18 de maio de 2017, 08:28

ECONOMIAAtivos brasileiros são negociados com forte baixa em Wall Street

Os ativos brasileiros ou ligados ao País são negociados com forte baixa em Wall Street, em reação ao aumento da aversão ao risco do investidor estrangeiro nesta quinta-feira, 18, por conta da nova crise política que paira sobre o Brasil. Entre os fundos de índices (ETFs, na sigla em inglês), o iShares MSCI Brazil Capped, ou EWZ, como é mais conhecida a maior carteira ligada ao Brasil, despencava 13,13% no pré-mercado eletrônico da Bolsa de Nova York, às 6h36 (horário de Brasília).Essa carteira conta com ativos de cerca de US$ 4 bilhões. O ETF é um fundo de investimento que simula o mercado de ações e tem como característica a negociação em bolsa. Ele costuma ser um termômetro para a tendência do mercado acionário no Brasil.

Estadão Conteúdo

Comentários