uma agenda intensa, em que se desdobra em visitas a bairros e participação em eventos da Prefeitura, Bruno, inevitavelmente, sai à frente em relação a eventuais concorrentes, principalmente aqueles que podem surgir no grupo do governador Rui Costa (PT), que sequer definiu, de fato, até agora um nome para o embate.

Conforme levantamento deste Política Livre junto à própria Prefeitura, o secretário de Infraestrutura e Obras Públicas (Seinfra) inaugurou ou autorizou o início de aproximadamente 130 intervenções na cidade, desde janeiro, quando assumiu o cargo, até o último mês de maio. Ainda, ele visitou 86 bairros nesse período.

O fato reforça a tese, também já antecipada por este site, de que o prefeito trabalha forte pela união da base em torno de um candidato do DEM para a sucessão municipal e que Bruno é, com absoluta certeza até o momento, a principal aposta para representar o partido nas urnas.

A expectativa entre os democratas é de que o esforço se expresse, principalmente, nas pesquisas de opinião que começarão a ser feitas a partir de agora, as quais devem demonstrar uma clara inserção do candidato sobretudo entre as comunidades dos bairros mais pobres da cidade, maiores eleitores de Salvador.

Na primeira consulta realizada, no princípio do ano, pela Paraná Pesquisas, o secretário de Infraestrutura destacou-se entre os nomes lembrados espontaneamente para a sucessão municipal, o que foi comemorado pelo grupo que se articula em torno de sua candidatura à Prefeitura de Salvador.

A avaliação é de que, se naquele momento, quando havia acabado de assumir um papel executivo na Prefeitura, Bruno pode aparecer bem posicionado entre nomes que já haviam sido colocados para as disputas anteriores, agora, depois de meses de trabalho intenso, seu nome esteja ainda mais visível.

Neste meio tempo, o pré-candidato também viu surgirem outros nomes com o mesmo interesse manifesto de entrar na disputa pela Prefeitura em seu grupo político, sendo o caso mais notável o do deputado estadual licenciado e secretário municipal de Combate à Pobreza, Léo Prates.

Ao contrário do titular da pasta de Infraestrutura, Prates colocou-se como uma espécie de plano B para o caso de a aposta em Bruno, por algum motivo, não ser bem sucedida, passando a procurar, inclusive, um partido alternativo ao DEM pelo qual possa eventualmente concorrer, o que incluiu até legendas de esquerda.

Confira os bairros visitados de janeiro até maio pelo pré-candidato Bruno Reis:

SÃO TOMÉ DE PARIPE, PERIPERI, 7 DE ABRIL, TANCREDO NEVES, ESTRADA DAS BARREIRAS, PERNAMBUÉS, CENTRO, CENTRO HISTÓRICO, VITÓRIA, RESGATE, ALTO DE COUTOS, DOM AVELAR, PARIPE, ILHA DE MARÉ, ITACARANHA, PLATAFORMA, LOBATO, ALTO DO CABRITO, FAZENDA COUTOS, SUSSUARANA NOVA, SUSSUARANA, CABULA, JD. SANTO INÁCIO, PAU DA LIMA, CASTELO BRANCO, ARRAIAL DO RETIRO, JARDIM NOVA ESPERANÇA, SÃO MARCOS, ITAPUÃ, SABOEIRO, ITAIGARA, SÃO CRISTOVÃO, LUIZ ANSELMO, VILA LAURA, BROTAS, LAPINHA, ENGENHO VELHO BROTAS, STIEP, FAZENDA GRANDE DO RETIRO, BOCA DO RIO, BAIRRO DA PAZ, ALTO DO COQUEIRINHO, MUSSURUNGA, SUSSUARANA, PIRAJÁ, LIBERDADE, IAPI, FEDERAÇÃO, ENGENHO VELHO DA FEDERAÇÃO, CALABAR, URUGUAI, MASSARANDUBA, CAJAZEIRAS II, CAJAZEIRAS IV, SARAMANDAIA, CAJAZEIRAS V, CAJAZEIRAS VIII, CAMPINAS DE PIRAJÁ, VILA RUI BARBOSA, PAU MIÚDO, CAIXA D´ÁGUA, JAGUARIPE, COSME DE FARIAS, PATAMARES, VISTA ALEGRE, CASSANGE, CEASA I E II, PARALELA, VALÉRIA, BOM JUÁ, SÃO CAETANO, CALABETÃO, BAIXA DE QUINTAS, MARECHAL RONDON, CIDADE NOVA, BOA VISTA DO LOBATO, COUTOS, PITUBA, RIO VERMELHO, MATA ESCURA, CANABRAVA, BOCA DA MATA, ARMAÇÃO, AMARALINA, JARDIM CRUZEIRO E GARCIA.

Comentários