10 de março de 2018, 09:47

EXCLUSIVASem Neto para enfrentar, Rui deve se tornar mais duro, prevê petista

Foto: Divulgação/Arquivo

Governador Rui Costa

O risco, concreto, de ACM Neto (DEM) não concorrer ao governo tira o sono também de governistas, que temem um endurecimento nos termos dos acordos do governo com a base aliada no momento em que ficar claro que o democrata está fora do jogo. Por esta ótica, deputados da base, por exemplo, seriam obrigados a dar adeus a várias promessas que o governador Rui Costa (PT) vem fazendo, sobretudo para o interior. O governador também pode se tornar mais complacente com o seu próprio partido, o PT, abrindo-lhe mais espaço na administração num eventual segundo mandato. “O Rui hoje do amor vai voltar a ser o chefe da Casa Civil do governo Jaques Wagner, que não fazia um carinho a ninguém”, declara um petista. Para ele, a possibilidade de Rui se tornar “mais duro” será reforçada pelo fato de que ele não poderá mais ser candidato à reeleição, daqui a quatro anos.

Comentários