16 de outubro de 2017, 17:03

SALVADORMarta Rodrigues propõe tombamento de obra de Carybé na Rua Chile

Foto: Divulgação

Monumento “Colonização do Brasil”, do artista plástico Carybé, localizado na fachada do Edifício Bráulio Xavier, na Rua Chile

A vereadora Marta Rodrigues (PT) apresentou projeto de indicação à Prefeitura de Salvador, através da Fundação Gregório de Mattos, para que o monumento “Colonização do Brasil”, do artista plástico Carybé, localizado na fachada do Edifício Bráulio Xavier, na Rua Chile, seja tombado como patrimônio imaterial. A legisladora argumenta que Carybé teve “relevante contribuição” para a valorização da cultura baiana e para o registro do processo de formação da cidade do Salvador. Além disso, o monumento está dentro da poligonal do Centro Histórico, tombada pelo Instituto do Patrimônio Histórico, Artístico e Nacional (Iphan) e reconhecida pela Unesco como Patrimônio Cultural da Humanidade. “O painel em questão faz parte da paisagem da cidade, referência a nossa história, e sua proteção é de interesse público pelo seu reconhecimento social no conjunto de tradições passadas e contemporâneas da cidade”, destaca Marta Rodrigues. No projeto de indicação, a vereadora ressalta, ainda, que a arte de Carybé está nas ruas, em hotéis, aeroporto, banco e prédios comerciais do mundo inteiro. “O artista baiano tem trabalho exposto no Aeroporto J.F. Kennedy, em Nova York, no memorial da América Latina em São Paulo e em mural no Hotel Nacional, projeto por Niemeyer na Barra da Tijuca”, acrescenta Marta Rodrigues.

Comentários