21 de junho de 2017, 10:18

EXCLUSIVAVoto de Otto contra reforma trabalhista irrita bancada baiana no Congresso

Foto: JR Neto/Arquivo

Deputado Benito Gama está entre os que se irritaram com o voto de Otto contra o governo no Senado

Setores da bancada governista baiana no Congresso se irritaram com a decisão do senador Otto Alencar (PSD) de ter votado ontem contra a aprovação da reforma trabalhista na Comissão de Assuntos Sociais do Senado. E prometem levar a questão ao presidente da República, Michel Temer (PMDB), assim que ele retornar da viagem à Rússia. Para os parlamentares, Otto orienta a bancada de seu partido na Câmara a votar a favor do governo e pessoalmente vota contra no Senado. Um dos mais indignados com o voto do senador é o deputado federal Benito Gama (PTB), dos mais próximos a Temer no Congresso. “Otto recebe favores do governo e vota contra, ainda mais uma medida que é a favor do país”, disse Benito. Outro que ficou indignadíssimo com a postura do senador baiano foi o ministro de Relações Institucionais, Antonio Imbassahy, encarregado da articulação política do governo e que está no exterior com o presidente da República.

Comentários