12 de março de 2019, 14:45

SALVADORPrefeitura autua Bompreço por crime ambiental no Rio Vermelho

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento e Urbanismo (Sedur) autuou o Bompreço pelo lançamento de esgoto no riacho da Fonte do Boi, no Rio Vermelho. O estabelecimento também foi notificado para suspender o descarte imediatamente. A ação fiscal do órgão que constatou o crime ambiental foi motivada por um ofício da Embasa que assegurava que o Bompreço estava realizando o despejo irregular. A empresa precisou realizar um procedimento para evitar que os efluentes desaguassem na praia. “Nessa ação somamos esforços para garantir a preservação do meio ambiente e o cumprimento da legislação. Seguiremos com uma fiscalização sempre atenta e uma punição dura para evitar esse tipo de descaso de grandes empresas com o meio ambiente”, afirma o diretor de fiscalização da Sedur, Átila Brandão. O dano ao meio ambiente foi considerado gravíssimo e a multa poderá chegar a até R$ 5 milhões. O valor será definido pela Comissão de Julgamento de Autos da Sedur.

Comentários