19 de maio de 2017, 20:11

BAHIACentro Juvenil deixa estudantes mais perto da profissão e das artes

De dentro da cabine do avião, Caíque Seara, 18 anos, checa os instrumentos e planeja o futuro. Ele é aluno da oficina de simulação de voo, uma das 22 oferecidas pelo Centro Juvenil de Ciência e Cultura (CJCC) em todas as áreas do conhecimento. O CJCC fica dentro do Colégio Central, em Nazaré, na capital baiana. As oficinas são certificadas e gratuitas. O conhecimento adquirido por Caíque na oficina é útil ao estudo de diversas disciplinas do currículo normal, como matemática, geografia, física e química. “Aqui, a gente aprende para seguir uma carreira relacionada ou não à aviação. Eu vou fazer curso de piloto, a princípio algum alternativo para chegar às ciências aeronáuticas, e algum outro curso de linha aérea”, afirma o estudante. De acordo com o diretor do CJCC, Alcides Magalhães, as inscrições estão sempre abertas e são realizadas durante todo o ano. “A gente trabalha com o conceito de educação integral. Os alunos de outras escolas podem vir no horário oposto às aulas, escolher o curso e fazer as inscrições. As oficinas têm uma duração de 30 horas e nós contribuímos muito com a formação da escola básica, com um novo olhar”, comenta.

Comentários