20 de junho de 2011, 11:37

Entrevista: Wagner diz que Zé Neto deixou de ser brigão

O governador Jaques Wagner elogiou, na entrevista para a Rede TV, os nomes escolhidos por Dilma Rousseff para os ministérios da Casa Civil e das Relações Institucionais. Sobre Gleisi Hoffman, nova ministra da Casa Civil, afirmou ser “uma profissional muito competente”. Acerca da fama de “brigona” da nova responsável pela Articulação Política, Ideli Salvatti, citou o caso do deputado estadual Zé Neto, líder do governo baiano na Assembleia. “Eu tinha aqui um deputado, Zé Neto, que era um deputado muito guerreiro, sem ser líder do governo. Eu chamei para ser líder e muitos disseram: o senhor é doido, ele é de guerra. E, agora, o pessoal tá adorando. A única sugestão que eu dei a Ideli é que ela tenha boas pessoas para fazer articulação. Bons coronéis que possam operar”, afirmou. (Thiago Ferreira)

Comentários