30 de maio de 2019, 10:12

EXCLUSIVAEm happy hour, deputados confirmam que Rui Costa não fará nomeações tão cedo

Foto: Manu Dias/Arquivo/GovBa

Governador Rui Costa não fez gracinha para deputados, além de lhes servir quitutes e bebidas em happy hour

O happy hour promovido ontem pelo governador Rui Costa (PT) com os deputados estaduais governistas a fim de distensionar a relação com os partidos de sua base na Assembleia Legislativa frustrou os parlamentares. Eles esperavam ouvir de Rui algum sinal de que destravaria a nomeação dos cargos de 2° escalão que ainda faltam preencher, bem como as indicações para os postos regionais e municipais nas áreas de saúde, educação, do Detran e da Adab.

Em contrapartida, no entanto, só receberam do anfitrião atenção e bebidas e quitutes para degustar nas cerca de duas horas em que permaneceram com ele. A maioria chegou às 19h e deixou o Palácio de Ondina às 21h, a tempo de correr para a Arena Fonte Nova e assistir à partida do Bahia contra o São Paulo. “É só a isso que teremos direito?”, questionou um deputado a outro, referindo-se a uma empadinha que um dos garçons do Palácio lhe ofereceu.

Ele aludia ao fato de o governador não ter trocado palavra sobre as nomeações, evitando o tema mesmo ante os mais ousados, que tentaram lhe questionar sobre a razão da demora. Momentos antes, em seu chamado “Papo Correria”, um programa de TV que o governador comanda na internet no qual divulga algumas informações políticas e administrativas e é considerado uma verdadeira tortura por assessores obrigados a assisti-lo pelos deputados, Rui avisara que não pretendia fazer tão cedo as nomeações.

O governador fez a declaração, acrescentando que nenhum órgão está sem direção. “Todos estão trabalhando. A troca é uma opção do governador. Eventuais substituições serão feitas”, declarou no programa.

Comentários