29 de agosto de 2011, 22:10

Wagner confirma metrô na Paralela em reunião com vereadores

Reunião de vereadores com o prefeito e o governador

Em reunião agora à noite (29) com o prefeito João Henrique, o chefe da Casa Civil do município, João Leão, o presidente da Comissão de Transporte da Câmara de Salvador, vereador Jorge Jambeiro (PSDB), e uma comissão de vereadores, o governador Jaques Wagner (PT) confirmou que até o final de outubro será lançado o termo de referência que servirá de base para a elaboração do edital de implantação do metrô que ligará Lauro de Freitas até a Rótula do Abacaxi (Acesso Norte), atravessando toda a Avenida Paralela.

 Ele destacou o consenso obtido na reunião com a Prefeitura de Salvador e a Câmara Municipal. Wagner disse que é importante uma maior participação do Legislativo municipal nas discussões envolvendo os projetos de mobilidade urbana para a cidade. O governador afirmou, ainda, que é importante um diálogo mais permanente com a Casa, de modo a impedir “novos ruídos na comunicação”.

A decisão de implantar metrô na Paralela, segundo Wagner, “atendeu a uma escolha técnica”. O prefeito João Henrique disse que o termo de anuência, necessário para o prosseguimento das ações de mobilidade, será concedido o mais rápido possível, mas ressaltou que é preciso cautela de modo que tudo seja feito dentro da legalidade. Segundo o vereador Jorge Jambeiro, a reunião serviu para apresentar o que a Câmara tem acumulado em experiência nesses anos todos sobre o transporte da cidade.

Participaram ainda da reunião o secretário de Planejamento do Estado, Zezéu Ribeiro; Cícero Monteiro, secretário do Desenvolvimento Urbano; Cezar Lisboa, secretário de Relações Institucionais; e Edmon Lucas, chefe de gabinete.

Comentários