9 de janeiro de 2017, 18:27

BAHIAValmir elogia Rui e critica PT por postura contra Suíca e Moisés Rocha

Foto: Mariana Sotero/Política Livre

Deputado federal Valmir Assunção também participou da inauguração de Hospital da Mulher

O deputado federal Valmir Assunção, do PT, criticou hoje a proposta de expulsão dos veradores petistas Moisés Rocha e Suíca porque votaram a favor da candidatura do democrata Leo Prates à presidência da Câmara Municipal de Salvador em troca de posições na mesa diretora e nas comissões. Segundo Assunção, que participa neste momento da inauguração do Hospital da Mulher pelo governador Rui Costa (PT), a posição do PT é um erro, porque são dois vereadores com mandato que não foram ouvidos pela direção partidária. “São dois vereadores com mandato, que tomaram posição na Câmara, dois dias depois suspende, não ouviu os vereadores, não discutiu com os vereadores”, afirmou, observando que qualquer militante tem direito à defesa, o que não aconteceu. “O PT não pode ser um partido autoritário, toma uma decisão e acabou. Há um conjunto de militantes que merece ser ouvido, respeitado. Acho um erro tomar uma decisão unilateral”, declarou Valmir, elogiando ainda o governador Rui Costa. Numa crise econômica como esta que estamos vivendo, o governador entregando o Hospital da mulher, neste primeiro semestre ainda vai entregar mais dois hospitais no Estado, tem feito um trabalho muito importante, desde as encostas, o metrô de Salvador, infraestrutura em todo o lugar. Se o povo da Bahia queria um governador que trabalha pelo Estado este é Rui Costa. Se queria um governador simples, igualmente o povo, Rui Costa. Ou seja o governador tem feito muitas ações administrativas e ao mesmo muita política, o que faz com que o grupo dele permaneça firme, unido, em torno dele”, disse.

Comentários