12 de abril de 2017, 07:47

BAHIA“Zé Ronaldo será bem-vindo à base de Rui”, diz Wagner

Foto: Política Livre

O secretário de Desenvolvimento Econômico da Bahia, Jaques Wagner, se posicionou ontem sobre a relação cordial mantida entre o governador Rui Costa (PT) e o prefeito de Feira de Santana, José Ronaldo (DEM), que é especulado para uma possível aliança com o PT baiano. Nesse sentido, o democrata deixaria sua atual legenda para se filiar a alguma da base, como o PP.“Se quiser vir, será sempre bem-vindo. Nunca tive conversa com ele sobre esse assunto, mas, é óbvio, que é prefeito de uma cidade importante, a segunda maior cidade do Estado, e eu digo sempre que se cresce na política ampliando o seu grupo e não excluindo. Mas não tenho notícias ainda de ele se descolar para o nosso grupo. Se for uma decisão dele, claro que a gente está sempre disposto a conversar”, disse Wagner em entrevista coletiva, em Feira.Os rumores dão conta de que, uma vez filiado ao PP, Ronaldo deixaria o comando do Executivo feirense para pleitear uma vaga no Senado, na chapa de Rui, que quer estar cercado de bons quadros. Principalmente diante da possibilidade de haver dissidências na base em 2018. A mais especulada é a de o senador Otto Alencar (PSD) debandar para o lado do prefeito ACM Neto (DEM), virtual candidato ao governo do Estado, o que o próprio Otto nega com veemência. Ronaldo também nunca escondeu a amizade que tem com o vice-governador João Leão (PP), o que alimenta ainda mais as especulações.Além disso, comenta-se que o feirense pode se filiar ao PSD, e assim ganhar uma vaga na majoritária. Há quem diga que ele dificilmente conseguiria o feito na chapa de Neto, já que teria de enfrentar partidos como PRB, PMDB e PSDB, dificultando a presença de dois democratas na majoriária.Em fevereiro, um encontro de Rui com o presidente da Câmara Municipal de Feira, Ronny Vieira (PSDB), deu o que falar. Em suas redes sociais, o vereador escreveu que o convite para jantar no Palácio de Ondina partiu do próprio governador. “Fomos recebidos com muito carinho para um delicioso jantar, onde conversamos bastante sobre vários assuntos. Estamos todos muito gratos pela recepção do governador e da primeira-dama”, postou o tucano. Leia mais na Tribuna da Bahia.

Comentários